Poluição sonora em São Paulo será tema de conferência


Quarta-feira, 27 de abril de 2016 às 19h50


IPT participa da terceira conferência sobre ruído, vibração e perturbação sonora na Câmara Municipal de SP, nesta quinta-feira.

Amanhã, 28 de abril será realizado na Câmara Municipal de São Paulo (CMSP), a 3ª Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora. A sua realização no mês de abril coincide com o Dia Internacional da Conscientização Sobre o Ruído, ou INAD (de International Noise Awareness Day) na sigla em inglês.

 

Impactos da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, votação do Projeto de Lei 75/2013 (Mapa do Ruído Urbano) e o início da tramitação do novo Código de Obras na Câmara Municipal de São Paulo serão alguns dos temas discutidos na conferência. Foto: divulgação / IPT

Impactos da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, votação do Projeto de Lei 75/2013 (Mapa do Ruído Urbano) e o início da tramitação do novo Código de Obras na Câmara Municipal de São Paulo serão alguns dos temas discutidos na conferência. Foto: divulgação / IPT

 

O evento anual aberto ao público debate os impactos da poluição sonora na saúde humana e no meio ambiente urbano. É uma iniciativa suprapartidária que conta com o apoio técnico do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), em realização conjunta da Câmara Municipal de São Paulo e da Associação Brasileira para a Qualidade Acústica (ProAcústica), envolvendo autoridades estaduais e municipais, além de especialistas no tema.

Haverá discussões sobre medidas para solução e mitigação da poluição sonora em São Paulo. Serão focalizados nos debates os impactos da nova Lei de Uso e Ocupação do Solo, a expectativa de aprovação, em segunda e última votação, do Projeto de Lei 75/2013 (Mapa do Ruído Urbano) que fixa metas e prazos para redução do ruído na cidade, e o início da tramitação do novo Código de Obras na Câmara Municipal de São Paulo.

Programa

Em continuidade aos trabalhos iniciados em 2014 e 2015, também com a participação do IPT, este ano foi proposto pela organização um amplo debate para alertar e sensibilizar diversos públicos. Para tanto, foram definidos os seguintes temas:
• ‘Educação, saúde e poluição sonora’ (28/04 – 17h);
• ‘Mobilidade, ruído e vibração’ (28/04 – 18h15 – será debatedor o pesquisador Marcelo de Mello Aquilino, do Centro Tecnológico do Ambiente Construído do IPT);
• ‘Construção Civil e Código de Obras’ (28/04 – 19h45);
• ‘Fontes de Ruído: perturbações que impactam a população’ (28/04 – 21h).

Dia Mundial da Conscientização sobre o Ruído

Nesta quarta-feira (27), nas imediações da Casa das Rosas (Avenida Paulista, 37) foi realizado o “Manifesto do Silêncio” que teve o bloqueio da via nos dois sentidos por um minuto, entre 14h25 e 14h26, simultaneamente com a pausa realizada em vários países.

As discussões da 3ª Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora, também servirão para aprimorar o Projeto de Lei (PL) 75/2013, dos vereadores Aurélio Nomura (PSDB) e Andrea Matarazzo (PSD), que fixa metas e prazos para redução de barulho na cidade.

O PL, aprovado em primeira votação, cria o Mapa do Ruído Urbano da Cidade de São Paulo, que deverá conscientizar a população dos efeitos do ruído sobre a saúde humana, identificar as fontes móveis e imóveis de emissão de ruídos, fomentar o uso de novas tecnologias para mitigar as emissões, difundir campanhas educativas sobre as fontes de emissões e suas responsabilidades, fixar ao Poder Público o Plano de Ação para Redução de Ruídos, estabelecer Zonas de Tranquilidade, entre outras ações.

O evento conta com apoio dos vereadores Aurélio Nomura, Natalini (PV), Ricardo Young (REDE), Paulo Frange (PTB), Ari Friedenbach (PHS), e o presidente da Câmara, Antonio Donato (PT).

 


Serviço:

3a Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora
Data: 28 de abril
Horário: 16h às 22h15
Local: Câmara Municipal de São Paulo (Viaduto Jacarei,100, Bela Vista)

Programação

16h00 | Credenciamento
16h30 | Abertura oficial da Conferência Municipal
17h00 | Painel 1 – Educação, saúde e poluição sonora: desafio dos centros urbanos
18h15 | Painel 2 – Mobilidade, ruído e vibração
19h30 | Intervalo
19h45 | Painel 3 – Construção Civil e Código de Obras
21h00 | Painel 4 – Fontes de Ruído: perturbações que impactam a população
22h15 | Encerramento

Com informações do IPT e da CMSP
Museu da Língua Portuguesa antes do incêndio que destruiu parte do prédio histórico e as instalações na Estação da Luz, centro de São Paulo. Foto: GESP / Fotos Públicas

Museu da Língua Portuguesa antes do incêndio que destruiu parte do prédio histórico e as instalações na Estação da Luz, centro de São Paulo. Foto: GESP / Fotos Públicas

Leia mais sobre
ALÔ SÃO PAULO

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*