Band realiza debate entre Aecio e Dilma
out14
Leia mais
Zona Oeste inicia projeto piloto de entrega noturna de cargas
out14
Leia mais
CDH encerra ciclo de debates sobre a maconha
out14
Leia mais
Adicional de periculosidade para mototaxistas já está valendo
out14

Adicional de periculosidade para mototaxistas já está valendo

Terça-feira, 14 de outubro de 2014 às 21h31   Agência Senado – O Ministério do Trabalho e Emprego publicou nesta terça-feira (14), no Diário Oficial da União, portaria regulamentando as situações de trabalho com utilização de motocicleta que geram direito ao adicional de periculosidade. instituído pela Lei 12.997/2014, o direito ao adicional foi incluído no § 4º ao art. 193 da Consolidação das Leis do Trabalho ( CLT). O adicional de periculosidade corresponde a 30% do salário do empregado, sem os acréscimos resultantes de gratificações, prêmios ou participações nos lucros da empresa. A lei considera como perigosas aquelas atividades que, “por sua natureza ou métodos de trabalho, impliquem o contato permanente com inflamáveis ou explosivos em condições de risco acentuado”. Agora os mototaxistas, motoboys, motofretes e mesmo quem presta serviço comunitário de rua, como a ronda noturna, terão direito ao benefício. O projeto original (PLS 193/2003), aprovado no Senado em 2011, foi motivado por relatório do Corpo de Bombeiros de São Paulo que apontou a ocorrência de grande número de acidentes envolvendo motocicletas e veículos similares, com vítimas fatais ou sérias lesões. O texto que seguiu para sanção, depois de aprovação final no Senado em 28 de maio, foi um substitutivo ao projeto do senador Marcelo Crivella (PRB-RJ). Para discutir o adicional de periculosidade, o Ministério do Trabalho e Emprego constituiu um grupo técnico que elaborou a proposta de texto do anexo da NR-16 o qual foi submetido à consulta publica pelo período de 60 dias. Com informações do site do Ministério do...

Leia mais
Prefeitura estuda mudar Ceagesp da zona oeste
out14
Leia mais
Contribua com a reciclagem de lixo, é bacana e fará bem para a cidade
out14
Leia mais
Cidade de SP caminha para cumprir Agenda Ambiental
out14

Cidade de SP caminha para cumprir Agenda Ambiental

Terça-feira, 14 de outubro de 2014 às 12h54 Cidade de São Paulo ocupa posição pioneira em reciclagem de resíduos sólidos. Com a inauguração das duas primeiras centrais mecanizadas de triagem da América Latina e ampliação da coleta seletiva, cidade iniciou processo inédito. Meta é aumentar o percentual de reciclagem de 2% para 10%, até 2016. SECOM / PMSP – São Paulo iniciou um processo inédito na reciclagem de resíduos sólidos com a instalação das duas primeiras centrais mecanizadas de triagem da América Latina, que vão permitir triplicar a capacidade de processamento de recicláveis e a ampliação da coleta seletiva de lixo com a aquisição de 11 caminhões. A meta é aumentar o percentual de reciclagem em São Paulo de 2% para 10%, até 2016, conforme as informações da Secretaria de Comunicação da Prefeitura da cidade de São Paulo. De acordo com a secretaria, com a abertura das duas centrais mecanizadas, uma em Santo Amaro e outra em Ponte Pequena, e investimentos nas cooperativas, a capacidade de reciclagem chega a 7% dos resíduos gerados na cidade. Hoje a cidade produz, no total, 10,5 mil toneladas de resíduos por dia. Deste montante, os orgânicos são 50%, cerca de 35% é resíduo seco com possibilidade de ser reciclado e um porcentual de 18% é rejeito. Por isso, se considerarmos somente a porcentagem de resíduos secos, com as quatro centrais a cidade irá processar cerca de 45% dos recicláveis produzidos. Na agenda ambiental da cidade está ainda a reutilização dos resíduos orgânicos por compostagem, para redução da quantidade de materiais enviados aos aterros sanitários. Um projeto-piloto distribuirá 2.000 composteiras domésticas e levantará informações para a ampliação dessa política. Os avanços no manejo adequado do lixo integram um conjunto de melhorias do meio ambiente da cidade, que inclui ainda a implantação de 400 quilômetros de ciclovias até 2015, a qualificação do transporte público e a adoção das lâmpadas de LED para a iluminação pública.   Assuntos relacionados Cidade de SP caminha para cumprir Agenda Ambiental Contribua com a reciclagem de lixo, é bacana e fará bem para a cidade Prefeitura lança projeto inédito de compostagem doméstica...

