Um mês para os Jogos Rio 2016: agora só falta você, vídeo


Terça-feira, 5 de julho de 2016, às 17h01


A 31 dias dos Jogos Olímpicos na América do Sul, o Rio de Janeiro se apronta para receber atletas e torcedores de todo o mundo.

Por Rio 2016

Foram sete anos de planejamento e transformação. Agora, falta apenas um mês. Quer saber como está a preparação do Rio de Janeiro para sediar os primeiros Jogos Olímpicos da América do Sul? Vem com a gente!

 

Arte / Fotos: Rio 2016

Arte / Fotos: Rio 2016

 

Palco montado

Com a ajuda de mais de sete mil atletas, que competiram em 44 eventos-teste, todas as instalações do Rio 2016 foram avaliadas, aprovadas e entregues.

Com dois Parques Olímpicos, um na Barra e outro em Deodoro, os Jogos Rio 2016 contam com 32 locais de competição espalhados pelas quatro regiões da cidade, além de cinco estádios de futebol em outras capitais brasileiras.

A Vila Olímpica e Paralímpica, casa dos atletas durante os Jogos, também já foi inaugurada e deve oferecer uma experiência tipicamente brasileira a competidores de mais de 200 países. Enquanto isso, a cidade se enfeita para sediar o evento.

 

Vista aérea do Parque Olímpico da Barra. Foto: André Motta

Vista aérea do Parque Olímpico da Barra. Foto: André Motta

 

Atletas concentrados

Mais de 10 mil dos melhores nadadores, velocistas, saltadores, ciclistas e demais competidores de 42 modalidades esportivas estão a caminho do Rio. Com as classificações na reta final, os Jogos esperam alguns dos maiores nomes do esporte mundial, de Neymar a Michael Phelps.

Empurrada pela torcida, a delegação brasileira vem com força total, com número recorde de representantes em modalidades como atletismo e natação.

Força de trabalho a postos

Vestidos com as cores do Rio 2016, mais de oitenta mil profissionais (entre voluntários, funcionários e terceiros) ajudam a realizar o maior evento esportivo do mundo. Com o fim das fases de planejamento e treinamento, o Comitê Rio 2016 começa sua operação: uniformes e credenciais já estão em distribuição, e instalações abrem as portas para a força de trabalho.

Segurança em primeiro lugar

Uma operação sem precedentes na história do País reúne 85 mil homens para garantir a segurança da Vila dos Atletas, das arenas esportivas, das regiões turísticas e das áreas estratégicas, como aeroportos e vias expressas. O evento tem ainda o reforço de membros de forças de segurança de 55 países, com dois centros de comando e controle funcionando 24 horas por dia.

Enquanto isso, especialistas garantem que moradores e turistas no Rio 2016 não precisam se preocupar com o vírus zika, uma vez que o risco de contágio é reduzido no inverno e medidas preventivas estão em curso.

 

Vista aérea do Rio de Janeiro. Foto: Getty Images/Matthew Stockman

Vista aérea do Rio de Janeiro. Foto: Getty Images/Matthew Stockman

 

O Rio no centro do mundo

Quem estiver no Rio de Janeiro durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos pode viajar pelo mundo sem sair do Brasil. Mais de 30 países já confirmaram casas temáticas em pontos nobres da cidade, com muita comida típica, arte, música e outras atividades.

Além disso, torcedores que quiserem unir esporte e turismo têm um prato cheio de brasilidade para desfrutar no intervalo das competições. Além dos live sites, espaços públicos com transmissão ao vivo das competições e atividades culturais, o Rio de Janeiro oferece diferentes atrações para visitantes.

Para curtir, é só chegar

Seja de metrô, trem, VLT ou ônibus, diferentes meios de transporte conectam as quatro regiões de competição (Barra, Deodoro, Maracanã e Copacabana) ao restante da cidade. A prefeitura já anunciou o esquema especial para otimizar o fluxo de pessoas, e o aeroporto internacional do Rio duplicou sua capacidade para receber os visitantes.

Ainda dá tempo de participar

Toda quinta-feira, novos ingressos são disponibilizados no site rio2016.com/ingressos. Também é possível comprar entradas em bilheterias físicas no Rio de Janeiro, em São Paulo, Belo Horizonte e Salvador.

O Brasil unido

A chama Olímpica já passou por todos os Estados do Brasil e agora trilha o caminho da cerimônia de abertura, no dia 5 de agosto, no Maracanã. Em 63 dias de revezamento, a tocha percorreu mais de 18 mil quilômetros, revelando a diversidade cultural brasileira.

É hora do show

Tudo começa em uma grande festa, marcada para as 20h do dia 5 de agosto de 2016, no Maracanã. O roteiro da cerimônia de abertura dos Jogos Rio 2016 ainda é segredo. Sob a direção de nomes de peso das artes brasileiras, dá para antecipar que a festa vai emocionar.

De lá, 10.500 atletas partem para a competição de suas vidas, atuando em mais de 300 provas de 42 esportes.

 

Frente e verso das medalhas dos Jogos Olímpicas e Paralímpicos. Foto: Rio 2016/Alex Ferro

Frente e verso das medalhas dos Jogos Olímpicas e Paralímpicos. Foto: Rio 2016/Alex Ferro

 

Medalhas

O esforço dos atletas campeões será premiado com 2.102 medalhas, entre ouro, prata e bronze com inovações de design e sustentabilidade.

As peças de ouro são 100% livres de mercúrio, e as de prata e bronze contam com 30% de material reciclado em sua composição. Já a fórmula da fita que prende as medalhas nos pescoços dos atletas é produzida com 50% de garrafas PET recicladas. Por fim, o estojo que guarda as preciosidades é feito de madeira produzida em áreas com atividade ambiental sustentável e socialmente responsável.

E, embalados por um sonho que transborda Alma e Coração, seguimos na construção de Um Mundo Novo, moldado pelos valores Olímpicos.

Aquece Rio - Eventos-teste - melhores momentos

 

Renzo Agresta é um dos atletas mais experientes da esgrima brasileira (Foto: Getty Images/GuidoManuilo)

Renzo Agresta é um dos atletas mais experientes da esgrima brasileira (Foto: Getty Images/GuidoManuilo)

Leia mais sobre
JOGOS OLÍMPICOS
RIO 2016

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Câmara dos Deputados, ao vivo
Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
  • Câmara dos Deputados, ao vivo

  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*