‘Hoje escreveremos um novo roteiro para o futuro’, afirma chefe da ONU


Terça-feira, 1º de dezembro de 2015, às 10h53


Abertura da Conferência do Clima contou com 150 líderes mundiais. Ban Ki-moon pediu para que desenvolvam formas para medir, monitorar e informar o progresso no andamento de futuro acordo.

ONU Brasil | COP21

“Hoje vocês estão aqui para escrever um novo roteiro para o futuro”, disse o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, na abertura da Conferência do Clima em Paris (COP21), nesta segunda-feira (30), acrescentando que um momento político como este pode nunca mais acontecer.

 

Ban Ki-moon e líder indígena, ontem (30 de Novembro), durante a abertura da COP21, em Paris. Foto: ONU / Global Goals for Sustainable Development

Ban Ki-moon e líder indígena, ontem (30 de Novembro), durante a abertura da COP21, em Paris. Foto: ONU / Global Goals for Sustainable Development

 

A COP21 trouxe à capital francesa 150 líderes mundiais com o objetivo de firmar um acordo universal para reduzir os efeitos das mudanças climáticas e limitar o aumento da temperatura global em 2ºC.

No processo preparatório para a COP21, países submeteram voluntariamente seus planos de ação para a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), chamadas, formalmente, de Contribuições Intencionais Nacionalmente Determinadas (INDCs). Segundo Ban, mais de 180 países enviaram seus planos nacionais, o que abrange quase 100% das emissões globais.

“É um bom começo”, disse o secretário-geral. “Mas precisamos ir muito mais além e depressa se quisermos limitar a elevação da temperatura global abaixo dos 2 ºC”, disse Ban.

De acordo com especialistas, mesmo este aumento traria sérias consequências à segurança alimentar e de recursos aquíferos, à estabilidade econômica e à paz internacional.

“Países desenvolvidos devem manter sua promessa de mobilizar 100 bilhões de dólares por ano até 2020”, lembrou, “ Um novo acordo também deve incluir um quadro único transparente para medir, monitorar e informar sobre o progresso. E países com baixa capacidade deveriam contar com flexibilidade e apoio para que eles possam cumprir as exigências desse novo sistema”, pontuou Ban Ki-moon.

A secretária executiva da UNFCCC, Christiana Figueres, lembrou que este ano representou um ano de viragem para a agenda do clima. “Depois de anos de trabalho árduo, finalmente vemos irreversibilidade de direção, profundidade de engajamento e ousadia na ação”, disse aos líderes na abertura do evento.

“Este ponto de viragem é notável, mas a tarefa não chegou a fim”, acrescentou. “Cabe a vocês capturar esse progresso e traçar um caminho sem equívoco adiante, com um destino claro, com marcos determinados e um prazo previsível que responda às demandas da ciência e a urgência do desafio.”

Fotos: COP21. Ilustração: aloart

Fotos: COP21. Ilustração: aloart

Leia mais sobre
ONU | COP21

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*