Sobre dispensação de medicamentos de alto custo

Ajude a melhorar o atendimento participando da pesquisa do site Alô Tatuapé

O jornalismo praticado por este site não tem nenhum tipo de vínculo com quaisquer órgãos públicos ou privados, empresas ou pessoas. Nosso compromisso é com a verdade e com a justiça, com o respeito.

Esta pesquisa tem como objetivo auxiliar no trabalho que está sendo feito para mudar o atendimento na entrega de medicamentos aos doentes ou àqueles que buscam essa medicação para os pais, mães, avós, avôs, filhos, irmãos, primos, sobrinhos, parentes, amigos e também aos prestadores de serviços (como os motoqueiros).

Atualmente as pessoas passam por constrangimentos constantes e um dos motivos mais importantes para que isso aconteça quando se dirigem às farmácias para retirar os remédios, são os formulários antiquados e ultrapassados, preenchidos à mão a cada renovação de exames, martirizando médicos e pacientes, colocando-os à mercê dos funcionários da Secretária da Saúde, que seguem regras rigorosíssimas e não titubeiam em mandar de volta para casa (sem os remédios) os pacientes ou aqueles que vão até os postos retirar as medicações para eles, causando-lhes humilhações e impondo condições quase impossíveis de serem cumpridas na mesma hora, no mesmo dia ou até na mesma semana, caso o paciente não consiga encontrar o médico que assina os formulários.

Para piorar, caso o paciente demore a cumprir as regras deve iniciar todo o processo novamente, do zero. Isso é informado abertamente pelos funcionários vinculados à SES/SP. É muita humilhação.

Muitos chegam de longe aos postos, sem dinheiro para comer um lanche, apenas com o valor da condução, mas são obrigados a fazer verdadeiras peregrinações atrás de hospitais e médicos para consertar formulários que poderiam ser facilmente informatizados e estar no computador dos atendentes, através da informática.

Por isso participe desta pesquisa, deixe sua opinião. Não é necessário escrever seu nome completo, se desejar deixe um email ou telefone para contato, mas o mais importante para nós é conhecermos a sua opinião.

 


Leias as reportagens:


 

Opine! Deixe seu comentário.

Ajude a mudar a visão que o governo tem dos cidadãos
que precisam tratar da saúde e será mais respeitado.

SE DESEJAR LIGUE

Telefone:  (11) 3542-2225 | Nextel: (11) 94734-2607   |   Radio: Id 35*136*4545

8 Comentários

  1. Olá
    Nenhum telefone atende na Altino Arantes !!
    Nem na Embratel sabem informar!
    Afinal qual é o telefone ?

    Envie uma Resposta
    • alotatuape

      Iwan, seja bem-vindo, o telefone informado pelo Posto Altino Arantes – Farmácia de Alto Custo Vila Mariana é 5074-4700. Sua reclamação se dá quanto à “demanda de pessoas que ligam para esse posto”. Quem afirma isso a Secretaria da Saúde de SP. No entanto, o fato se repete desde a inauguração do posto em março de 2014, sem que as reclamações gerassem qualquer sensibilidade governamental para que o problema fosse sanado. Leia a reportagem: http://alotatuape.com.br/remedios-de-alto-custo-farmacia-vila-mariana-e-a-falta-de-medicamentos/.

      Envie uma Resposta
  2. Venho por meio desta, registrar a minha reclamação sobre a FALTA DE MEDICAMENTOS DE ALTO CUSTO na Farmácia do AME- Ambulatório Médico de Especialidades Maria Zélia.
    Estou a mais de 1 mês aguardando o recebimento do medicamento CABERGOLINA 0.5 MG, e até presente dia 15/06/2016, não tem o medicamento na Farmácia do AME- Ambulatório Médico de Especialidades Maria Zélia, para continuar o tratamento de CANCER.
    Pagamos impostos absurdos para governo, e esta a recompensa que recebemos, a falta de atenção, cuidados com população.
    É um total descaso por parte da SECRETARIA DA SAÚDE DE SÃO PAULO.

