Brasil está nas semifinais e pega a Alemanha
jul04

Brasil está nas semifinais e pega a Alemanha

Sexta-feira, 4 de julho de 2014 às 20h26   Depois de jogar o melhor primeiro tempo desde que começou o torneio, a Seleção Brasileira teve garra para segurar o 1 x 0 contra a Seleção da Colômbia, que teve o mérito de ser um adversário que jogou aberto de igual para igual. dessa forma não demorou para o Brasil começar a criar as melhores chances de gol que veio numa cobrança de escanteio com o capitão Thiago Silva, 1 x 0.     Um belo jogo de futebol que no segundo tempo de jogo, foi mais aguerrido ainda. Mas o Brasil tem David Luiz, o defensor sensação da Copa, que marcou o gol da segunda etapa numa perfeita cobrança de falta, na intermediária da Colômbia, um golaço. A lamentar a saída tensa do jogador Neymar, depois da jogada desleal do colombiano, que pelas costas pareceu ter atingido sua coluna. A imprensa aguarda os informes oficiais dos médicos. Além disso, Thiago Silva recebeu o segundo cartão amarelo e está fora da partida contra a Alemanha pela seminal, na próxima...

Leia mais
ALESP aprova vagão feminino
jul04

ALESP aprova vagão feminino

Sexta-feira, 4 de junho de 2014 às 15h39 Foi aprovado hoje no Plenário da Assembléia Legislativa de São Paulo, o Projeto de Lei nº 175/2013 de autoria do deputado estadual Jorge Caruso (PMDB-SP) que destina pelo menos um vagão em cada composição dos trens e metrô para uso exclusivo das mulheres. Além delas, crianças acompanhadas pelas mães também poderão embarcar. “Sabemos que, infelizmente, grande parte da população feminina é obrigada a conviver com abusos pela falta de espaço nas composições”, justificou.     O PL segue agora para a sanção do governador Geraldo Alckmin que terá 30 dias para aprovar ou vetá-lo. Se aprovado deverá ser implantado em até 90 dias pelas companhias. “Essa situação é constrangedora para quem é obrigada a utilizar esses meios de transportes para ir e vir do trabalho, da escola, pois, na falta de espaço nos vagões, as mulheres não tem outra opção senão ‘aguentar’ esse constrangimento durante todo o percurso, que muitas vezes é longo”. Segundo o deputado, a inspiração surgiu ao tomar conhecimento de uma lei semelhante existente no Rio de Janeiro desde...

Leia mais
Duelos continentais marcam o início das quartas de final
jul04

Duelos continentais marcam o início das quartas de final

Sexta-feira, 4 de junho de 2014 às 15h Marcelo Brandão* – Repórter da Agência Brasil Edição: Stênio Ribeiro As quartas de final da Copa do Mundo começam hoje (4) com dois duelos entre rivais continentais. O Brasil enfrenta a Colômbia às 17h, horário de Brasília, em Fortaleza. Há poucos minutos, no Rio de Janeiro, a Alemanha eliminou a França e está nas semifinais, o jogo começou às 13h. Dos nove títulos mundiais em campo ao longo do dia, independentemente do que acontecer no jogo do Brasil x Colômbia, era certo que pelo menos um campeão mundial se despediria da Copa nesta sexta-feira e começou com os franceses.     Depois de uma partida de oitavas de final que quase deixou o país à beira de um colapso nervoso, o Brasil precisará corrigir algumas falhas para o jogo com a Colômbia. Com a saída de Luiz Gustavo, suspenso em virtude do segundo cartão amarelo recebido no torneio, o volante Paulinho volta ao time e reassume a vaga perdida no jogo contra o Chile. Fernandinho, que ganhou a vaga na última partida, fará o papel de Luiz Gustavo como primeiro volante. Com isso, o time pode ganhar mais poder ofensivo, já que Paulinho sobe melhor ao ataque do que seu companheiro suspenso. A preocupação é se Fernandinho terá desempenho semelhante ao de Luiz Gustavo, que tem se destacado pela boa proteção da defesa. Parar os habilidosos James Rodrígues e Cuadrado, da Colômbia, é fundamental para garantir a rede brasileira intacta. A Colômbia foi o time mais regular do torneio até agora, a única seleção que ainda não deu qualquer susto em seus torcedores e tem enchido os olhos do público mais do que se poderia imaginar. Após uma primeira fase irrepreensível, eliminou o Uruguai com facilidade. Mesmo sem o atacante Suárez, suspenso pela Federação Internacional de Futebol (Fifa) após morder um jogador adversário durante a partida contra a Itália, esperava-se mais de um Uruguai que pouco ameaçou o gol de Ospina. Apesar de ter menos tradição que o Brasil, a história recente mostra equilíbrio entre as duas seleções. Nos últimos quatro confrontos, foram quatro empates. A Colômbia já tem a melhor participação de sua história em copas, e seu desempenho no Brasil se notabiliza ainda mais por estar fora de copas há 16 anos. A última participação foi em 1998, na França, quando caiu na primeira fase. Alemanha e França foi o único jogo das quartas de final envolvendo dois campeões mundiais. O jogo de hoje marcou o quarto encontro entre os dois países em uma Copa. A primeira vez foi na disputa do terceiro lugar na Copa de 1958, na...

