Biodiversidade marinha aumenta em áreas protegidas
jun20

Biodiversidade marinha aumenta em áreas protegidas

Viti Levu é a maior ilha da República de Fiji, na Oceania. Na costa sudoeste de Viti Levu há uma extensa plataforma de recifes de coral que acompanha o desenho do litoral. Os corais começam a surgir a poucos metros da praia e se estendem até cerca de um quilômetro em direção do oceano.

Leia mais
Inventário de fauna e flora em São Paulo surpreende pela alta biodiversidade
maio09

Inventário de fauna e flora em São Paulo surpreende pela alta biodiversidade

Em uma determinada área, do tamanho de 140 mil campos de futebol, é possível encontrar tucanos-toco (Ramphastos toco) do Cerrado, o muriqui-do-sul (Brachyteles arachnoides) – o maior primata brasileiro – e o sagui-da-serra-escuro (Callithrix aurita), animal endêmico da Mata Atlântica e em risco de extinção.

Leia mais
Diário de bordo: golfinhos voltam para a despedida nos Corais da Amazônia
fev23

Diário de bordo: golfinhos voltam para a despedida nos Corais da Amazônia

Chegando ao fim da nossa expedição a bordo do Esperanza, nosso coração ficou bem apertado.

Leia mais
No coração dos corais da Amazônia
fev03

No coração dos corais da Amazônia

À medida que percorremos a região central dos recifes em nosso terceiro dia de mergulhos, eles se fazem de dificeis para serem encontrados, mas continuam nos surpreendendo a cada descida. Confira as imagens

Leia mais
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
fev03

Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

Sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017, às 18h49 Do Greenpeace Em águas calmas de um dia com direito a arco-íris, veja o mergulho que documentou as primeiras imagens deste belo recife sendo descoberto agora. E a aventura continua…

Leia mais
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
dez10

Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  Sábado, 10 de dezembro de 2016, às 07h36   Péssima notícia para o clima e para o Brasil: governo revela crescimento de 29% no desmatamento na Amazônia, é o segundo aumento consecutivo. Do Greenpeace Brasil O Acordo de Paris, que visa reduzir as emissões de gases do efeito estufa (GEE) em escala global e foi recentemente ratificado pelo Brasil, já enfrenta uma grande ameaça com mais um aumento na taxa de desmatamento na Amazônia. O índice foi divulgado nesta terça-feira (29) pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Desta vez, o desmatamento no período de agosto de 2015 à julho de 2016 foi de 7989 km², 29% maior que o período anterior.     A estimativa é de que essa destruição tenha liberado na atmosfera 586 milhões de toneladas de carbono equivalente – o mesmo que 8 anos de emissões por todos os automóveis no Brasil. Isso faz com que o país se distancie das ações necessárias para limitar o aquecimento do planeta em no máximo 1.5ºC e evitar graves consequências das mudanças climáticas. O aumento também coloca em risco o avanço obtido na redução do desmatamento entre 2005 e 2012. É a primeira vez em 12 anos que o desmatamento na maior floresta tropical do planeta apresenta aumento consecutivo. Essa perda de controle ilustra a falta de ambição do governo em lidar com o desafio de cessar a perda de florestas. Leia a matéria completa clicando no link abaixo você direcionado para o site do Greenpeace: Desmatamento dispara na...

Leia mais
Belo Monte: Depois da Inundação, vídeo
dez10

Belo Monte: Depois da Inundação, vídeo

Lançamento de documentário sobre uma das obras mais controversas do mundo conta com a presença de diversos povos indígenas ameaçados pela construção de hidrelétricas.

Leia mais
Reforço mundial a favor das baleias
out17

Reforço mundial a favor das baleias

A União Internacional para Conservação da Natureza declara seu apoio à criação do santuário no Atlântico Sul.

Leia mais
As baleias não podem mais esperar
out17

As baleias não podem mais esperar

O Brasil lança uma grande campanha pela criação do Santuário de Baleias do Atlântico Sul, em outubro.

Leia mais
Mudanças no uso da terra afetam a biodiversidade e o solo, afirma estudo
out10

Mudanças no uso da terra afetam a biodiversidade e o solo, afirma estudo

Pesquisa realizada no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena) da Universidade de São Paulo, em Piracicaba, acaba de mensurar o impacto sobre a biodiversidade do solo da transformação de áreas de floresta em pastagens e de pastagens em canaviais.

