Arena das dunas e o Coliseu

Arena das Dunas - Natal - Obras finalizadas. Danilo Borges/Portal da Copa

Arena das Dunas – Natal – Obras finalizadas. Danilo Borges/Portal da Copa

Os antes chamados campos de futebol, agora chamam-se Arenas. Lembrando que a denominação foi usada na antiga Roma, para designar o local onde os gladiadores travavam embates até a morte gerando uma enorme carnificina para a diversão da massa. No Coliseu, preservado para a Memória da Humanidade, os romanos entregaram ao apetite dos leões e outros predadores, os adeptos de uma seita conhecida como a dos Cristãos, expandida em segredo por algum tempo, mas que crescia e se tornou muito maior do que todas as conquistas do poderoso Império Romano juntas ou de qualquer outra sobre a Terra. Muitos dos seguidores dos ensinamentos de Cristo, foram levados para a arena e seus corpos serviram para alimentar as feras, divertindo a bestialidade humana e de certa forma sua ingenuidade.

O Coliseu foi construído para alegrar e cativar as massas, elevando a autoestima dos cidadãos romanos da Roma antiga com uma política de pão e circo engrendrada pelo imperador Vespasiano. Mas a designação arena volta à tona com o propósito de identificar o local onde o jogo de futebol é praticado, talvez pelos mesmos motivos. Os tempos mudaram e a bestialidade deu lugar à ganância.

A noite de 22 de Janeiro, deve ser lembrada pelos brasileiros – um povo de memória curta -, pois foi inaugurada em Natal-RN, a Arena das Dunas, com a presença da presidenta Dilma Roussef e séquito. A conclusão da obra deixou extasiado o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke que postou no Twitter: “É ótimo ver também seu entorno progredindo em Natal”.

A inauguração também contou com um público indigesto para os organizadores. Cerca de 200 pessoas, segundo o Comando da PM do Rio Grande do Norte, protestaram contra os gastos do Governo com a Copa do Mundo, além de outras reivindicações contra a governadora Rosalba Ciarlini (DEM). Mas, não são só 200, nem 300 – como em alusão aos espartanos da Antiguidade que enfretaram o poderio persa nas Termópilas. São milhões de brasileiros que sofrem e lamentam quando o assunto é Copa do Mundo no Brasil.

Inauguração da Arena das Dunas, em Natal. Estádio receberá quatro jogos da Copa do Mundo da FIFA. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR - Portal da Copa.

Inauguração da Arena das Dunas, em Natal. Estádio receberá quatro jogos da Copa do Mundo da FIFA. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR – Portal da Copa.

Não é para menos, nem por pouco! Do campo – que mudou de nome – ao futebol – que já não é o mesmo –, a atividade esportiva deixou de simbolizar aquilo pelo qual foi criada e trazida pelos britânicos, principalmente por Charles Miller. O futebol se tornou uma indústria regada a cerveja, mordomias, salários fantásticos inalcançáveis pelos simples mortais e verbas monumentais. Os sonhos e o amor dos jogadores ao time ficaram em segundo plano, priorizando-se o aspecto financeiro, dando margem e criando mais uma via para o avanço da corrupção no ex-país do futebol, assim como em outros onde o esporte se destaca.

O Estádio das Dunas custou 413 milhões e foi construído pelo Governo do Rio Grande do Norte por meio de uma parceria pública privada com a OAS Empreendimentos. Divulga-se ao mundo que cerca de 4.500 operários trabalharam para erguê-lo, incluindo apenados do sistema carcerário potiguar, elevando a taxa de empregabilidade na região e supondo que o estádio poderá servir mesmo depois da Copa do Mundo, utilizando o aparato que o complementa. “Ele é importantíssimo porque vai ter jogos de futebol, principalmente de ABC e América, mas também vai poder receber convenções, reuniões e encontros”, afirmou a presidenta Dilma na noite de inauguração.

Construído para o entretenimento e o deleite da massa, o Estádio das Dunas receberá quatro jogos da Copa do Mundo, ao custo aproximado de mais de 103,25 milhões por jogo, é só fazer as contas. A OAS Empreendimentos está envolvida em escândalos de corrupção investigados pela Polícia Federal e o Ministério Público. Apesar de novas medidas contra a corrupção entrarem em vigor a partir de Fevereiro próximo, não será por meio de leis que o mal será extirpado do país. Porém, a tentativa é louvável, um começo. A presidenta Dilma concluiu ontem que o estádio “além de tudo, saiu 3% abaixo do preço orçado”.

Para quem?

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*