Sob pressão de anfitrião, Chile abre Copa América contra Equador


Quinta-feira, 11 de junho de 2015, às 13h31


Do site oficial da Copa América

Pela primeira vez em 24 anos , o Chile vai sediar uma Copa América reavivando definitivamente o sonho de ser campeão pela primeira vez – e muito pressionado por isso . É desta forma que a equipe de Jorge Sampaoli entra em campo na noite desta quinta-feira, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Nacional Julio Martínez Prádanos, em Santiago, para enfrentar o Equador.

“Há duas situações: o medo de perder e a expectativa de vencer . Se estivermos com a segunda opção, aproveitaremos a Copa América”, disse o treinador, na véspera do confronto que inaugura a competição. O peso de ser o dono de casa e jogar diante de sua torcida pode complicar a atuação dos jogadores, como a Seleção Brasileira chegou a experimentar na Copa do Mundo de 2014.

 

copa america abertura

 

O Chile, que não sedia a competição desde 1991, tenta se desvencilhar disso com a experiência de jogadores como Alexis Sánchez, do Arsenal (Inglaterra) . “Os jogadores vão se contagiar com o apoio do povo, é isso que espero. Somos 12 em campo, não 11 . Estando em casa, contamos com essa ajuda”, afirmou o atleta.
Pesa sobre o Chile o fato de nunca ter sido campeão da Copa América. “A ansiedade de atuar em casa pode jogar contra, mas temos que estar tranquilos . O desespero não pode jogar contra nós. Temos o apoio do povo, estamos em casa e não temos que nos pressionar por isso”, reforçou Sánchez, uma das esperanças do anfitrião.

O adversário será o Equador, outro país que persegue o primeiro título continental. O time vem entre altos e baixos, exemplificados pelos dois amistosos de preparação: empatou um com o Panamá, sem gols, e goleou o mesmo time no segundo, ganhando algum embalo. As lesões, no entanto, podem pesar: na véspera da estreia, precisou cortar o atacante Jaime Ayoví. Antes, já havia perdido também Felipe Caicedo e Antonio Valencia .

“Queremos aproveitar a Copa América para seguir consolidando a nossa equipe. Queremos ganhar e jogar bem. Tomara que consigamos fazer isto”, comentou o técnico Gustavo Quinteros, que espera surpreender os donos da casa. “Nunca treinamos para só se defender”.

Prováveis formações:

Chile: Claudio Bravo; Mauricio Isla, Gonzalo Jara, Gary Medel e Eugenio Mena; Charles Aránguiz, Marcelo Díaz e Arturo Vidal; Alexis Sánchez, Jorge Valdivia e Jean Beausejour. T: Jorge Sampaoli.

Equador: Alexander Domínguez; Juan Carlos Paredes, Gabriel Achilier, Frickson Erazo e Walter Ayoví; Christian Noboa, Osbaldo Lastra, Fidel Martínez e Jefferson Montero; Miller Bolaños e Enner Valencia. T: Gustavo Quinteros

Árbitro: Néstor Pitana (Argentina). Assistentes: Hernán Maidana e Juan Belatti (ambos da Argentina).

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo
Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo
Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo
Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes
Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo
Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo
Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
  • Programa PIPE para inovação em São Paulo, vídeo

  • Deputados querem votar mudanças no sistema eleitoral e fundo público de campanhas, vídeo

  • Continue acompanhando do espaço os movimentos do furacão Irma, vídeo

  • Liderada pelo deputado André Fufuca, Câmara vota pautas importantes

  • Sessão conjunta do Congresso Nacional, ao vivo

  • Plenário da Câmara dos Deputados, ao vivo

  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*