Carros antigos: Carruagem motorizada Thames

Último exemplar da carruagem motorizada Thames. Foto: Louwman Museum. Coleção Louwman / Divulgação

 

 

Conheça outra raridade

Quarta-feira, 10 de setembro de 2014 às 08h41


Edição: Alô São Paulo

Museu Louwman – Localizado na cidade de Haia, na Holanda, conta com uma coleção de carros que se multiplicou há quase três centenas de modelos após 125 anos. Hoje, iremos conhecer a história de mais uma dessas raras preciosidades automobilísticas do ano de 1894.

THAMES
48-HP MOTOR STAGE COACH

Um ônibus que se parece muito com uma diligência, mas, neste caso, que foi intencional. Um motor de 5,0 litros com seis cilindros, que foi colocado mais à frente possível do veículo a fim de lhe dar a impressão de uma carruagem, assim como as pequenas rodas frontais e grandes rodas traseiras.

Assim foi concebido o Thames. Este exemplar do Museu Louwman é o único sobrevivente de uma frota de carruagens com motor a gasolina, encomendado pela Motor Coaches Limited. Essas diligências motorizadas, coachs ou carruagens, foram utilizadas para transportar pessoas entre Londres até as corridas de cavalos nos hipódromos de Ascot e Epsom, dentro de um raio de 160 km. Seu espaço interno comporta nove passageiros na cabine e mais dezesseis no teto – em inglês roof ou telhado.

O coach foi construído pela Thames Ironworks, Shipbuilding & Engineering Company Ltd., fundada em 1857, que até meados do século 19 era uma grande empresa de construção naval inglesa. Em 1902 a empresa começou a construir caminhões movidos a vapor, cuja fonte de alimentação ficava na lateral. Os motores só começaram a ser utilizados em 1906.

A carroceria desta diligência foi construída por Thrupp & Maberly, uma empresa que no futuro viria a construir carrocerias para carros de luxo, como a Rolls-Royce e Mercedes-Benz.

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*