Notícias

Ministério Público de São Paulo

Marcio Fernando Elias Rosa, foi nomeado nesta segunda-feira, 7, para o cargo de procurador-geral de Justiça do Estado de São Paulo. Atual titular da Procuradoria Geral, Elias Rosa assume o cargo para mais um mandato de dois anos. Com vasta experiência administrativa, antes de assumir como procurador-geral de Justiça em 2012, foi diretor-geral e subprocurador-geral de Gestão do Ministério Público paulista. Já atuou no Núcleo Operacional de Parcelamento do Solo Urbano e no Centro de Apoio das Promotorias de Justiça Criminais. Foi também um dos primeiros integrantes da então Promotoria de Justiça da Cidadania, tendo, neste cargo, participado das ações do Ministério Público no combate à corrupção e à improbidade.

Secretaria de Gestão Pública

O governador Geraldo Alckmin nomeou nesta terça-feira, 8, o novo secretário de Gestão Pública. Waldemir Aparício Caputo substitui Davi Zaia, que estava à frente da Pasta desde 2012. “O doutor Caputo, funcionário concursado do antigo Banespa, tem vasta experiência na área de administração”, disse Alckmin. Formado em Direito pela Faculdade de São Bernardo do Campo, com atuação no ramo de seguros e previdência, Waldemir Aparício Caputo acumula vivência de mais de 20 anos em administração de recursos financeiros. Em sua trajetória, destaca-se o período em que ocupou o cargo de diretor-presidente do Banespa Seguros, antes de seguir para a iniciativa privada.

Arena Corinthians

A Promotoria de Justiça de habitação e Urbanismo da Capital, divulgou nota sobre as providências do Ministério Público de São Paulo em relação à Arena Corinthians. Reunidos nesta segunda-feira (07/04), os Promotores de Justiça de Habitação e Urbanismo da Capital Marcus Vinícius Monteiro dos Santos e José Carlos de Freitas, juntamente com representantes do Corinthians, da Construtora Odebrecht e do Corpo de Bombeiros, ficou consignado que o projeto apresentado na última sexta-feira (04/04) será analisado para posterior aprovação nos próximos dias e, em seguida, será realizada vistoria acompanhada por assistente técnico do Ministério Público. A Promotoria não vislumbra, por ora, a adoção imediata de medidas judiciais em razão das iniciativas tomadas pelos responsáveis pela Arena. Entretanto, na próxima semana requisitará informações atualizadas sobre a aprovação final do projeto e quanto à execução das obras faltantes. Foi anunciado pelo Corinthians que o clube pretende realizar alguns eventos-teste antes da entrega da Arena à FIFA. Esses eventos terão acompanhamento do Ministério Público.

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*