97ª Festa de São Vito: último final de semana, vale a pena conhecer!


Quarta-feira, 20 de maio de 2015, às 09h31


Saiba como será a festa que acontece no Brás – há quase 100 anos – para manutenção de ações sociais. Um exemplo de união e humanidade, regado a vinho e pela boa comida italiana. Conheça também um pouco da história desse santo que foi perseguido no início da Era Cristã. No Brasil, a festa em sua homenagem é uma das mais tradicionais de São Paulo. São só mais dois finais de semana para curtir essa alegria.

 

96ª Festa de São Vito. Foto: Divulgação

96ª Festa de São Vito. Foto: Divulgação

 

Voluntariado e tradição. Tudo pela nossa creche! Este é o lema!

Desde 1918, a colônia italiana do tradicional bairro paulistano do Brás realiza a Festa de São Vito, uma devoção religiosa do sul da Itália, que cruzou o oceano e agita a cidade de São Paulo, nas noites de sábado e domingo, a partir do dia 23 de maio até 5 de julho de 2015.

Vito e o início da Era Cristã

O jovem Vito recebeu formação cristã dos servos Modesto e Crescencia e, por isso, foi denunciado pelo próprio pai – Hila, um soldado romano – ao Imperador Diocleciano (244–311).

Diocleciano reabilitou as velhas tradições, incentivando o culto dos deuses antigos e foi o protagonista daquela que é conhecida por alguns historiadores eclesiásticos como a penúltima grande perseguição empreendida pelo Império Romano contra o cristianismo: a era dos mártires.

Sem nunca renunciar sua fé, Vito foi torturado até a morte, em 15 de junho de 303 D. C., aos 15 anos idade. Seus restos estão enterrados na cidade de Polignano a Mare e o milagre de suas aparições e curas ganhou devoção no sul da Itália e é comemorada também aqui no Brasil, com muita fé e alegria.

15 de junho – Dia de São Vito

O padroeiro da cidade de Polignano a Mare é o protetor dos artistas, das doenças nervosas, dos jovens e dos dependentes de drogas. Seu dia é comemorado em 15 de junho. Quando os primeiros imigrantes italianos deixaram a cidade de Polignano a Mare (pronuncia-se Polinháno a Máre), na Puglia (pronuncia-se Púlhia), jamais imaginariam que a devoção ao seu Santo Padroeiro se transformaria na maior festividade típica popular realizada fora da Itália. Nos sete fins de semana pelos quais se prolonga, a Festa de São Vito transforma o Brás no principal ponto de encontro para milhares de pessoas e dezenas de caravanas do interior de São Paulo e de todo o país.

Responsabilidade social e a força do voluntariado

Organizada pela Associação Beneficente São Vito Mártir, a Festa é a principal fonte de recursos para a manutenção da CRECHE SÃO VITO, também conveniada com a Prefeitura de SP. São 100 crianças de 1 a 4 anos atendidas gratuitamente, em período integral. Nos 19 anos de existência, a Creche acolheu mais de 19 mil crianças.

Mammas da São Vito apresentam a tradicional gastronimia pugliesa

E os pratos são de dar água na boca! As senhoras, entre os 70 e 87 anos, carinhosamente chamadas de Mammas da São Vito (pronuncia-se mámmas) que colocam literalmente as mãos na massa para o preparo de iguarias típicas como a Guimirella (churrasco de fígado e folhas de louro), spaghetti, penne ou ricchitelle (pronuncia-se riquitelle e significa orelhinha) al sugo ou a puttanesca. Já o molho ou Ragú é um capítulo à parte: aromatizado com basílico fresco e tomates maduros, cozinha por horas a fio. Apreciadíssimas, a ficazza (pizza alta) e a ficazzella (pastel frito com tomate, muzzarella e orégano) agitam a cozinha ao vivo e a cores. E para saciar a gula sem culpa, doces típicos como: piccicatella (pronuncia-se pitchicatella), amaretti, castagnelle (pronuncia-se castanhelle), pezza dolce e dormosa, além dos tradicionais doces de confeitaria. Na Festa, cerca de 100 voluntários trabalham nas barracas de comida.

Os números da São Vito são extraordinários

Neste ano, a Festa de São Vito tem a estimativa de atrair um total de mais de 80 mil pessoas. Toda essa gente deve consumir 150 mil pratos de spaghetti, penne e ricchitelle, 5 toneladas de antepasto de berinjela, 60 mil ficazzelle (tipo de pastel), 30 mil ficazze (pizza alta) e 40 mil doces típicos. Até agora foram compradas seis toneladas de farinha de trigo, oito de tomates, seis de cebolas e 6 mil litros de azeite de oliva.


Serviço

97ª Festa® de São Vito – Rumo aos 100 anos!
Todos os sábados e domingos a partir de 23/05/2015 a 05/07/2015. HORÁRIOS: Sábados, a partir das 19h00 até 00h30. Domingo, a partir das 19h às 23h. Aceita todos os cartões de crédito.

Cantina

Rua Fernandes Silva nº 96 – Brás, São Paulo, SP- CEP 03005-010. Capacidade para 480 cadeiras em mesas de 20 (vinte) lugares numerados, com total visibilidade para o palco. É a única Festa Italiana no mundo em local coberto. Custo convite Individual – Sábado R$ 65,00 com direito: 1 antepasto, 1 prato de macarrão spaghetti ou penne, 1 ficazzella, cadeira e mesa numeradas. No domingo R$ 30,00 com direito a 1 prato de spaghetti ou penne, cadeira e mesa numeradas.

Praça de alimentação

Rua Polignano A Mare nº 255 - Brás, São Paulo, SP. Com mesas de apoio sem cadeiras (espaço para mais de 3 mil pessoas por noite). Entrada R$ 5,00 couver artístico. Crianças até 05 anos, acompanhadas dos pais têm entrada grátis.
BAR: Vinhos Importados e Nacionais, Cervejas, Refrigerantes e Água.


Música ao Vivo e Pista de Dança

De 23/05/2015 a 14/06/2015 – Banda Italianíssima Brasil.
De 20/06/2015 a 05/07/2015 – Banda ECE Som Itália.

Informações e Reservas antecipadas somente por telefone: Edméia ou Angela no Fone/fax: 11- 3227-8234; 11- 3229-5678; 11- 3326-2957.

Acesse o site: www.associacaosaovito.com.br
Email: festasaovito@uol.com.br ou contato@associacaosaovito.com.br

Mammas da São Vito e seus pratos da gastronomia italiana. Foto: Divulgação/SV

Mammas da São Vito e seus pratos da gastronomia italiana. Foto: Divulgação/SV

PARTICIPE! VOCÊ CONHECERÁ O CENTRO SOCIAL E A CRECHE QUE AJUDOU A CONSTRUIR E QUE ESTÁ AJUDANDO A MANTER

circolo italiano filosofiaLeia mais sobre
CULTURA

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*