Macaco: Troféu Brasil do ADCC é aquecimento para o WSOF nos EUA
nov06

Macaco: Troféu Brasil do ADCC é aquecimento para o WSOF nos EUA

Daqui a nove dias, o lutador de MMA Jorge Patino “Macaco”, disputa o torneio do ADCC no Brasil e em seguida embarca para os EUA, onde luta no World Series of Fighting (WSOF).

Leia mais
Demian Maia faz luta estratégica e bate Ryan Laflare no UFC Rio
mar23
Leia mais
Ronaldo Jacaré afia as presas para Gegard Mousasi
ago08

Ronaldo Jacaré afia as presas para Gegard Mousasi

Sexta-feira, 8 de agosto de 2014 às 17h50   Brasileiro faz a luta principal do UFC Fight Night 50, que acontece no próximo dia 5 de setembro, em Los Angeles. Vitória o colocará em rota de colisão com o detentor do cinturão dos pesos médios do evento. Falta menos de um mês para o próximo desafio de Ronaldo Jacaré no MMA. No próximo dia 5 de setembro, o brasileiro enfrentará o iraniano radicado na Holanda Gegard Mousasi, na luta principal do UFC Fight Night 50, que acontece em Los Angeles, na Califórnia. O capixaba de Cariacica ocupa o quarto lugar no ranking do evento. Caso vença a disputa contra Gegard, Ronaldo estará apto a desafiar o campeão da categoria dos pesos médios (84kg), que sairá do combate entre o norte-americano Chris Weidman e o brasileiro Vitor Belfort, que acontece em dezembro.     “Primeiro a gente tem que trabalhar para depois reivindicar alguma coisa. Meu foco é treinar para chegar forte na luta contra Gegard. Tenho certeza que vencerei essa disputa e depois vou buscar o cinturão, porque ninguém vai me parar nessa categoria. Será um combate muito importante para a minha carreira”, observa Ronaldo Jacaré. Segundo a assessoria do lutador, o Brasil é reconhecidamente uma fábrica de talentos de MMA e a produção continua a todo vapor. Uma nova safra de lutadores vem ganhando espaço, principalmente dentro do UFC e o nome de Ronaldo de Souza se destaca como um dos mais sérios candidatos a títulos dentro do evento. Pentacampeão mundial de jiu-jitsu, bicampeão do ADCC (evento de submission – jiu-jitsu sem quimono), Jacaré é um exímio finalizador. Com 20 vitórias no cartel e apenas três derrotas, uma delas para Mousasi, em 2008. Ronaldo afirma não pensar na luta como uma revanche. ‘’O jornal de ontem ninguém quer ler, só serve para embrulhar peixe, não é? Então, não me importo com o passado. Olho apenas para o futuro e nele só vejo vitória. A minha preparação é para estar cem por cento em tudo. O Gegard é um lutador completo, especialista em muay thai. Estou pronto para todo tipo de combate, tenho treinado muito o boxe, o judô e a luta livre, para chegar lá e surpreender meu oponente, mas não dá para negar as minhas origens. Minha especialidade sempre será o jiu-jitsu’’, lembra o Capixaba. A rotina de treinos vem sendo pesada. Comandada pelo técnico Josuel Distak, pelo preparador físico Rogério Camões e por Sylvio Behring, mestre de Jiu-jitsu, Jacaré ainda conta com os valiosos conselhos de ex-campeões como Pedro Rizzo e Anderson Silva....

Leia mais