Caminhos, longos caminhos, para a Liberdade

Bill Clinton e Nelson Mandela no Independence Hall, na Filadélfia, PA, 4 de Julho de 1993. Foto: Casa Branca

Sexta-feira, 18 de julho de 2014 às 19h44


Gerson Soares

Nos Estados Unidos da América, Nelson Mandela foi recebido com todas as honrarias pelo então presidente Bill Clinton.

O país tem a estátua da Liberdade como um dos seus símbolos. Seu nome oficial é A Liberdade Iluminando o Mundo, um grandioso monumento inaugurado em 28 de outubro de 1886, construído na Ilha da Liberdade, na entrada do Porto de Nova Iorque para comemorar o centenário da assinatura da Declaração da Independência dos Estados Unidos e é um gesto de amizade da França.

A estátua foi projetada e construída pelo escultor alsaciano Frédéric Auguste Bartholdi (1834-1904), que se baseou no Colosso de Rodes para edificá-la. Para a construção da estrutura metálica interna, Bartholdi contou com a assistência do engenheiro francês Gustave Eiffel, mesmo engenheiro da Torre Eiffel.

Nelson Mandela lutou e trabalhou não só pela sua libertação. Com seu gesto que durou 27 anos, marcou seu tempo e mudou o mundo em nome da Liberdade.

Assista o trailer do filme:

Mandela: O longo caminho para a liberdade

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*