Leia mais
Natura e pesquisadores compartilham conhecimento sobre química de produtos naturais
set09

Natura e pesquisadores compartilham conhecimento sobre química de produtos naturais

O extrato da erva amazônica jambu (Acmella oleracea) possui diversas aplicações: da culinária, como ingrediente do molho de tucupi, à cosmética, como uma espécie de botox natural. Mas o uso industrial do produto natural é limitado por conta do custoso processo de extração da substância pura responsável por tais propriedades, o espilantol. Pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) conseguiram sintetizar em laboratório esse constituinte do jambu de importância comercial, abrindo caminho para sua obtenção em maior escala e novas...

Leia mais
Hidrelétrica no Tapajós está cancelada, vídeo
ago15

Hidrelétrica no Tapajós está cancelada, vídeo

Decisão do Ibama de cancelar o processo de licenciamento inviabiliza a construção da usina.

Leia mais
Famosos apoiam povo Munduruku na luta contra hidrelétricas
ago15

Famosos apoiam povo Munduruku na luta contra hidrelétricas

Celebridades europeias lançam carta pedindo o reconhecimento de terra indígena no rio Tapajós.

Leia mais
Cancelamento de São Luiz do Tapajós: um passo para o futuro
ago15

Cancelamento de São Luiz do Tapajós: um passo para o futuro

A não construção da hidrelétrica no Tapajós aponta um caminho para o setor elétrico brasileiro, que vai em direção ao futuro e passa muito longe da energia suja das termelétricas.

Leia mais
Um milhão pelo Tapajós!
jul17

Um milhão pelo Tapajós!

Campanha global pela proteção do Rio Tapajós e do povo Munduruku alcança o apoio de um milhão de pessoas durante visita da Diretora Executiva Internacional do Greenpeace.

Leia mais
Do coração da Amazônia ao centro do poder
jul17

Do coração da Amazônia ao centro do poder

Após conhecer povo Munduruku, Diretora Internacional do Greenpeace vai a Brasília discutir construção de hidrelétrica com MMA; “Tapajós não tem jeito”, diz ministro.

Leia mais
São Luiz do Tapajós: uma tragédia para a biodiversidade
jul02

São Luiz do Tapajós: uma tragédia para a biodiversidade

A construção de uma barragem no Rio Tapajós pode levar à extinção espécies de animais e plantas, além de impactar profundamente a vida de populações tradicionais, leia a reportagem.

Leia mais
De mãe para mãe: que vida terão nossos filhos?
jun26

De mãe para mãe: que vida terão nossos filhos?

Me tornei mãe há quatro anos e aqui, na aldeia Sawré Muybu, tenho a oportunidade de entrar em contato com uma outra visão de maternidade, ao conviver com as mães e crianças Munduruku.

Leia mais
Arraia cururu descoberta por Alfred Wallace há 160 anos é finalmente descrita
jun08

Arraia cururu descoberta por Alfred Wallace há 160 anos é finalmente descrita

O espetáculo natural da bacia do rio Negro, uma das regiões de maior biodiversidade do planeta, acaba de ganhar oficialmente um novo protagonista. Trata-se da menor arraia (ou raia, as duas formas são corretas) de água doce que se conhece.

Leia mais
Ibama suspende licenciamento de hidrelétrica no Tapajós
abr27

Ibama suspende licenciamento de hidrelétrica no Tapajós

Ação do órgão ambiental reconhece os impactos da instalação da hidrelétrica para os povos indígenas do rio Tapajós.

Leia mais
Funai reconhece território tradicional do povo Munduruku no rio Tapajós
abr27

Funai reconhece território tradicional do povo Munduruku no rio Tapajós

Na data em que se celebra o Dia do Índio, a Funai publicou, no Diário Oficial da União, o Relatório Circunstanciado de Identificação e Delimitação da Terra Indígena Sawré Muybu, do povo Munduruku, e de outras três terras indígenas no Brasil, permitindo o prosseguimento da demarcação desses territórios.