    Envie uma Resposta
    • alotatuape

      Palmiro, seja bem-vindo. Vamos levar sua mensagem diretamente aos responsáveis. Como já tem acontecido, questões como esta caem no esquecimento e ficam sem resposta. Mas a cobrança sobre questões legítimas, a fim de que ações reguladoras por parte do Governo e do Ministério Público de São Paulo sejam produzidas, sempre ganharão guarida perante este veículo. Também adiantando-nos ao assunto que se repete, assessores do Governo solicitam o email dos leitores para entrarem em contato e isso só faremos mediante sua permissão. Por isso, responda-nos se permite a divulgação do seu email, caso seja solicitado para resolução do problema.

      Envie uma Resposta
      • alotatuape

        Palmiro, ontem (15) a assessoria da Secretaria da Saúde de São Paulo entrou em contato e nos forneceu informações de que já havia identificado o seu registro de beneficiário para receber os remédios. No entanto, afirmou que a compra cabe do Ministério da Saúde (âmbito federal) que precisa regularizar a situação. Ainda ontem, ficou acordado que hoje (quinta-feira, 16) o órgão estadual nos daria um parecer, que até o momento estamos aguardando. Estas são as informações; repetitivas, mas as únicas disponíveis até o momento. Este fato, a falta de remédios para doentes no Brasil, enquanto desvios de verbas públicas são noticiadas a cada dia, é lamentável e tem de acabar. A corrupção enraizada causa males mais profundos do que podemos ver, como no caso a falta de verba ou empenho na regularidade do fornecimento de remédios aos doentes. Se os corruptos, dilapidadores e facínoras de colarinho branco, verdadeiros parasitas do erário tanto se defendem baseados nos seus direitos constitucionais, como escandalosamente temos visto nas comissões da Câmara dos Deputados e no Senado, além do Supremo Tribunal Federal, cabe a nossa pergunta: E o direito dos doentes de receber remédios, como fica? Com a palavra quem puder responder a altura.

        Envie uma Resposta
  3. Tenho glaucoma e uso dois colirios por mês (tartarato de brimonidina e maleato de timolol)… Já fazem dois meses que estão em falta, abri uma reclamação na farmácia e ficaram de me ligar,,, nunca ligaram e também é difícil ligar pra lá, pois simplesmente não atendem os telefones…. Vou lá a cada 10 dias e sempre é a mesma resposta, não chegou….
    É um descaso total com quem mais necessita, deixam faltar remédios, mas para a corrupção sobra dinheiro, não sou eu quem fala, é a mídia, basta assistir os jornais, que só falam nisso o dia inteiro…. Só sei de uma coisa, nunca mais votarei no alkmin (com a minúsculo mesmo) pois quem mais se ferra são os necessitados e ele não está nem aí com o povo que o elegeu… Dinheiro para fazer obras faraônicas (superfaturadas” tem, agora , para a saúde, educação e segurança, zero…. Se algum filho de Deus ler esta mensagem e puderem me dizer onde eu posso fazer uma reclamação que seja atendida, eu agradeço de coração, pois está difícil ter que comprar estes medicamentos todos os meses….
    Muito obrigado….

    Obs: (Posto Maria Zélia)

    Envie uma Resposta
    • alotatuape

      Vicente, agradecemos sua mensagem. Vamos encaminhar aos órgãos competentes e lhe forneceremos uma resposta, mesmo que eles não respondam, lhe avisaremos. Como você passamos pelas mesmas dificuldades e deixamos claro isso nas nossas reportagens quando os assuntos são Saúde e Medicamentos de alto custo. Entendemos seu desabafo. Seja bem-vindo.

      Envie uma Resposta
    • alotatuape

      Prezado Vicente, recebemos um contato da Secretaria da Saúde, solicitando que você forneça o nome completo e número de RG. Cabe a você a decisão de nos encaminhar (será mantido em sigilo) os dados ou autorizar o envio do seu contato de email ao órgão para que eles mesmos entrem em contato consigo. Aguardamos seu contato ainda hoje para tentar resolver essa pendência.

      Envie uma Resposta

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*