Táxis obtém liberação das faixas exclusivas

Sábado, 13 de setembro de 2014, às 12h54

Prefeitura autoriza circulação de táxi em todas faixas exclusivas para ônibus implantadas à direita. Com a medida, que começa a vigorar neste sábado (13), taxistas terão 440 km de malha exclusiva compartilhada com o transporte coletivo, de acordo com a CET.

O Prefeito Fernando Haddad e o Secretário Municipal dos Transportes Jilmar Tatto anunciaram na manhã desta sexta-feira (12), a autorização para circulação de táxis em todas as faixas exclusivas implantadas à direita nas vias da cidade. A medida, que começa a vigorar neste sábado, 13, é válida apenas quando estes veículos estiverem transportando passageiros.

 

Prefeitura de São Paulo durante o núncio de Liberação da Faixa Exclusiva para Táxis. Foto Cesar Ogata / SECOM

Prefeitura de São Paulo durante o núncio de Liberação da Faixa Exclusiva para Táxis. Foto Cesar Ogata / SECOM

 

Com esta mudança, os taxistas poderão circular livremente, sem restrição de horário, pelos 440 Km de faixas existentes e as que vierem a ser implantadas. A autorização será publicada no Diário Oficial deste sábado, 13, por meio da Portaria 071/14-SMT.GAB. A decisão foi tomada em razão de a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) ter detectado que não houve uma redução de velocidade comercial dos ônibus nas vias que já tinham sido flexibilizadas.

Desempenho no trânsito

Em abril deste ano, a Secretaria de Transportes fez uma adequação sobre a circulação de taxis em corredores e faixas. A Portaria Nº 019/14-SMT.GAB permitiu a circulação de táxis com passageiro em qualquer horário e dia da semana em importantes faixas exclusivas, como as marginais Tietê e Pinheiros, e avenidas 23 de Maio e Washington Luís. Ao todo, foram liberados 18 ramais de faixas exclusivas, compreendendo 71 Km.

Desde esta época a CET vem observando o desempenho dos coletivos nas faixas exclusivas e a conclusão é que o compartilhamento com os taxistas não impactou na fluidez dos ônibus nestes eixos. Esta constatação foi possível após análise da performance da velocidade dos coletivos em faixas exclusivas onde foi feita a flexibilização para táxis e também na análise da velocidade dos ônibus em todos os eixos de deslocamentos segregados à direita.

A amostragem do estudo foi obtida a partir do banco de dados do Sistema SIM da SPTrans.

 

Táxi na faixa exclusiva de ônibus, na avenida 23 de maio, no sentido Aeroporto.  Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Táxi na faixa exclusiva de ônibus, na avenida 23 de maio, no sentido Aeroporto. Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

 

O principal estudo teve como enfoque a análise das variações de velocidade no período antes (de fevereiro e março/ 2014) e depois (de abril a agosto/2014) da vigência da medida, especificamente nas faixas à direita com liberação dos táxis.

Ou seja, ainda com liberação da circulação dos táxis com passageiros houve uma pequena variação com aumento de velocidade operacional dos ônibus. Isto se deve ao fato da característica da operação nas faixas exclusivas de ônibus à direita ser bastante diferente das faixas exclusivas à esquerda, que compõem os chamados corredores de ônibus e onde não há interferências de outros veículos para acesso a lotes lindeiros, paradas para embarque e desembarque de pessoas e conversões em vias à direita.

As atuais permissões que ocorrem nas faixas exclusivas à direita não comprometem a velocidade operacional dos ônibus, no entanto qualquer medida que gere uma nova interferência será monitorada. Foram principalmente estes números que permitiram concluir que a liberação da circulação dos táxis com passageiro não compromete o sistema, podendo ser implantada desde que com acompanhamento e constante avaliação.

O prefeito Fernando Haddad ponderou que a decisão anunciada beneficiará 500 mil pessoas, aproximadamente, que se deslocam diariamente por taxi. O secretário Jilmar Tatto assinalou que os técnicos da SPTrans e da CET seguirão observando o desempenho desta nova configuração no transporte.

Corredores à esquerda

A portaria que regulamenta a circulação nos corredores implantados à esquerda permanece a mesma. Ou seja: os táxis estão autorizados a circular nos corredores exclusivos de ônibus, nas seguintes condições: de 2ª a 6ª, no horário das 9h às 16h, com passageiro; de 2ª a 6ª, no horário das 20h às 06h do dia seguinte, com ou sem passageiro; aos sábados, domingos e feriados por período integral, com ou sem passageiro.

Os eixos que compõem esta regra são formados pelos seguintes corredores implantados à esquerda:

Pirituba / Lapa / Centro; Inajar / Rio Branco / Centro; Campo Limpo /Rebouças/ Centro; Santo Amaro / Nove de Julho / Centro; Jardim Ângela / Guarapiranga / Santo Amaro; Capelinha / Ibirapuera / Centro; Parelheiros / Rio Bonito / Santo Amaro; Itapecerica / João Dias / Centro; Paes de Barros.

Fonte: CET
alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*