Parque Ibirapuera comemora os 80 anos da educação infantil paulistana


Domingo, 18 de outubro de 2015, às 12h30


A festa reuniu crianças para homenagear a data com apresentações artísticas, oficinas, brincadeiras e contação de histórias. A Prefeitura estimava um público de quatro mil pessoas, maior parte alunos da rede municipal e seus familiares.

Os 80 anos da educação infantil na cidade de São Paulo ganharam neste sábado (17) uma comemoração especial com atividades que tiveram a parceria da Secretaria Municipal de Educação, o Instituto Alana e o programa São Paulo Carinhosa. Crianças, familiares e educadores de toda a rede municipal de ensino participaram da festa, que terminou às 13h com o 4º Cortejo Poético das Infâncias Paulistanas pelo Parque Ibirapuera, em que todos desfilaram e tocaram instrumentos produzidos nas oficinas. O secretário municipal Gabriel Chalita (Educação) e a primeira-dama e coordenadora do Programa São Paulo Carinhosa, Ana Estela Haddad, acompanharam o início das atividades.

 

Foto: Heloisa Ballarini / SECOM

Foto: Heloisa Ballarini / SECOM

 

De acordo com as informações da Prefeitura, um dos destaques da programação foi a apresentação do Grupo Barbatuques, que ensinou crianças e adultos a fazer música com o próprio corpo. Nas tendas montadas no gramado do parque, foram oferecidas atividades como a feira de troca de brinquedos e oficinas de pintura, música, circo e poesia. Além disso, muitas brincadeiras tradicionais, como bolhas de sabão e pular corda.

O Sábado no Parque integra as comemorações dos 80 anos da educação infantil paulistana, iniciada em 1935 com a criação dos Parques Infantis pelo escritor Mario de Andrade, na época diretor do Departamento de Cultura.

A comemoração contou ainda com a iluminação especial na cor laranja em cinco pontos da cidade: Viaduto do Chá, Ponte das Bandeiras, Biblioteca Mario de Andrade, estátua do Borba Gato e o Monumento às Bandeiras.

Com informaçõesd da Prefeitura do Município de São Paulo
Nível do mar na cidade litorânea paulista aumentará entre 18 e 30 centímetros até 2050, tornando as marés mais altas, estima estudo internacional com participação de pesquisadores de São Paulo. Foto: Wikimedia Commons

Nível do mar na cidade litorânea paulista aumentará entre 18 e 30 centímetros até 2050, tornando as marés mais altas, estima estudo internacional com participação de pesquisadores de São Paulo. Foto: Wikimedia Commons

Leia mais sobre
ALÔ SÃO PAULO

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*