Leia mais
A maior tragédia ambiental do Brasil em Realidade Virtual, vídeos
abr12

A maior tragédia ambiental do Brasil em Realidade Virtual, vídeos

Meio ambiente: nem só de tragédias político-econômicas vive o pior governo que o Brasil já teve. Depois de Belo Monte e Mariana, caso não seja impedido, o governo brasileiro vai invadir o Rio Tapajós com outra obra espetacular, em que participa a Camargo Corrêa – uma das empresas envolvidas na Lava Jato.

Leia mais
Visite Abrolhos
fev10

Visite Abrolhos

A visitação ao Parque Nacional Marinho dos Abrolhos é incentivada e coordenada pelo Instituto Chico Mendes que dispõe de guias e embarcações para fazer com que a visita seja inesquecível para os turistas.

Leia mais
Azul da Cor de Abrolhos
fev10

Azul da Cor de Abrolhos

Quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016 às 20h47 Destacamos o vídeo da TV Brasil que fez uma excelente reportagem sobre o arquipélago brasileiro. Caminhos da Reportagem – Azul da Cor de Abrolhos   0 0 Visite Abrolhos View Picture 0 0 Ibama e ICMBio atuam desde o início da tragédia provocada pela Samarco View Picture 0 0 Samarco, Vale, BHP e governo diante da tragédia View Picture 0 0 Abrolhos: conheça um pouco dessa maravilha oceânica ameaçada pela Samarco View Picture 0 0 Expedição avalia vida marinha em Abrolhos View Picture 0 0 Resultados do desastre ambiental no rio Doce são apresentados pela Ufes View Picture 0 0 Mar Sem Fim visitou Abrolhos antes da tragédia de Mariana, assista os vídeos View Picture 0 0 Azul da Cor de Abrolhos View Picture...

Leia mais
Mar Sem Fim visitou Abrolhos antes da tragédia de Mariana, assista aos vídeos
fev10

Mar Sem Fim visitou Abrolhos antes da tragédia de Mariana, assista aos vídeos

Conheça Abrolhos e os detalhes com João Lara Resende, do Mar Sem Fim.

Leia mais
Ibama e ICMBio atuam desde o início da tragédia provocada pela Samarco
fev10

Ibama e ICMBio atuam desde o início da tragédia provocada pela Samarco

Três meses depois do rompimento da barragem da empresa Samarco, ainda não é possível ter uma ideia formada sobre o assunto no que diz respeito ao diversos tipos de prejuízos irreparáveis à natureza, incluindo aí os próprios seres humanos  que fazem parte dos diversos nichos extremamente prejudicados.

Leia mais
Resultados do desastre ambiental no rio Doce são apresentados pela Ufes
fev10

Resultados do desastre ambiental no rio Doce são apresentados pela Ufes

O grupo de trabalho formado por pesquisadores da Ufes para monitorar os impactos ambientais, econômicos e sociais no Espírito Santo, em função do rompimento da barragem de rejeito de minério localizada em Mariana (MG), apresentou nesta sexta-feira, 5, um boletim com os resultados das 2.785 análises feitas desde de 13 de novembro, quando o grupo foi criado.

Leia mais
Expedição avalia vida marinha em Abrolhos
fev10

Expedição avalia vida marinha em Abrolhos

Pesquisadores coletam amostras de água e animais.

Leia mais
Samarco, Vale, BHP e governo diante da tragédia
fev10

Samarco, Vale, BHP e governo diante da tragédia

Este artigo foi originalmente escrito para o site Dislexia de Bacamarte e também publicado no site do Greenpeace Brasil.

Leia mais
Abrolhos: conheça um pouco dessa maravilha oceânica ameaçada pela Samarco
fev10

Abrolhos: conheça um pouco dessa maravilha oceânica ameaçada pela Samarco

As próximas reportagens mostram Abrolhos. Separamos algumas imagens, destacamos dois vídeos do programa Mar Sem Fim: Parque Nacional Marinho dos Abrolhos [partes 1 e 2] publicados em outubro de 2015, exibidos pela TV Cultura, antes do lamaçal; e o vídeo da matéria especial da TV Brasil, Caminhos da Reportagem: Azul da Cor de Abrolhos, editado após o derramamento de rejeitos minerais no Vale do Rio Doce que percorreram centenas de quilômetros até a foz no Oceano...

Leia mais