Leia mais
Cientistas encontram rio abaixo do Amazonas
jul04

Cientistas encontram rio abaixo do Amazonas

Sexta-feira, 4 de junho de 2014 às 12h25 Out Amazing Planet – Cientistas descobriram um rio subterrâneo sob o Amazonas, fluindo quilômetros abaixo da superfície. Eles detectaram o rio depois de analisarem dados de 241 poços que a petrolífera Petrobras perfurou na região amazônica na década de 1970 e 1980. O rio foi nomeado (embora não oficialmente) Hamza por cientistas do Observatório Nacional brasileiro, em homenagem a seu colega, o geofísico Valiya Hamza. Assinaturas térmicas das águas subterrâneas sugerem que o Hamza flui do oeste para o leste, assim como o próprio rio Amazonas, com exceção de estar em uma profundidade de cerca de 4.000 metros abaixo da superfície da Terra. Simulações de computador indicam que a uma profundidade de cerca de 600 metros, o rio flui verticalmente.     Muito menos água flui no Hamza, que pode chegar a cerca de 3.900 metros cúbicos por segundo, contra 133.000 metros cúbicos por segundo no Amazonas. A água se move mais lentamente pelo Hamza, com velocidades de cerca de 10 a 100 metros por ano, ao contrário das velocidades rápidas do Amazonas de cerca de 6 a 120 metros por hora. Ainda assim, o recém-descoberto rio é quase tão longo (6.000 quilômetros) quanto o gigante brasileiro (6.100 quilômetros). O rio subterrâneo também é muito mais amplo, com cerca de 200 a 400 quilômetros de largura, em comparação com a largura do maior rio em volume de água do mundo, com cerca de 1 a 100 quilômetros. O Hamza pode não ser o único rio subterrâneo. “É possível que sistemas de rio subterrâneo de tipo semelhante existam em outras partes da Terra”, disse Valiya Hamza. “Em conjunto, os resultados revelam que há três tipos de sistemas de rios na região amazônica”, explica Hamza. Além dos bem conhecidos rio Amazonas e seus afluentes, há “rios atmosféricos”, onde grandes quantidades de vapor de água fluem através do ar local e, agora, este sistema de rio subterrâneo. Conhecer os três tipos ajuda os cientistas a entender melhor a quantidade total de água disponível na região amazônica, que é um fator crítico para investigar a vida lá.     Fonte: OurAmazingPlanet / HypeScience – Tradução: Natasha Romanzoti, via...

Leia mais
“Um olhar sobre o Brasil”
jul04

“Um olhar sobre o Brasil”

Sexta-feira, 4 de junho de 2014 às 11h06 Este é o nome da exposição que segue por várias capitais brasileiras, com imagens do acervo da Fundação Energia e Saneamento de São Paulo (FESSP) e aguarda seu próximo destino; a última mostra foi encerrada no mês de abril em Belo Horizonte, capital mineira. A mostra “Um Olhar sobre o Brasil − a Fotografia na Construção da Imagem da Nação”, apresenta imagens de diferentes acervos públicos e privados com a proposta de refletir sobre 170 anos de história do país a partir do registro fotográfico. Todas as obras cedidas à mostra pela Fundação Energia e Saneamento são de autoria do suíço Guilherme Gaensly, como está que vemos aqui....

