Saldo da balança comercial atinge US$ 8,03 bilhões

Quarta-feira, 17 de setembro de 2014, às 19h18
De janeiro a agosto de 2014 as exportações do Estado de São Paulo somaram US$ 33,87 bilhões (22% do total nacional) e as importações, US$ 56,86 bilhões (37% do total nacional), registrando um déficit de US$ 22,99 bilhões, informa o Instituto de Economia Agrícola (IEA/Apta) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. O agronegócio apresentou exportações decrescentes (-14,2%), atingindo US$ 12,11 bilhões, enquanto as importações setoriais tiveram acréscimo (+1,2%), somando US$ 4,08 bilhões, resultando em diminuição de 20,4% no saldo comercial em relação aos oito primeiros meses de 2013, atingindo US$ 8,03 bilhões.

 

agri

 

Há que se destacar que as importações paulistas nos demais setores, excluindo o agronegócio, somaram US$ 52,78 bilhões para exportações de US$ 21,76 bilhões, gerando um déficit externo desse agregado de US$ 31,02 bilhões. “Assim, podemos concluir que o déficit do comércio exterior paulista só não foi maior devido ao desempenho do agronegócio estadual, cujo saldo manteve-se positivo, embora decrescente”, afirma José Roberto Vicente, pesquisador do IEA.

A participação das exportações do agronegócio paulista no total do Estado retrocedeu 2,4%, enquanto as importações apresentaram aumento de 0,5% na comparação do período janeiro-agosto de 2014 com o de 2013.

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 0,25 bilhão de janeiro a agosto de 2014, com exportações de US$ 154,02 bilhões e importações de US$ 153,77 bilhões. O superávit comercial ocorreu em função de queda nas exportações (-1,7%) inferior à das importações (-4,1%).

Em relação ao agronegócio brasileiro, as exportações setoriais de São Paulo representaram 17,9%, ou seja, 2,6% a menos que nos oito primeiros meses de 2013, enquanto as importações representaram 36,3%, percentual superior ao verificado no ano passado (+0,6%).

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*