Índios mostram danças sagradas e luta corporal em Marudá

Foto: Ray Nonato/ Ascom Seel (09/09/2014)

Leia também

Quarta-feira, 10 de setembro de 2014, às 15h10


Marudá-PA – IV Jogos Tradicionais Indígenas do Pará teve danças sagradas e luta corporal, sempre com muita interação entre atletas e público.

Moradores locais levaram uma banda para animar a torcida que se formou durante o evento. De maneira geral foram feitas várias demonstrações sobre os costumes das 15 etnias participantes. Houve demonstração de peteca, a cerimônia Pohutete, também conhecida como festa do milho verde e a luta corporal dos Pataxós da Bahia.

O cacique Edson Xerente, em entrevista à jornalista Dedé Mesquita ao blog da Franssinete Florenzano do Pará, lembrou o desmatamento da floresta. “O gavião costuma caçar na mata, mas, com os desmatamentos, ele não tem onde caçar e invade as aldeias em busca de alimento. Essa dança simboliza os ‘parentes’ defendendo suas caças do gavião faminto”, explicou o cacique Edson Xerente, ao mostrar a dança de seu povo.

Segundo as informações do site paraense, os Munduruku fizeram a dança do Matrinxã, em que mulheres e homens agitam-se graciosamente numa grande roda. Os Kayapó apresentaram a dança do Marimbondo. A programação, que começou nesta manhã será encerrada hoje ao pôr do sol.

Fotos: Ray Nonato/ Ascom Seel (09/09/2014)

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*