E por falar em pizza…


Domingo, 24 de maio de 2015, às 12h59


Dia da Pizza é uma data sempre bem-vinda e não é preciso esperar para comemorar. Saiba como surgiu a oficialização da data e as origens dessa iguaria que marca os costumes da cidade de São Paulo, um verdadeiro reduto da pizza no país.

Do site “Velhos Amigos” de Lou Micaldas| Por Paulo Kwamme

História

Se existe um prato que é quase uma unanimidade nacional na aceitação é a pizza. E sempre que falamos nela, lembramos dos italianos. Mas não foram eles que inventaram essa delícia, nem ela surgiu com as características que conhecemos: massa fina, molho de tomate, queijo derretido, recheio e uma pitada de orégano por cima.

 

Pizza de manjericão da Pizzaria Ideal. Foto: Divulgação / Ideal

Pizza de manjericão da Pizzaria Ideal. Foto: Divulgação / Ideal

 

Diz a história que a primeira pizza apareceu há mais de 6 mil anos e era apenas uma fina camada de massa conhecida como “pão de Abrahão”, que os hebreus e egípcios consumiam. Ela se parecia com nosso pão sírio atual e também era chamada de “piscea”, daí o nome pizza.

Os italianos, milhares de anos depois, incrementaram a pizza com o tomate, e ela era consumida dobrada ao meio como se fosse um sanduíche. Sua disseminação aconteceu durante a segunda metade do século XIX, em 1889, com dom Raffaele Espósito, um padeiro napolitano que servia o rei Umberto I e a rainha Margherita e, para agradar e inovar o cardápio, resolveu adicionar à massa, mussarela, tomate e manjericão, ingredientes que reproduziam as cores da bandeira italiana. E, em homenagem à rainha, ele batizou sua receita com o nome de pizza Margherita.

Na sequência, padeiros mais criativos começaram a inovar e colocaram na pizza outros ingredientes, como o alho, o alicce e peixes da região.

A fama de Nápoles correu o mundo e, assim, surgiu a primeira pizzaria: a Port’Alba. Ela era um grande ponto de encontro de artistas da época. Entre eles, estava Alexandre Dumas, que até mesmo citou em uma de suas obras algumas variações da pizza. Por muito tempo, ela era vendida em padarias e barracas de rua e consumida no café da manhã. De Nápoles para o resto do mundo foi “um pulo”, pois os imigrantes a levaram para vários países e a popularizaram.

Ela chegou aos EUA, assim como ao Brasil, por intermédio dos imigrantes italianos. Por muito tempo, só se encontravam pizzarias nos redutos e colônias italianas. Hoje, essa famosa delícia está em qualquer lugar das cidades.

Dia da Pizza

O Dia da Pizza é comemorado em 10 de julho, desde 1985, em São Paulo. A data foi instituída pelo então secretário de turismo, Caio Luís de Carvalho, por ocasião de um concurso estadual que elegeria as 10 melhores receitas de mussarela e margherita. Empolgado com o sucesso do evento, ele escolheu a data de seu encerramento, 10 de julho, como data oficial de comemoração da redonda.

E por falar em pizza...

Falar em Pizza é falar de milênios. Quando uma pizza é bem feita é uma delícia de prato bem servido. Existem de todos os gostos e as distintas são deliciosas. Hoje é muito comum degustar em comemorações de todo tipo. A comida em que o italiano sabe pôr ótimos temperos e um bom vinho na companhia.

Mas, como uma coisa tão preciosa pode cair no ridículo, na capacidade de bons políticos, entre aspas, em esconder verdades e dar proteção aos corruptos e malfeitores?

Estamos cansados de pagar o mico e passarmos por idiotas, comendo pedaços e mais pedaços de uma Pizza recheada de falsidades. Em nosso chão é muito comum comer essa desagradável e ficar com cara de babaca. Principalmente no resultado de várias Comissões Parlamentares de Inquéritos. Uma verdadeira comédia inusitada na casa da tia Maroca.

Bem, uma coisa digo com prazer: eu gosto demais de Pizza. Tanto salgada, quanto a doce no final das contas. E acho que muita gente também.

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*