A matemática das pesquisas para a presidência


Sexta-feira, 3 de outubro de 2014, às 10h51


Veja a posição dos candidatos à presidência da República, nas pesquisas Datafolha (divulgada 2/10) e Ibope (1/10) e compare as diferenças.

Candidatos fazem uma das disputas mais acirradas e ainda é difícil apontar quem irá para o segundo turno. Fotomontagem: aloart. Fotos: divulgação de campanha

DATAFOLHA PRESIDENTE

Datafolha: Dilma tem 40% das intenções de voto; Marina, 24%; e Aécio, 21%.

Mariana Tokarnia - Repórter da Agência Brasil
Edição: Nádia Franco

Pesquisa Datafolha divulgada ontem (2) mostra a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, com 40% das intenções de votos. Marina Silva, do PSB, aparece com 24%, e Aécio Neves, do PSDB, com 21%. Dada a margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos, os dois últimos candidatos entram em empate técnico.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo. Na pesquisa anterior, apresentada dia 30, Dilma tinha 40%, Marina, 25%, e Aécio, 20%.

Em relação aos votos válidos, se forem excluídos os brancos e nulos e os eleitores que se declaram indecisos, Dilma teria 45% dos votos, Marina, 27%, Aécio, 24%. Luciana Genro, Pastor Everaldo e Eduardo Jorge, teriam, cada um, 1%. Os demais candidatos teriam menos de 1%.

Este é o procedimento usado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer a disputa no primeiro turno, um candidato precisa de 50% mais um dos votos válidos.

Na simulação de segundo turno entre Marina e Dilma, Dilma venceria com 48% dos votos e Marina teria 41%. Na semana passada, Dilma tinha 49% e Marina, 41%.

Em um segundo turno entre Dilma e Aécio, Dilma sairia vencedora com 48% contra 41% dos votos. As porcentagens anteriores eram, respectivamente, 50% e 41%.

IBOPE PRESIDENTE

Ibope: Dilma abre vantagem no primeiro turno. No segundo, permanece empatada com Marina, mas numericamente à frente.

​Nova pesquisa realizada pelo IBOPE Inteligência em parceria com a TV Globo e o Estado de S. Paulo mostra a candidata à reeleição Dilma (PT) à frente, com 39% das intenções de voto (oscilação positiva de um ponto percentual – p.p. - desde a pesquisa da semana anterior). Marina Silva (PSB) permanece na segunda colocação, contudo, se distancia mais da atual presidente, tendo caído 4 p.p. desde a pesquisa anterior, sendo citada agora por 25% dos eleitores brasileiros. A distância entre as duas candidatas, que já foi de 4 p.p. em 02 de setembro, é agora de 14 p.p., dada a tendência gradual de queda de Marina, que no começo de setembro tinha 33% das menções. Já o candidato do PSDB Aécio Neves permanece com 19% das menções pela terceira rodada consecutiva. Luciana Genro (PSOL) e Pastor Everaldo (PSC) têm 1% das intenções de voto cada, enquanto a soma das menções aos demais presidenciáveis (Eymael, do PSDC, Levy Fidelix, do PRTB, Mauro Iasi, do PCB, Rui Costa Pimenta, do PCO, Zé Maria, do PSTU, e Eduardo Jorge, do PV) totaliza 1%. Brancos e nulos somam 7% e outros 7% não opinam (2 p.p. a mais que na semana anterior).

Segundo turno

Foram testados também alguns possíveis cenários de segundo turno. Na disputa entre Dilma e Aécio Neves, a petista venceria hoje com 45% das intenções de voto, contra 35% das menções ao peessedebista (na semana passada, os percentuais eram, respectivamente, 46% e 35%).

Na simulação entre Dilma e Marina, as duas candidatas encontram-se empatadas no limite da margem de erro, sendo que a atual presidente apresenta 42% e a candidata pelo PSB, 38% das intenções de voto. Na rodada anterior, cada uma era mencionada por 41%.

A disputa entre Marina e Aécio também se configura hoje em empate técnico no limite da margem de erro: a candidata tem 38% das intenções de voto (6 p.p. a menos que na semana anterior), enquanto o candidato apresenta agora 34% (3 p.p. a mais).

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*