Alckmin inaugura primeiro pôlder da marginal Tietê

Obra, que fica sob a ponte da Vila Maria, é a primeira de um conjunto de equipamentos que tem objetivo de minimizar inundações nas marginais do rio.

Governador Geraldo Alckmin inaugura o primeiro pôlder da marginal Tietê. Foto: Diogo Moreira

Governador Geraldo Alckmin inaugura o primeiro pôlder da marginal Tietê. Foto: Diogo Moreira

O governador Geraldo Alckmin inaugurou nesta quinta-feira, 6, o pôlder localizado na margem direita da ponte da Vila Maria, na marginal Tietê. A obra incrementará os resultados das ações realizadas no combate às enchentes na Região Metropolitana de São Paulo, pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio do DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica).

Primeiro pôlder da marginal Tietê está localizado na margem direita da ponte da Vila Maria. Foto: Diogo Moreira

Primeiro pôlder da marginal Tietê está localizado na margem direita da ponte da Vila Maria. Foto: Diogo Moreira

O pôlder dispõe de um sistema composto por um dique (muro de contenção), reservatório, dutos e bombas. “Esses equipamentos darão uma garantia muito grande para prevenir as enchentes. Com esse sistema, a água que parar embaixo das pontes será imediatamente drenada para o reservatório e depois devolvida ao rio”, explicou o governador.

Este é o primeiro de um conjunto de pôlderes que estão sendo implantados na Marginal Tietê, junto às pontes da Vila Maria (margem esquerda 50% executado), Aricanduva (margem direita 82% executado e esquerda 40% executado), Vila Guilherme (margem esquerda 50% executado) e Limão (margem direita, muro pôlder concluído, aguarda liberação ambiental para retirada de árvores para construção reservatório). Incluindo o pôlder da Vila Maria (margem direita), o pacote representa um investimento de R$ 61,6 milhões. Com esse sistema de pôlderes será possível aumentar em 20% a vazão máxima do rio Tietê.

O pôlder dispõe de um sistema composto por um dique (muro de contenção), reservatório, dutos e bombas. Foto Diogo Moreira

O pôlder dispõe de um sistema composto por um dique (muro de contenção), reservatório, dutos e bombas. Foto Diogo Moreira

A iniciativa do DAEE repercutirá em efeito semelhante ao alteamento dos pontos mais baixos, o que significa que a vazão do rio poderá ser aumentada em até 20% sem risco de extravasamento, ampliando em 200 m³/s na região do Cebolão.

Pôlderes
Os pôlderes são estruturas hidráulicas artificiais, uma das mais clássicas técnicas de drenagem para controle de enchentes em locais de baixa altitude próximos a rios, áreas ribeirinhas em geral e o mar.

Alckmin explicou que, com o sistema, a água que parar embaixo das pontes será imediatamente drenada para o reservatório e depois devolvida ao rio. Foto: Diogo Moreira

Alckmin explicou que, com o sistema, a água que parar embaixo das pontes será imediatamente drenada para o reservatório e depois devolvida ao rio. Foto: Diogo Moreira

A construção do sistema de pôlderes na Marginal Tietê se faz necessária devido à altitude variável da região que compreende o rio. Essa característica foi agravada pelo rebaixamento realizado na via ao longo das últimas décadas, com o objetivo de possibilitar a passagem de veículos altos por baixo das pontes existentes, vulnerabilizando o tráfego e a população circunvizinha quando ocorrem grandes precipitações.

 

Sergio Guerra. Foto: José Cruz/ABr (Agência Brasil)

Sergio Guerra. Foto: José Cruz/ABr (Agência Brasil)

NOTA DE PESAR

Falecimento de Sérgio Guerra

Perdemos hoje uma grande liderança nacional. Deputado e senador de destaque, Sérgio Guerra dedicou sua vida à causa pública e aos brasileiros. Sentiremos muita falta de sua personalidade agregadora, de sua visão de país e de sua capacidade de dialogar com todos os segmentos da sociedade. O Brasil se despede de alguém que entendia nossa nação e que usou toda sua energia para melhorar o país.

Geraldo Alckmin

Governador do Estado de São Paulo

Do Portal do Governo de São Paulo

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*