ONU mostra formas de gerar investimentos para ação climática nas cidades


Segunda-feira 7 de dezembro de 2015, às 16h45


Investimento em mobilização, baixa emissão de gás CO2 e infraestrutura resiliente é necessário principalmente nas áreas urbanas, responsáveis por 70% da liberação de gases de efeito estufa relacionada à energia, aponta relatório da ONU.

ONU Brasil | COP21

Relatório apresentado nesta sexta-feira (4) pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, e parceiros internacionais, oferece cinco recomendações sobre investimentos em mobilização, baixa emissão de gás carbônico e construção de infraestrutura resiliente. O estudo foi inaugurado em Paris, na França.

 

Vista área de São Paulo, uma das grandes megalópoles do mundo. Foto: Wikicommons/Ana Paula Hirama (CC)

Vista área de São Paulo, uma das grandes megalópoles do mundo. Foto: Wikicommons/Ana Paula Hirama (CC)

 

Publicado pela Aliança de Liderança em Financiamento Climático de Cidades, o documento analisa os obstáculos que muitas cidades enfrentam na obtenção de financiamento para a execução de projetos. Inclui, entre os pontos abordados, a incerteza sobre políticas regulatórias e fiscais, falta de conhecimento em desenvolvimento de projeto, falta de controle sobre planejamento de infraestrutura, alto custo de transação e falta de modelos de investimento testados na cidade a nível regional.

Entre as recomendações está a ideia de estimular governos nacionais a adotar políticas e incentivos para que as cidades invistam em baixa emissão de gases estufa e na construção de infraestrutura resiliente. O documento usa o exemplo do ICMS Ecológico no Brasil. O ICMS, conhecido como Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços,passou a arrecadar por meio dos Estados uma parcela para preservação ambiental.

Outras sugestões são aumentar as facilidades no investimento em projetos de ação climáticos considerados vantajosos e criar uma rede de laboratórios para inovar instrumentos financeiros e modelos de investimento.

Segundo o Banco Central, as áreas urbanas são responsáveis por mais de 70% das emissões de CO2 relacionadas à energia, e as cidades produzem de 37 a 49% das liberações de gases de efeito estufa do mundo. Ainda, estima-se que mais de 80% dos custos anuais globais em adaptação às mudanças climáticas sejam gerados pelas áreas urbanas.

Fotos: COP21. Ilustração: aloart

Fotos: COP21. Ilustração: aloart

Leia mais sobre
ONU | COP21

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo
Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo
Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo
Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes
Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo
Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo
Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
  • Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo

  • Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo

  • Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo

  • Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes

  • Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo

  • Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo

  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*