Leia mais
Roberto Amaral volta-se para Dilma e o PT
out14
Leia mais
Cobertura Dourada
out14
Leia mais
Pensar o futuro, assim se fará o Brasil das próximas gerações
out14
Leia mais
Um gênio sob a raridade de ELA
out13

Um gênio sob a raridade de ELA

  Segunda-feira, 13 de outubro de 2014, 21h05 Stephen Hawking é o famoso físico teórico e cosmólogo britânico e um dos mais consagrados cientistas da atualidade. Doutor em cosmologia, foi professor lucasiano de matemática na Universidade de Cambridge, onde hoje encontra-se como professor lucasiano emérito, um posto que foi ocupado por Isaac Newton, Paul Dirac e Charles Babbage. Atualmente, é diretor de pesquisa do Departamento de Matemática Aplicada e Física Teórica (DAMTP) e fundador do Centro de Cosmologia Teórica (CTC) da Universidade de Cambridge. Recentemente foi anunciada sua cinebiografia sem título em português, The Theory of Everything (que traduzindo ficaria A Teoria de Tudo). O filme será estrelado por Eddie Redmayne (um dos protagonistas da série Os Pilares da Terra) como Professor Hawking e Felicity Jones como Jane Hawking. O filme mostra a história do mais brilhante e famoso físico do nosso tempo e Jane, desde a primeira reunião em Cambridge, no ano de 1964, com sucessos acadêmicos posteriores de Stephen e sua deficiência aumentando. O lançamento do filme está programado para o dia 07 de novembro de 2014 nos Estados Unidos e no Reino Unido no dia 1 de Janeiro de 2015. Pouco se esperava de Stephen Hawking, um estudante brilhante da cosmologia, mas a quem foram dados apenas dois anos de vida, após o diagnóstico de uma doença fatal aos 21 anos de idade: ELA (esclerose lateral amiotrófica). Apesar de seu amor por Jane, ser chamado de o sucessor de Einstein e dos seus três filhos, ao longo dos anos seu corpo sucumbiu à doença, mas sua fama como cientista aumentou e ambos os fatos alteraram drasticamente seu relacionamento com a esposa. Nascido no dia 8 de janeiro de 1942, casou-se pela primeira vez em julho de 1965 com Jane Wilde, separando-se em 1991. Casou depois com sua enfermeira Elaine Mason em 16 de setembro de 1995. Hawking continua combinando a vida em família (seus filhos e um neto) e sua investigação em física teórica junto com um extenso programa de viagens e conferências aos 72 anos.   Assunto relacionado Ministério da Saúde abre consulta pública sobre doenças raras Pesquisa pode abrir caminho para novas drogas contra ELA Um gênio sob a raridade de ELA...

Leia mais
Pesquisa pode abrir caminho para novas drogas contra ELA
out13
Leia mais
Projeto Caminhada no Complexo Tatuapé
out13

