Semana da Mobilidade Urbana

 

Quarta-feira, 17 de setembro de 2014, às 20h49

Faixas exclusivas aumentam velocidade dos ônibus e economizam tempo de usuários

Desde o início do ano passado, a Prefeitura implementou 357,5 quilômetros de faixas exclusivas para ônibus em toda a cidade. Dois estudos da CET apontam melhora significativa da velocidade dos coletivos e economia de tempo para os usuários.

Semana da Mobilidade 2014 discute futuro do trânsito e transporte na capital. Foto: Fernando Pereira - SECOM

Semana da Mobilidade 2014 discute futuro do trânsito e transporte na capital. Foto: Fernando Pereira – SECOM

SECOM – A criação de faixas exclusivas para ônibus aumentaram a velocidade dos coletivos e economia de tempo para usuários do sistema na cidade de São Paulo, segundo estudos realizados pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Atualmente, São Paulo conta com mais de 440 quilômetros de vias segregadas à direita, sendo que desde janeiro do ano passado, com a operação “Dá Licença para o Ônibus”, foram implantados 357,5 quilômetros.

O transporte coletivo é um dos temas em discussão na Semana da Mobilidade 2014

Um estudo divulgado no início de dezembro do ano passado pela CET apontou que, em um universo de 291 quilômetros de faixas implementadas até então, a velocidade média dos ônibus havia crescido em 45,1%, saltando de 14,2 km/h para 20,6 Km/h. O segundo levantamento da CET divulgado no início de setembro mostrou que a velocidade média dos ônibus que circulam por 66 trechos de faixas exclusivas implantados neste ano aumentou em 68,7%, passando de 12,4 Km/h para 20,8 Km/h. O levantamento apontou melhora da velocidade em todos os trechos pesquisados. A menor alteração foi o aumento de 7,8% da velocidade na Avenida Orlando Garcia de Oliveira, na zona oeste, e as maiores na Rua Voluntários da Pátria, com melhora de 269,4%, e na ponte do Jaguaré, com 317,3%. A economia média é de 38 minutos por dia, chegando a mais de quatro horas por semana. Em alguns itinerários, a vantagem é ainda maior.

Semana da Mobilidade e Dia Mundial sem Carro em SP. Na imagem ciclista na Avenida Paulista. Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Semana da Mobilidade e Dia Mundial sem Carro em SP. Na imagem ciclista na Avenida Paulista. Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Mudança cultural

Por conta do aumento das faixas exclusivas a partir do início de 2013, algumas pessoas optaram pelo ônibus como meio de transporte. A produtora de televisão, Marina Pereira, 24 anos, que mora na Vila Mariana e trabalha na região do Paraíso, foi uma das paulistanas que passou a utilizar os ônibus após a implementação das faixas exclusivas. “Depois das faixas, desisti do carro. Percebi que era mais rápido vir com o ônibus do que com o carro. É claro que tem problemas como a lotação, que é muito grande, principalmente, nos horários de pico, mas é uma opção mais rápida com certeza”, disse.

Táxis nas faixas

A Prefeitura liberou, no último dia 13, todos os 440 quilômetros de faixas exclusivas para ônibus existentes na cidade e as que serão criadas pela Prefeitura aos mais de 33 mil táxis de São Paulo em qualquer horário e dia da semana. A liberação, que serve somente para veículos com passageiros, beneficiará mais de 500 mil de usuários por dia.

A decisão foi tomada após estudos apontarem que a velocidade dos ônibus não era prejudicada com uso das faixas pelos taxistas. A variação de velocidade média dos coletivos não passou de 6% de acordo com o levantamento.

 

Clique e veja a programação completa das atividades
alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*