Pneu da Dengue volta à árvore, Subprefeitura Aricanduva não responde questões


Quinta-feira, 25 de março de 2015, às 08h42

Pode parecer incrível, mas o Pneu da Dengue voltou a ser colocado ao lado da árvore na Rua Antonio João Fiore, no Tatuapé.

 

Irresponsabilidade é mais forte do que a consciência e o cidadão recoloca seu lixo (pneu) para o mosquito da dengue. Aricanduva/Carrão não toma providências e os mosquitos que proliferam na área agradecem. Foto: aloimage

Irresponsabilidade é mais forte do que a consciência e o cidadão recoloca seu lixo (pneu) para o mosquito da dengue. Aricanduva/Carrão não toma providências e os mosquitos que proliferam na área agradecem. Foto: aloimage

 

Quando um barco segue à deriva, qualquer marola pode levá-lo a fazer água. Dengue, lixo, água, pneu, mas o que tem isso haver com a Subprefeitura Aricanduva/Carrão e o Tatuapé? Tudo. Sob a jurisdição dessa subprefeitura o bairro só pode lamentar a falta de atenção.

Desde a semana passada, estamos mostrando as dificuldades dos moradores da Rua Antonio João Fiore, esquina com a Rua Henrique Dumont no Tatuapé, enviamos às questões à subprefeitura, mas até agora não recebemos resposta.

Sendo assim, aqueles que promovem a limpeza em suas residências, evitam e se precavem contra a dengue, continuam suportando a falta de asseio de vizinhos que não respeitam os horários da coleta de lixo, nem muito menos possuem qualquer consciência quanto aos perigos da sujeira deixada na rua, o que seria admirável, com a abundância de avisos e campanhas de prevenção contra a dengue, ratos e pragas urbanas, que são vetores de doenças graves para os seres humanos.

Depois de desaparecer no domingo, o pneumático que apelidamos de Pneu da Dengue, volta para a árvore pelas mãos irresponsáveis de algum morador dessa localidade. Enquanto aguardamos providências da Subprefeitura Aricanduva/Carrão, os mosquitos transmissores da dengue agradecem.


Assuntos relacionados

 

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*