Leia mais
Idosos podem ter VidAtiva
jul04

Idosos podem ter VidAtiva

Sexta-feira, 4 de junho de 2014 às 9h32   Programa oferece cartão pré-pago a pessoas da terceira idade de baixa renda para uso de academias e clubes credenciados. Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude (SELJ) – O governador Geraldo Alckmin entregou, nesta quinta-feira, 3, mais 400 cartões do programa VidAtiva a idosos da capital e dos municípios de Suzano, São Caetano do Sul, Arujá, Biritiba Mirim e Mairiporã. O programa permite o uso de academias e clubes por pessoas da terceira idade por meio de um cartão magnético com valor pré-pago de R$ 57 ao mês. É dada prioridade de inscrição aos idosos em situação de vulnerabilidade social ou que tenha prescrição médica indicando a prática de atividade física como medida preventiva ou curativa. “Estamos entregando novos cartões do programa VidAtiva para que os idosos façam ginástica de graça em academias e clubes inscritos em todo o Estado. Isso significa mais saúde e maior longevidade para as pessoas da terceira de idade”, disse Alckmin. Com este lote, o Governo totaliza 2.004 cartões entregues desde o começo do programa, em dezembro de 2013, sendo 811 só na capital, e 112 clubes e academias inscritos em todo o Estado. A meta é chegar a 3.000 idosos participantes até o fim de julho e 5.000 mil neste ano, com investimento total de R$ 2,1 milhões em 2014. Segundo informações da SELJ, quando lançado, o programa tinha cinco pólos de atuação, hoje em plena atividade, cada um com 600 vagas destinadas: Santos, São José do Rio Preto, Bauru, Grande São Paulo e Capital. Atualmente, estão sendo estruturados novos pólos em São José dos Campos, Campinas, Sorocaba, Franca, Barretos, Ribeirão Preto, Marília, Araçatuba e Presidente Prudente. Condições para participar do programa: I – ter no mínimo 60 (sessenta) anos de idade. II – ter renda familiar mensal não superior a três salários mínimos (R$ 2.172,00). III – não ser proprietário, titular de aquisição, herdeiro, legatário ou usufruir de bens móveis, imóveis ou direitos, cujos valores ultrapassem a quantia equivalente a R$ 96.850,00. IV – não possuir recursos financeiros em aplicações ou investimentos em valor superior a 12 (doze) salários mínimos federais (R$ 8.688,00). Os idosos interessados devem comparecer às Inspetorias ou Diretorias de Esporte e Lazer de sua cidade levando originais e cópias de RG, CPF e comprovantes de renda e residência. As academias, por sua vez, devem enviar para a Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude a seguinte documentação: cartão do CNPJ, cópia simples do contrato social ou estatuto, cópia simples do RG e do CPF do responsável legal pela academia ou clube que consta no contrato social/estatuto e ficha de inscrição preenchida....

Leia mais
Pondé lança “A Era do Ressentimento”
jul04

Pondé lança “A Era do Ressentimento”

Sexta-feira, 4 de junho de 2014 às 9h32 O filósofo mais polêmico do país apresenta sua obra mais recente em noite de bate-papo e autógrafos, em Curitiba. Luiz Felipe Pondé, autor do “Guia Politicamente Incorreto da Filosofia”, lança no próximo dia 24, em Curitiba, o livro “A Era do Ressentimento” (Ed. Leya). O evento faz parte do projeto “Encontro com a Palavra”, promovido pelo Conselho da Biblioteca Bento Munhoz da Rocha Netto do Graciosa Country Club, em parceria com a UniBrasil e com apoio da Editora Leya, Freguesia do Livro e Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colunista do jornal Folha de S. Paulo desde 2008, Luiz Felipe Pondé é graduado em Medicina pela Universidade Federal da Bahia e Filosofia Pura pela Universidade de São Paulo, doutor em Filosofia Moderna pela Universidade de Paris e pós-doutor pela Universidade de Tel Aviv, Israel. Atuou como professor convidado nas universidades de Marburg (Alemanha) e de Sevilha (Espanha). Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da PUC-SP e da Faculdade de Comunicação da FAAP, ministra diversos cursos na Casa do Saber. Também escreveu “Contra um mundo melhor” (LeYa, 2010), “Crítica e Profecia – Filosofia da Religião em Dostoievski” (Ed. 34, 2003), “Conhecimento na Desgraça – Ensaio de Epistemologia Pascaliana” (EDUSP, 2004), “O Homem Insuficiente” (EDUSP, 2001) e “Do Pensamento no Deserto – Ensaios de Filosofia da Religião” (EDUSP, 2009). Na nova obra, Pondé aponta suas armas para a mediocridade contemporânea, numa época afogada em narcisismo. “Ofereço esta agenda a todos que, como eu, estão fugindo das modas de um mundo viciado em seus próprios ridículos fantasmas de sucesso”, afirma o autor, na sinopse do livro. E completa: “assim como Freud traiu nossa falsa inocência infantil, pretendo trair nossa mediocridade”. Segundo o filósofo, a psicologia nietzschiana do ressentimento deveria ser mais levada a sério quando se discute política no mundo contemporâneo. “Provavelmente, daqui a mil anos, não vão lembrar da nossa época como a época do IPad – vão lembrar da nossa época como a era do ressentimento. Somos uma civilização de mimados, que não é capaz de escutar nenhuma crítica sem achar que é uma questão de ofensa pessoal”, afirma. O bate-papo, seguido de autógrafos, acontece a partir das 19h30, na sede social do Graciosa Country Club. Mais informações pelo telefone (41) 3015-5005 – ramal...

Leia mais
Carros antigos: Museu Louwman, na Holanda
jul04
Leia mais
Torta Espelhada de Morango
jul04
Leia mais