CET implanta redução de velocidade máxima em mais cinco vias


Sexta-feira, 14 de agosto de 2015, às 15h50


Av. Angélica, Av. Nadir Dias de Figueiredo, Av. Dr Abraão Ribeiro, Av. Pacaembu e R. Major Natanael terão velocidade máxima de 50km/h a partir de segunda (17).

Da CET

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), divulgou ontem (13), que implantará a partir desta segunda-feira (17/08) redução de velocidade na Avenida Angélica (centro), na Avenida Nadir Dias de Figueiredo (zona norte), na Avenida Doutor Abraão Ribeiro, na Avenida Pacaembu e na Rua Major Natanael (todas na zona oeste), onde será regulamentada a velocidade máxima de 50 km/h. Hoje, a velocidade permitida é de 60 km/h. A medida está inserida no plano de redução de acidentes viários do “Programa de Proteção à Vida”.

Faixas começam a ser instaladas nesta quinta-feira (13) para orientar motoristas sobre a mudança com alguns dias de antecedência.

 

Novas velocidades a partir de amanhã. Motoristas devem ficar atentos. Foto: Cesar Ogata/SECOM

Novas velocidades a partir de amanhã. Motoristas devem ficar atentos. Foto: Cesar Ogata/SECOM

 

O “Programa de Proteção à Vida”, iniciado em 2013, no começo da atual gestão, visa a redução de acidentes e atropelamentos na cidade, ampliado uma série de ações para segurança de todos os agentes do trânsito, especialmente os pedestres, que inclui várias frentes como o “CET no Seu Bairro”; a implantação de “Áreas 40”; do “Frente Segura” (bolsões de parada junto aos semáforos para motociclistas e bicicletas); das faixas de pedestres diagonais em cruzamentos de grande movimento; e da redução de velocidade para o padrão máximo de 50 km/h. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários do sistema viário, buscando a convivência pacífica entre todos.

Alterações no Sistema Viário

Av. Angélica
Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h no trecho entre a Avenida Paulista e a Rua Baronesa de Itú, e de 40 km/h entre a Rua Baronesa de Itú e a Rua Barra Funda. A velocidade de 40 km/h nesse trecho é necessária em função de área escolar (Escola Técnica Oswaldo Cruz) e do volume de pedestres que se dirigem à estação Marechal Deodoro do Metrô. Anteriormente, a velocidade permitida era de até 60 km/h.

Av. Nadir Dias de Figueiredo
Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Rua Curuçá e a Avenida Guilherme Cotching (1,6 Km). Anteriormente, a velocidade permitida era de até 60 km/h.

Av. Doutor Abraão Ribeiro / Av. Pacaembu / Rua Major Natanael
Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h na Avenida Doutor Abraão Ribeiro, na Avenida Pacaembu e na Rua Major Natanael, em ambos os sentidos, por toda extensão (4,4 km, entre a Avenida Doutor Arnaldo e a Ponte Jornalista Walter Abraão - Casa Verde).

Obs.: Será mantida a velocidade regulamentada no trecho da lombada eletrônica existente na Rua Major Natanael (sentido Marginal Tietê), junto à Praça Fagundes Varela, que já é de 50 km/h.

A medida se faz necessária visto que as referidas vias possuem tráfego intenso e grande volume de pedestres. Desta forma, velocidades menores são necessárias para promover condições seguras e confortáveis de circulação aos pedestres, que ainda representam o maior número de vítimas no trânsito em São Paulo.

Para implantação da redução de velocidade no eixo serão utilizadas 72 novas placas de sinalização vertical de regulamentação e advertência, além de faixas de vinil e banners nos principais acessos, alertando os motoristas quanto à mudança.

A Engenharia de Campo da CET vai acompanhar o desempenho da nova medida e orientar o tráfego na região.

Fale com a CET - Ligue 1188. Atendimento 24 horas para informações de trânsito, ocorrências, reclamações, remoções e sugestões.

Redução de velocidade nas marginais causa polêmicas. OAB-SP pretende mover ação contra medida. Foto: Fernando Stankuns / Wikipedia. Sobrefoto: aloart

Redução de velocidade nas marginais causa polêmicas. OAB-SP pretende mover ação contra medida. Foto: Fernando Stankuns / Wikipedia. Sobrefoto: aloart

Leia mais sobre
MOBILIDADE URBANA

 

São Paulo concentrou capacidades de comando sem perder completamente a produção industrial. Foto: Leo Ramos

São Paulo concentrou capacidades de comando sem perder completamente a produção industrial. Foto: Leo Ramos

Leia mais sobre
ALÔ SÃO PAULO

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo
Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo
Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo
Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes
Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo
Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo
Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
  • Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo

  • Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo

  • Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo

  • Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes

  • Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo

  • Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo

  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*