Desmatamento da Amazônia aumenta poluição em países da América do Sul
jul29
Leia mais
Biblioteca Cassiano Ricardo no Tatuapé
jul29

Biblioteca Cassiano Ricardo no Tatuapé

Terça-feira, 29 de julho de 2014 às 17h19 PROGRAMAÇÃO CULTURAL ESPAÇO ITAMAR ASSUMPÇÃO CIRCUITO DE MÚSICA Ricardo Vignini e Índio Cachoeira “Viola caipira duas gerações” Ricardo Vignini é um dos violeiros mais atuantes do Brasil, produtor e pesquisador de cultura popular do sudeste. José Pereira de Souza, o Índio Cachoeira, já gravou com inúmeras duplas e é considerado um virtuose da viola. Juntos, realizaram dezenas de apresentações pelo País e lançaram o CD “Viola Caipira Duas gerações”. Dia 8 de agosto às 18h MÚSICA PARA TODOS Realização dos Coletivos T.D.V, artistas e articuladores culturais contemplados com o Prêmio Funarte de Música Brasileira 2012. Arquitetura musical com Rui Barossi A oficina pretende apresentar aos espectadores um breve insight a respeito de algumas formas usadas na música popular ocidental. Pequenos conhecimentos de como a música popular é estruturada – suas divisões de partes, recorrências, chorus de improvisação, etc – podem tornar a fruição do espectador muito mais plena, complexa e portanto, interessante. Com linguagem simples acessível para leigos, o oficineiro vai destrinchar os conceitos básicos dos mecanismos de estruturação musical – de como a música pode ser arquitetada, – e de como nós, como espectadores, podemos participar dessa arquitetura simplesmente por reconhecer certos padrões dessa estrutura, a partir de seus arranjos e de outros músicos conhecidos. Dia 30 de agosto às 14h MEDIAÇÃO DE LEITURA Funcionários da Biblioteca propõem um contato lúdico entre leitores de todas as idades e os livros, com a intenção de despertar o interesse e o hábito da leitura. Tarde entre Livros com Camila Vieira Braido e Odenir Vinhato. Livre. Dia 30 de julho às 15h Dias 6, 13, 20 e 27 de agosto às 15h PROGRAMA VOCACIONAL MÚSICA Realizado pelo DEC – Departamento de Expansão Cultural da Secretaria de Cultura em diversos espaços públicos, o Programa Vocacional é aberto a maiores de 14 anos. Turma 1: às quartas-feiras das 14h às 17h Turma 2: aos sábados das 13h às 16h CURSOS Violão popular com Anita Deixler Esse horário será dedicado para pessoas que já sabem tocar o instrumento e que desejam se aperfeiçoar ou retomar a prática. A cada semana será trabalhada uma canção da música popular brasileira. Para maiores de 14 anos. 15 vagas, inscrições na Biblioteca ou através do email:bmcassianoricardo@yahoo.com.br   Dia 7 de agosto às 17h30 Canto para contadores de histórias com Anita Deixler Encontro semanal tendo em foco uma consciência vocal e a melhoria da técnica vocal através do canto. Os encontros serão em grupo, mas com acompanhamento individual. Adulto. 15 vagas, inscrições na Biblioteca ou através do email: bmcassianoricardo@yahoo.com.br Dia 7 de agosto às 19h30   Camila Vieira Braido Coordenadora Biblioteca Pública Cassiano...

Leia mais
Escritório Escola do Projeto Quixote será mostrado em livro
jul29
Leia mais
Subprefeitura Sé quer ouvir população
jul29
Leia mais
Governo inclui vacina contra hepatite A no SUS
jul29

Governo inclui vacina contra hepatite A no SUS

Terça-feira, 29 de julho de 2014 às 18h34 O Ministério da Saúde anunciou nesta terça-feira (29) que o SUS (Sistema Único de Saúde) passa a oferecer vacina contra hepatite A para crianças. A meta do Ministério da Saúde é imunizar três milhões de crianças, na faixa etária de um e dois anos, no prazo de um ano. A medida integra as ações que marcam o Dia Mundial de Luta contra Hepatites Virais, celebrado em 28 de julho. O calendário básico de imunização da criança está sendo ampliado com a introdução da vacina contra a hepatite A, que passa a ser ofertada nos postos de saúde do país. A meta do Ministério da Saúde é imunizar 95% do público-alvo, cerca de três milhões de crianças – na faixa etária de um até dois anos incompletos – no período de 12 meses. Com isso, o Brasil passa a oferecer, gratuitamente, 14 vacinas de rotina, garantindo todas as vacinas recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O objetivo é prevenir e controlar a hepatite A e, dessa forma, imunizar, gradativamente, toda a população. O esquema vacinal preconizado pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde, prevê uma dose única da vacina. Será feito o monitoramento da situação epidemiológica da doença, no país, para definir a inclusão ou não de uma segunda dose no calendário da criança. A Hepatite A é uma doença infecciosa aguda que atinge o fígado. Para o início da vacinação, estados e municípios já receberam 1,2 milhão de doses. Outros lotes da vacina serão encaminhados, ainda este ano e no decorrer de 2015, para atender 100% do público-alvo. A data para início da vacinação será definida por cada estado. As doses para o início da vacinação já foram enviadas para todas as secretarias estaduais de saúde, assim como os materiais instrucionais para a correta aplicação na população. A vacina contra a hepatite A é segura e praticamente isenta de reações, mas pode provocar vermelhidão e inchaço no local da aplicação. Parceria A introdução desta vacina foi possível mediante política adotada pelo governo brasileiro de fortalecer o complexo industrial da saúde, ampliando a capacidade de produção de vacinas no país. A tecnologia envolvida é resultado de acordo de transferência feito por meio de Parceria de Desenvolvimento Produtivo (PDP) entre o Ministério da Saúde e o laboratório produtor Merck Sharp & Dohme Farmacêutica, que vai transferir gradualmente para o laboratório público Instituto Butantan a tecnologia e a fórmula do princípio ativo deste imunobiológico. A transferência completa da tecnologia, com produção 100% nacional, está prevista para 2018. Sobre a doença A hepatite A é habitualmente benigna e raramente apresenta uma...

Leia mais