Judô, origens


 

Publicado em 28 de outubro de 2013

 

Nascido sob o signo dos Samurais, Jigoro Kano, o precursor do Judô moderno teve dificuldades na prática de vários esportes, assim como sua personalidade marcante o levaria a deixar uma vistosa carreira diplomática ou política, seguindo os passos do pai Jirosaku Mareshiba Kano, um alto funcionário da Marinha Imperial Japonesa.

Mestre Jigoro Kano, aos 28 anos. Foto: Wikipedia

Mestre Jigoro Kano, aos 28 anos. Foto: Wikipedia

Nascido no dia 28 de Outubro de 1860, em Mikage, Hyogo, era o terceiro filho da família. Jigoro Kano se tornou um homem de pequeno porte, franzino, com 1,50 m de altura e 48 Kg, mas sua história e sua arte ficariam conhecidas através dos tempos por todo o mundo.

Aos 11 anos de idade foi enviado para Tóquio, afim de estudar o idioma inglês, indispensável com as mudanças relacionadas àquele período histórico do Japão, durante o governo do Imperador Meiji que promoveu a chamada Restauração. Cinco anos depois resolveu dedicar-se a esportes como a ginástica, o remo e o baseball para fortificar-se. Segundo se conta, nas brigas escolares sempre sofria com as derrotas para os outros alunos e isso feria sua honra de filho de Samurai, foi então que decidiu estudar o Ju Jutsu, e essa atitude mudaria para sempre a sua vida.

Seu início foi com o mestre Teinosuke Yagi em 1871. Em 1877 matriculou-se na Tenjin Shin’yo-ryu e tornou-se discípulo do mestre Hachinosuke Fukuda, que viria a falecer dois anos depois aos 82 anos, deixando para Kano uma valiosa herança: seus arquivos. Após esse acontecimento ele tornou-se aluno do mestre sexagenário Masatomo Iso, guardião dos segredos de uma escola que derivava igualmente do Tenjin Shin’yo-ryu. Dando continuidade ao seu treinamento Kano foi vice-presidente dessa escola. Com a morte relativamente prematura de Masatomo e apesar de continuar treinando intensamente, Jigoro sentia a falta de um bom professor. Decidiu então procurar o mestre Tsunetoshi Iikubo com quem aprendeu as técnicas do Kito-ryu e o combate com armadura, até então seu estilo era no corpo a corpo com trajes normais.

Aplicação da ténica Uki-goshi. Foto: Wikipedia

Aplicação da ténica Uki-goshi. Foto: Wikipedia

Sua base de aprendizado possibilitou a Kano fazer uma síntese das diversas escolas e criar um sistema próprio de disciplina, até que em fevereiro de 1882 ele inaugura sua primeira escola: Kodokan (Instituto do Caminho da Fraternidade). No entanto continuou a treinar com o mestre Iikubo até 1885.

A Kodokan estava localizada no segundo andar de um templo budista Eishoji de Kita Inaritcho, bairro de Shimoya em Tóquio, onde havia doze jos (jo medida de superfície, módulo de tatame). O primeiro aluno inscreveu-se em 05 de junho de 1882, chamava-se Tomita. Depois vieram Higushi, Arima, Nakajima, Matsuoka, Amano Kai e o famoso Shiro Saigo (Sugata Sanshiro). As idades dos alunos oscilavam entre 15 e 18 anos.

Jigoro Kano lhes ensinava como um pai o faria. Para ele foi um período difícil, mas apaixonante, o jovem professor não tinha dinheiro e o shiai-jo media 20m², mas a escola progrediu e em breve tornou-se célebre. Assim nascia o Judô, uma arte marcial praticada que possibilita o fortalecimento do corpo e do espírito.

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*