Impeachment é aprovado na CEI por 38 votos a 27


Terça-feira, 12 de abril de 2016 às 11h19


Transmitida ao vivo para todo o Brasil, a discussão do relatório do processo de impeachment teve um desfecho esperado na Comissão Especial. Apesar das muitas falácias, houve quem se manifestasse com ponderação e sensatez, diante dos fotos incontestáveis para quem vive no Brasil real.

Gerson Soares

O rito de impeachment, repleto de detalhes seguidos à risca pelo presidente da Comissão Especial de Impeachment (CEI), Rogério Rosso (PSD-DF), instalada na Câmara dos Deputados em Brasília-DF, dita que os parlamentares e líderes partidários se manifestem, analisando o relatório do processo que deve ser elaborado por um relator – neste caso o deputado Jovair Arantes (PTB-GO).

 

Brasília - A comissão especial do impeachment da Câmara dos Deputados aprovou o parecer do relator Jovair Arantes por 38 votos a favor e 27 contrários. Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Brasília - A comissão especial do impeachment da Câmara dos Deputados aprovou o parecer do relator Jovair Arantes por 38 votos a favor e 27 contrários. Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

 

Portanto, conforme as regras estabelecidas, e exigidas a cada momento pelos parlamentares da base governista e em menor escala pelos oposicionistas ao governo, após 9 horas de debates e muito falatório, os deputados chegaram a uma conclusão, aprovando por 38 votos a 27, o relatório do deputado goiano que em dado momento pediu a palavra, devido às inúmeras agressões. Disse ele: “nós de Goiás, estamos acostumados com essa pressão, mantemos a calma, mas não temos medo”. Em sua conclusão, pediu o afastamento de Dilma Roussef do cargo de presidente, pela prática de crime de responsabilidade.

O relatório final sobre a decisão da CEI deve ser lido ainda hoje no Plenário da Câmara dos Deputados e amanhã (13) deverá ser publicado no Diário Oficial da União (DOU). Existe uma previsão de que a decisão seja analisada em Plenário nesta sexta-feira (15) e a votação demore três dias, devido à exigência ritual onde cada parlamentar deverá ter direito à palavra. Ainda hoje (12), líderes partidários devem se reunir para definir como será a votação, mas certo é que cada parlamentar deverá expor seu voto verbalmente, ao microfone, durante a votação que deve ocorrer neste domingo (17).

 

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

 


Veja como votaram os 65 parlamentares da CEI 


 

Questionado pelos jornalistas sobre a ordem de chamada para a votação, levando em conta o mesmo processo contra Fernando Collor em 1992, Cunha explicou que naquele caso “não havia regra regimental sobre a ordem de chamada, o que levou o então presidente da Câmara, Ibsen Pinheiro, a adotar o sistema de ordem alfabética usado na Assembleia Nacional Constituinte. Não é o caso hoje”, disse.

Ele confirmou que os nomes dos deputados ausentes à votação serão mostrados. “Quem fingir qualquer tipo de coisa para não vir certamente vai ter que responder politicamente; cada um vai arcar com o seu ônus, mas acredito que venha quase a totalidade. Ninguém vai querer ficar com a nódoa no seu currículo de ter fugido de uma votação”, alertou.

 

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

 

Sensatez contra “não vai ter golpe”

Durante toda a tarde de ontem e início da noite, foram diversas manifestações contrárias e a favor do impedimento da presidente Dilma Roussef. Dentre elas, verdadeiros absurdos que tentavam negar tudo aquilo que está sendo exposto há meses. Houve quem usasse o microfone para se manifestar em prol da normalidade e aqueles que gastaram seus minutos a fim de aparecer, já que na maior parte do tempo os parlamentares só trocaram acusações, entre gritos e a mais plena falta de respeito uns com os outros, conturbando ainda mais o ambiente.

Diante de tanta insensatez, que mostrou claramente o motivo de o Brasil se encontrar na situação na qual está, sem rumo e desmoralizado politicamente debalde um governo fraco e medonho, pode-se ouvir raros discursos ponderados e dentre eles destacamos a manifestação do deputado Fernando Francischini, do Partido Solidariedade do Paraná, elencando diversos pontos da péssima administração, como inflação e os escândalos.

 

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

 

Mundo Dilma

Matérias dos principais veículos de comunicação do país dão o tom das notícias sobre a presidente, que há muito tempo parece viver numa dimensão à parte daquela vivida pelos brasileiros, um mundo onde tudo está “caminhando” e as instituições do país é que são culpadas por querer afastá-la do poder. Segundo ela, sob golpe.

De acordo com o Exame.com, Dilma foi eleita, a líder mais decepcionante do mundo pela revista americana Fortune, divulgado na quinta-feira (7).

Após aprovação do parecer do impeachment, Dilma continua pedalando. Nesta manhã, ela foi vista em sua bicicleta exercitando-se em Brasília, divulgou o G1.

Deflagrada na manhã desta terça-feira (12), a 28ª fase da Operação Lava Jato, prendeu por corrupção, o ex-senador Gim Argello. Segundo o Estadão, o ex-parlamentar era próximo da presidente. Conforme divulgado pela Polícia Federal, ele teria atuado para blindar executivos de empreiteiras envolvidos no escândalo da Petrobrás.

Se o processo de impeachment contra Dilma Roussef for autorizado pelo Plenário da Câmara, caberá ao Senado decidir – em votação preliminar – se instaura ou não o julgamento. Se aceito o julgamento no Senado, a presidente da República será afastada por 180 dias, e os senadores formarão uma comissão para analisar a denúncia.

Com informações da Agência Câmara de Notícias
Ilustração/sobrefotos: aloart

Ilustração/sobrefotos: aloart

Leia mais sobre
POLÍTICA

 

Presidente Dilma Rousseff durante encontro com Mulheres em Defesa da Democracia. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Presidente Dilma Rousseff durante encontro com Mulheres em Defesa da Democracia. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Leia mais sobre
ALÔ BRASIL

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*