Feriado de Corpus Christi tem diárias de R$120 em SP

6 de junho de 2014 às 16h53

Alugar um imóvel na praia no próximo feriado de Corpus Christi tem diárias a partir de R$ 120,00 nos litorais de São Paulo, é o que informa a pesquisa elaborada pelo CRECISP.

Menos que uma pizza, acompanhada de refrigerantes em pizzaria paulistana de renome. É isso o que vai gastar quem se dispuser a dividir com outras nove pessoas uma casa com 4 dormitórios no Guarujá ou Bertioga durante o feriado prolongado de Corpus Christi, de 19 a 22 de Junho próximo. Cada um dos 10 ocupantes pagará uma diária média de R$ 60,00 para desfrutar das comodidades de um imóvel na praia.

Esse tipo de imóvel está sendo oferecido para locação por R$ 600,00 diários nessas duas cidades e em Santos e São Vicente, no Litoral Central, segundo pesquisa feita com 24 imobiliárias de 12 cidades pelo Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (CRECISP). Em alguns desses imóveis, os proprietários admitem até 15 ocupantes, o que reduziria o gasto unitário a R$ 40,00. As informações foram divulgadas pelo órgão no início desta semana.

Segundo a pesquisa, o feriadão de Corpus Christi tem opções para locação diária que começam em R$ 120,00, que é quanto os proprietários pedem por apartamentos de 1 dormitório em cidades do Litoral Norte como Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba. No caso dos apartamentos e casas com 1 dormitório, admitem-se até quatro ocupantes. Esse mesmo tipo de imóvel sai por R$ 260,00 diários no Guarujá e Bertioga, no Litoral Central, e por R$ 135,50 no Litoral Sul.

Os imóveis com diária mais caras em oferta para o feriadão são os apartamentos de 4 dormitórios situados nas cidades do Litoral Norte – os proprietários pedem, em média, R$ 816,67. Esse mesmo imóvel sai por R$ 675,00 no Litoral Sul e por R$ 767,67 no Litoral Central. No Litoral Sul estão cidades como Peruíbe, Mongaguá, Praia Grande e Itanhaém.

“Estes são os valores pedidos, mas não são, necessariamente, os valores finais de locação”, afirma José Augusto Viana Neto, presidente do CRECISP. “Quem deixar para alugar na última hora vai pagar isso ou até mais, mas antecipando a locação, o valor pode baixar”, acrescenta. Ele recomenda que se procure alugar em imobiliárias e corretores para evitar riscos com golpistas que “alugam” o que não lhes pertence.

Almada no litoral Norte de SP. Foto: Stock

Santos: litoral Central de SP. Foto: Stock

Guaraú, litoral Sul.  Foto: Por Beatriz Proença de Paiva

Diárias menores

Pequenos ou grandes, a maioria dos imóveis em oferta para locação no feriado de Corpus Christi deste ano está com diárias menores do que no mesmo feriado em 2012, quando o Creci de São Paulo fez a pesquisa nas cidades do Litoral.

De 21 tipos de imóveis em oferta nas imobiliárias pesquisadas, 12 estão com diárias menores e 9, maiores. A diária que mais subiu – 53,41% de alta – foi a de apartamentos de 3 dormitórios nas cidades do Litoral Norte. A diária em 2012 custava R$ 366,67 e agora está em R$ 562,50. E está também no Litoral Norte o imóvel cuja diária mais baixou de 2012 para 2014 – casas de 4 dormitórios que eram oferecidas por R$ 1.600,00 estão sendo ofertadas agora por R$ 683,33, uma queda de 57,29% (ver quadro abaixo).

Um dos imóveis mais procurados para locação em temporadas, os de 2 dormitórios, têm preços praticamente idênticos nas cidades do Litoral Norte e do Litoral Sul. Os apartamentos têm diárias cotadas a R$ 250,00 no Norte e R$ 225,00 no Sul. No Litoral Central, o valor sobe para R$ 350,00. Já as casas de 2 dormitórios saem em média por R$ 325,00 no Litoral Norte, R$ 225,00 no Litoral Central e R$ 250,00 no Litoral, conforme apurou a pesquisa CRECISP.

Até 15 pessoas

As 24 imobiliárias que responderam a pesquisa do Creci de São Paulo informaram que todos os proprietários aceitam alugar seus imóveis por até 4 dias no feriado de Corpus Christi.

A limitação do número de pessoas por imóvel é de 4 para apartamentos de 1 dormitório e de 6 para casas. O limite sobe para até 8 nas casas de 2 dormitórios, sobe para 12 nas de 3 dormitórios e chega a 15 nas de 4 dormitórios, podendo este número variar para mais ou para menos, de acordo com o regimento interno dos condomínios.

Participaram nesta pesquisa de temporada um total de 24 imobiliárias, divididas nas cidades de Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe e Praia Grande no litoral Sul. No litoral Central tivemos as cidades de; Bertioga, Guarujá, Santos e São Vicente. Já no litoral Norte as cidades que participaram foram; Caraguatatuba, Ilhabela São Sebastião e Ubatuba.

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*