Poluição sonora em São Paulo será tema de conferência


Quarta-feira, 27 de abril de 2016 às 19h50


IPT participa da terceira conferência sobre ruído, vibração e perturbação sonora na Câmara Municipal de SP, nesta quinta-feira.

Amanhã, 28 de abril será realizado na Câmara Municipal de São Paulo (CMSP), a 3ª Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora. A sua realização no mês de abril coincide com o Dia Internacional da Conscientização Sobre o Ruído, ou INAD (de International Noise Awareness Day) na sigla em inglês.

 

Impactos da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, votação do Projeto de Lei 75/2013 (Mapa do Ruído Urbano) e o início da tramitação do novo Código de Obras na Câmara Municipal de São Paulo serão alguns dos temas discutidos na conferência. Foto: divulgação / IPT

Impactos da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, votação do Projeto de Lei 75/2013 (Mapa do Ruído Urbano) e o início da tramitação do novo Código de Obras na Câmara Municipal de São Paulo serão alguns dos temas discutidos na conferência. Foto: divulgação / IPT

 

O evento anual aberto ao público debate os impactos da poluição sonora na saúde humana e no meio ambiente urbano. É uma iniciativa suprapartidária que conta com o apoio técnico do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), em realização conjunta da Câmara Municipal de São Paulo e da Associação Brasileira para a Qualidade Acústica (ProAcústica), envolvendo autoridades estaduais e municipais, além de especialistas no tema.

Haverá discussões sobre medidas para solução e mitigação da poluição sonora em São Paulo. Serão focalizados nos debates os impactos da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, a expectativa de aprovação, em segunda e última votação, do Projeto de Lei 75/2013 (Mapa do Ruído Urbano) que fixa metas e prazos para redução do ruído na cidade, e o início da tramitação do novo Código de Obras na Câmara Municipal de São Paulo.

Programa

Em continuidade aos trabalhos iniciados em 2014 e 2015, também com a participação do IPT, este ano foi proposto pela organização um amplo debate para alertar e sensibilizar diversos públicos. Para tanto, foram definidos os seguintes temas:
• ‘Educação, saúde e poluição sonora’ (28/04 – 17h);
• ‘Mobilidade, ruído e vibração’ (28/04 – 18h15 – será debatedor o pesquisador Marcelo de Mello Aquilino, do Centro Tecnológico do Ambiente Construído do IPT);
• ‘Construção Civil e Código de Obras’ (28/04 – 19h45);
• ‘Fontes de Ruído: perturbações que impactam a população’ (28/04 – 21h).

Dia Mundial da Conscientização sobre o Ruído

Nesta quarta-feira (27), nas imediações da Casa das Rosas (Avenida Paulista, 37) foi realizado o “Manifesto do Silêncio” que teve o bloqueio da via nos dois sentidos por um minuto, entre 14h25 e 14h26, simultaneamente com a pausa realizada em vários países.

As discussões da 3ª Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora, também servirão para aprimorar o Projeto de Lei (PL) 75/2013, dos vereadores Aurélio Nomura (PSDB) e Andrea Matarazzo (PSD), que fixa metas e prazos para redução de barulho na cidade.

O PL, aprovado em primeira votação, cria o Mapa do Ruído Urbano da Cidade de São Paulo, que deverá conscientizar a população dos efeitos do ruído sobre a saúde humana, identificar as fontes móveis e imóveis de emissão de ruídos, fomentar o uso de novas tecnologias para mitigar as emissões, difundir campanhas educativas sobre as fontes de emissões e suas responsabilidades, fixar ao Poder Público o Plano de Ação para Redução de Ruídos, estabelecer Zonas de Tranquilidade, entre outras ações.

O evento conta com apoio dos vereadores Aurélio Nomura, Natalini (PV), Ricardo Young (REDE), Paulo Frange (PTB), Ari Friedenbach (PHS), e o presidente da Câmara, Antonio Donato (PT).

 


Serviço:

3a Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora
Data: 28 de abril
Horário: 16h às 22h15
Local: Câmara Municipal de São Paulo (Viaduto Jacarei,100, Bela Vista)

Programação

16h00 | Credenciamento
16h30 | Abertura oficial da Conferência Municipal
17h00 | Painel 1 – Educação, saúde e poluição sonora: desafio dos centros urbanos
18h15 | Painel 2 – Mobilidade, ruído e vibração
19h30 | Intervalo
19h45 | Painel 3 – Construção Civil e Código de Obras
21h00 | Painel 4 – Fontes de Ruído: perturbações que impactam a população
22h15 | Encerramento

Com informações do IPT e da CMSP
Museu da Língua Portuguesa antes do incêndio que destruiu parte do prédio histórico e as instalações na Estação da Luz, centro de São Paulo. Foto: GESP / Fotos Públicas

Museu da Língua Portuguesa antes do incêndio que destruiu parte do prédio histórico e as instalações na Estação da Luz, centro de São Paulo. Foto: GESP / Fotos Públicas

Leia mais sobre
ALÔ SÃO PAULO

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo
Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo
Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo
Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes
Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo
Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo
Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
  • Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo

  • Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo

  • Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo

  • Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes

  • Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo

  • Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo

  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*