Extração de peles de animais é proibida em SP


Quarta-feira, 29 de outubro de 2014, às 19h01

 
São Paulo sanciona lei que proíbe a criação de animais para extração de peles. Lei tem intuito de preservar animais usados na indústria de casacos e acessórios.

gov lei proibe extraç pele animalCom o intuito de preservar os animais usados na indústria de casacos e acessórios, como coelhos, raposas, visons, texugos, focas, coiotes, esquilos e chinchilas, a medida será publicada no Diário Oficial de quarta-feira, 29

Foi sancionada nesta terça-feira, 28, a lei que proíbe a criação ou manutenção de animais para extração de peles. O Projeto de Lei 616 de 2011 foi aprovado no dia 17 de setembro na Assembleia Estadual. Atualmente, o Brasil é um dos maiores produtores e o segundo maior exportador de peles de chinchila do mundo, atrás apenas da Argentina.

Com o intuito de preservar os animais usados na indústria de casacos e acessórios, como coelhos, raposas, visons, texugos, focas, coiotes, esquilos, e, em maior número, chinchilas, a medida será publicada no Diário Oficial de quarta-feira, 29.

A lei prevê mais de R$ 10 mil de multa, por animal, ou 500 Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (UFESP´S) para a empresa que descumprir a lei, e o dobro no caso de reincidência. A regulamentação da lei se dará em regime de urgência.

Do Portal do Governo do Estado

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*