Vereador Toninho Paiva é a favor da Subprefeitura do Tatuapé


Quarta-feira, 25 de março de 2015, às 16h22

 
Eleito para o 6º mandato, Toninho Paiva tem projeto aprovado para a criação da subprefeitura do bairro, mas diz que este governo não tem dinheiro para bancar estrutura.

Gerson Soares

Porém, não é só isso, falta levar a matéria para votação no plenário da Câmara Municipal de São Paulo (CMSP), onde o projeto já passou em primeira votação e obteve as aprovações necessárias. “Todas as comissões votaram a favor, agora precisamos de 28 votos para aprovar o projeto”, disse na tarde de hoje pelo telefone, durante a abertura da Sessão Plenária da CMSP.

 

Vereador Toninho Paiva (à frente, D) em verificação de obras no Parque do Piqueri ao lado do subprefeito da Mooca, engº Evandro Reis (de terno, E). Foto: divulgação

Vereador Toninho Paiva (à frente, D) em verificação de obras no Parque do Piqueri ao lado do subprefeito da Mooca, engº Evandro Reis (de terno, E). Foto: divulgação

 

A Subprefeitura do Tatuapé é hoje uma necessidade, para uma região com tamanha infraestrutura, ainda em expansão. “Tudo o que tem na cidade de São Paulo, tem no Tatuapé”, exagerou o vereador. Apesar disso, sua observação não fica distante da realidade. O bairro possui hospitais de ponta – algo que há dez anos não existia – universidades, rede escolar privada e pública, concessionárias de veículos, redes de restaurantes e fast foods, três shoppings centers e mais uma infinidade de empresas prestadoras de serviços, além do comércio.

As maiores empresas da construção civil se voltaram para o crescimento do Tatuapé e Jardim Anália Franco, tomando parte do mercado das construtoras e imobiliárias locais. Juntando-se a estas, estão promovendo uma fabulosa migração populacional, transformando os retangulares quarteirões do bairro em rios de carros, a cada final de tarde.

Tudo isso requer uma administração mais próxima, que possa atender às reivindicações imediatas da sociedade e tenha condições de preparar um planejamento a médio e longo prazos, especificamente para o Tatuapé e Jardim Anália Franco que apesar de toda a infraestrutura carecem de soluções para seus problemas mais prementes, como pavimentação, trânsito, combate às drogas, policiamento, iluminação, manutenção de ruas, praças, parques. São diversas as justificativas para que seja criada essa nova subprefeitura na administração municipal, há muito tempo reivindicada.

“Os vereadores que tiveram votação expressiva na zona Leste, precisam nos ajudar a conseguir esses votos no plenário”, convoca Toninho Paiva. “Não me importo em dar autoria para todos os meus colegas que ajudarem, o importante é aprovar o projeto”, concluiu.

Ressaltamos que com a criação da Subprefeitura do Tatuapé, haverá um alívio para as subprefeituras da Mooca e Aricanduva/Carrão que já atendem diversos bairros, podendo reinvestir tempo e recursos. Dentre as questões administrativas que envolvem essas subprefeituras estão o Brás e Pari – com seu movimento intenso – e as demandas do Aricanduva, Carrão e Manchester, apenas para citar os bairros conhecidos. Entre eles, o Tatuapé, mais uma administração complexa em meio às demais.


Assuntos relacionados

 

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*