Vamos ao México, conhecer as belezas naturais de Chiapas


Publicado em 5 de maio de 2014 às 10h41 - Atualizado 23 de abril de 2015

 

Chiapas está localizado no extremo Sul do México, banhada pelo Oceano Pacífico, na fronteira com a Guatemala, sua capital é Tuxtla Gutiérrez. Um terço da população descende da antiga civilização Maia, cujo idioma está preservado por eles, pois muitos não falam o espanhol, língua oficial mexicana.

No idioma antigo o nome vem de “Chiapan” ou “Tepechiapan”, designando o povo indígena e significa “monte de chia” ou “água sob a colina”. Os exploradores espanhóis adotaram duas designações para Chiapas: dos índios e dos espanhóis, até chegar a Las Chiapas.

Na cidade do México, o Museu Nacional de Antropologia guarda antigas peças dessa magnífica civilização, aniquilada pelos conquistadores europeus. Mas ainda restam edificações bem conservadas do apogeu dos maias, cuja cultura está entre as maiores na história da humanidade. Por volta de 1.500 a.C. eles já cultivavam o milho e vivam em casas, produzindo cerâmicas como peças de ornamentação e utensílios.

O ambiente natural em Chiapas é extremamente diversificado devido a fatores topográficos e climáticos, além de sua localização. La está a a Sierra Madre de Chiapas, citada nos livros de história, correndo paralelamente ao Oceano Pacífico, chegando aos 2.000 mil metros de altura na fronteira com a Guatemala.

Antigo Templo Maia em Palenque. Foto: Stock

Aspecto de sítio Maia, em Palenque. Foto: Stock

Uma das atrações turísticas é o Parque Nacional Lagunas de Montebello, entre as rochas da Sierra Madre e o vale formado pelo Rio Grijalva. O lago de Montebello está numa área protegida por decreto desde 1959. “Sua beleza espetacular é, sem dúvida, um dos sítios naturais mais belos do país devido a seus ambientes, tanto de águas superficiais e subterrâneas. Emoldurado por densas florestas de pinheiros, florestas de carvalho e misturado com a presença marcante de bromélias e orquídeas”.

O parque abriga dezenas de lagunas formadas através dos milênios. A cor azulada e clara deve-se principalmente ao tipo de fundo, vegetação e refração da luz. O lago Tziscao é um dos maiores e mais profundos (45 metros) já na fronteira com a Guatemala. Séculos depois dos exploradores, a beleza de Chiapas continua inspiradora, não só pelas águas, mas também pela vegetação.

Perto do Parque Nacional Lagunas de Montebello está o rancho Yuria, do poeta Jaime Sabines. A beleza do lugar também inspirou Dr. Atl – pseudônimo do pintor e escritor mexicano Gerardo Murillo (1875¬-1964) –, que propôs a criação de Olinca, a cidade das artes.

Parque Nacional Lagunas de Montebello. Foto: Stock

Lago Tziscao - Parque Nacional de Lagunas de Montebello, próximo à fronteira com a Guatemala.

Parque Nacional Lagunas de Montebello. Foto: Stock

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo
Telescópio Gigante Magalhães, vídeo
Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce
Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d
Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia
Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo
Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar
Animação sobre a prevenção do câncer de mama
  • Acompanhe a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, ao vivo

  • Telescópio Gigante Magalhães, vídeo

  • Catálogo on-line reunirá informações de 2,3 mil espécies de peixes de água doce

  • Faça um passeio pelo “solo alienígena” do exoplaneta TRAPPIST-1d

  • Video: Venha com a gente para as profundezas dos Corais da Amazônia

  • Desmatamento dispara na Amazônia, vídeo

  • Benefícios da caminhada e da bicicleta superam malefícios da poluição do ar

  • Animação sobre a prevenção do câncer de mama

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*