Campeão Brasileiro de Enduro fala de sua experiência na Europa

De volta ao Brasil, Campeão Brasileiro de Enduro diz que experiência na Europa se torna um divisor em sua carreira. Para Rômulo Bottrel, finalizar as duas etapas do mundial foi uma verdadeira vitória.

O piloto brasileiro Rômulo Bottrel, de Minas Gerais, foi o melhor brasileiro entre os quatro que participaram do principal torneio de Enduro do mundo. Foto: Divulgação/Y.Sports

O piloto brasileiro Rômulo Bottrel, de Minas Gerais, foi o melhor brasileiro entre os quatro que participaram do principal torneio de Enduro do mundo. Foto: Divulgação/Y.Sports

O piloto Mineiro Rômulo Bottrel, integrante da equipe P3 Racing e primeiro brasileiro a competir com uma motocicleta e suporte oficial de fábrica no Mundial de Enduro, retornou ao Brasil esta semana e se diz outro piloto, após a sua primeira experiência em torneios no velho continente.

“A experiência muda minha forma de pensar o esporte, minha técnica e meus treinamentos”, revelou Bottrel, que pilotou nas etapas de Espanha e Portugal uma motocicleta italiana Beta 498 RR. “Fui bem recebido e tratado com muito respeito pela equipe e pelo público. É algo muito surpreendende”, explicou o piloto.

Na abertura do Mundial de Enduro em Solsona, Grande Prêmio da Catalunia o piloto da P3 chegou em 19º lugar. Na etapa seguinte, o Grande Prêmio de Portugal, em Vale de Cambra, cehgou na 13ª colocação, ambos resultados na categoria E3. Para Bottrel, finalizar as duas etapas foi uma verdadeira vitória. Ele foi o melhor brasileiro entre os quatro que participaram do principal torneio de Enduro do mundo.

“Foi extremamente difícil, deslocamentos com tempos apertados e nível de dificuldade muito alto. Especiais muito técnicas que exigem preparo físico, força e habilidade. Foi de grande importância pra minha carreira e muito gratificante”, disse Bottrel.

Bottrel pilotou na Europa uma motocicleta italiana Beta 498 RR. Foto: Divulgação/Y.Sports

Bottrel pilotou na Europa uma motocicleta italiana Beta 498 RR. Foto: Divulgação/Y.Sports

O piloto também ressaltou o respeito do público com os atletas. “Lá todos são ídolos. Os espectadores aplaudem do primeiro ao último e ainda vibram quando você supera uma dificuldade, é emocionante.”

Nesta quinta-feira (17), o piloto retoma em Belo Horizonte a sua rotina de treinamentos. O foco é o Campeonato Brasileiro de Enduro, que tem sua próxima etapa no dia ainda este mês, nos dias 27 e 28, em Aracruz no Espírito Santo. Bottrel quer muito defender seu título. Ele está empatado na liderança do campeonato, junto com o português Luis Oliveira.

A participação de Bottrel no Mundial de Enduro teve o patrocínio de Red Orange Motocicletas, Kini Red Bull, capacetes Airoh e Edgers coroas e pinhões.

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*