Projeto Caminhada no Complexo Tatuapé

Segunda-feira, 13 de outubro de 2014, 18h52 Todo dia é dia da melhor idade no Complexo Tatuapé. Projeto Caminhada está com vagas abertas no Shopping Metrô Boulevard Tatuapé. O pessoal da terceira idade pode correr para fazer suas inscrições no Complexo Tatuapé e participar do Projeto Caminhada que está com inscrições abertas. Segundo a assessoria do empreendimento, a comprovação de que “a terceira fase da vida continua tão ativa quanto a dos jovens de hoje, pode ser vista todas as manhãs no Projeto Caminhada, que é promovido há 16 anos no Complexo Tatuapé”. O projeto tem como objetivo incentivar seus participantes à convivência saudável por meio da prática de exercícios físicos. De acordo com os organizadores do projeto, afirmam que mais de 10 mil pessoas já participaram das caminhadas matinais no interior dos shoppings Metrô Tatuapé e Boulevard Tatuapé, lembrando que a participação é gratuita.     “São homens e mulheres que se reúnem, entre 7h e 10h, enquanto os shoppings se preparam para abertura ao público, e praticam caminhada, ginástica, alongamento, dança e artesanato em um lugar confortável, seguro e limpo, longe do frio e da chuva. As atividades têm o acompanhamento de profissionais de educação física, que auxiliam no alongamento e nos exercícios com bolas, bastões e pesos. A ação também oferece palestras sobre os mais variados assuntos, como nutrição, direitos da melhor idade e saúde”, informa a assessoria do Complexo Tatuapé. As vagas disponíveis são para o Projeto Caminhada do Shopping Metrô Boulevard Tatuapé. Os interessados devem se dirigir ao Balcão de Informações, localizado no primeiro piso. Atualmente, o Projeto Caminhada atende 750 participantes no Complexo Tatuapé. A faixa etária para participação é acima de 55 anos. Conforme divulgado, em 2013, o Projeto Caminhada despertou o interesse do Itaú Viver Mais – outra iniciativa com foco no bem-estar de idosos – que devido à sinergia dos projetos e a fim de melhorar ainda mais as atividades dentro dos shoppings, tornou-se parceiro do Projeto Caminhada que acontece de segunda a sexta das 7h às 10h. O Shopping Metrô Boulevard Tatuapé fica na Rua Gonçalves Crespo, esquina com a Rua Tuiuti (integrado à Estação Tatuapé do metrô). Tel.: (11)...

Leia mais
Especialistas apontam soluções para cidades latino-americanas
out13
Leia mais
Clima e outros fatores tornam voláteis as cotações do café
out13

Clima e outros fatores tornam voláteis as cotações do café

Segunda-feira, 13 de outubro de 2014, 12h25 IEA aponta padrão volátil na curva futura das cotações do café. Agronegócios – Em setembro, os mercados de dólar e juros futuros na BM&F-Bovespa tiveram variações positivas. O mercado acredita que o FED (Federal Reserve System ou o equivalente ao Banco Central brasileiro) deverá antecipar a elevação da taxa básica de juros da economia ainda no primeiro trimestre, motivando a maior procura pela moeda. Assim, a curva de câmbio exibiu desvalorização do real (mais de 9% de perda no mês), informa o Instituto de Economia Agrícola (IEA/Apta) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. Na Bolsa de Nova York, nos contratos de café arábica (em segunda posição), houve declínio nas cotações do produto na comparação das médias semanais, embora a trajetória futura aponte para alta nas cotações. “As cotações para dezembro de 2014, registradas na primeira semana do mês, alcançavam US$¢203,06/lbp, declinando para US$¢183,55/lbp na quarta semana. O registro de queda nas exportações brasileiras de café verde em agosto (-13,7%) não foi suficiente para deter o movimento baixista”, afirmam Celso Vegro, pesquisador do IEA e Félix Schouchana, economista e consultor de Mercados Futuros, autores do artigo. Aparentemente, dois fatores propiciaram tal baixa nas cotações: retorno das precipitações (ainda que esparsas e em baixos volumes) e divulgação no princípio do mês, por parte de instituição pública, de previsão para safra brasileira 2015/16 acima das 48 milhões de sacas. A média de preços recebidos pelos cafeicultores em setembro de 2014 na região de Franca (principal polo da cafeicultura paulista) foi de R$430,08/sc., segundo dados do IEA/CATI, representando incremento de 1,06% frente ao registrado no mês anterior. Grandes incertezas pairam sobre o potencial da safra brasileira 2015/16 e consultorias internacionais estimam colheita inferior a 40 milhões de sacas, quantidade insuficiente para atender as demandas interna e externa. Esse cenário de escassez trará mais incerteza ao mercado que, ademais, percebe no padrão climático vigente, nos principais cinturões de cultivo da rubiácea, fator de agudização das anomalias registradas no primeiro semestre do...

Leia mais
Câmara abre a I Semana de Ciência, Tecnologia & Inovação
out12

Câmara abre a I Semana de Ciência, Tecnologia & Inovação

Domingo, 12 de outubro de 2014, 13h21 Da redação | CMSP – Na próxima segunda-feira (13/10), a Câmara Municipal sediará a abertura da I Semana Nacional de Ciência, Tecnologia & Inovação, cujo tema será ‘Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social’. O evento, que terá palestras em locais como o Centro Cultural São Paulo e a Universidade Presbiteriana Mackenzie, se estenderá até a sexta-feira (17/10) e contará com a presença de especialistas, universidades, representantes de institutos de pesquisa e da sociedade civil. Entre os assuntos que serão abordados no decorrer da semana estão o papel da ciência e da tecnologia no desenvolvimento social e econômico; a inovação para os microempreendedores individuais, médias e pequenas empresas e empreendimentos de economia solidária e contribuições para um Sistema Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação. A iniciativa é do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia & Inovação (CMCT&I), que por sua vez, é composto de representantes de instituições públicas de pesquisa, universidades, gestores públicos, parlamentares e Instituições de fomento à pesquisa. A abertura da 11º Semana Nacional de Ciência será realizada no Salão Nobre da Câmara, das 14h às 17h, e terá a participação do secretário de Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo, Arthur Henrique da Silva Santos, e do presidente da Câmara, vereador José Américo (PT). Para mais informações e programação acesse: Semana de Ciência, Tecnologia &...

Leia mais
Istoé/Sensus aponta Aécio 17 pontos à frente de Dilma
out12
Leia mais
Dia da Padroeira do Brasil
out12
Leia mais
Rússia sedia pela primeira vez o GP de F1
out12
Leia mais
Pesquisas sobre Amazônia são tema de simpósio nos Estados Unidos
out11
Leia mais
Mais conforto para os frequentadores da Igreja do Divino
out11

Mais conforto para os frequentadores da Igreja do Divino

Sábado, 11 de outubro de 2014, às 07h30 O programa “São Paulo mais iluminada” implantou no acesso à Paróquia do Divino Espírito Santo, em Arthur Alvim (zona Leste), 24 pontos de iluminação que abrigam 28 lâmpadas de vapor metálico.     Parte integrante da história do bairro, a paróquia está localizada à Rua Andréa Feliciano, ao lado da Cohab 1. Geralmente usadas em grandes avenidas, praças e parques, as lâmpadas de vapor metálico duram, em média, 5 mil horas, emitem luz branca, proporcionam boa reprodução de cores e possuem maior luminância em comparação às de vapor de sódio. Entre os locais iluminados com esse tipo de lâmpada, destacam-se: Avenida Radial Leste e entorno da Arena Corinthians (cerca de 2 mil pontos), segundo trecho do Corredor Norte-Sul, que vai Anhangabaú a Praça Campos de Bagatelle (748 pontos), duplicação da Avenida Belmira Marin (634 pontos), Parque do Carmo (422 pontos), Praças do Forró e Mãe Preta (São Miguel...

Leia mais
Sampaio Moreira, clube do Tatuapé com 85 anos, inaugura sala de troféus
out11
Leia mais
Aécio sobre o escândalo: “É algo institucionalizado”, disse
out10

Aécio sobre o escândalo: “É algo institucionalizado”, disse

Sexta-feira, 10 de outubro de 2014, às 20h50 Aécio Neves, considera “algo institucionalizado”, a corrupção na estatal, falando sobre denúncia de ex-diretor da Petrobras. Vladimir Platonow – Repórter da Agência Brasil Edição: Carolina Pimentel O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, disse hoje (9) que as declarações do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Youssef sobre irregularidades na estatal apontam para “algo institucionalizado” na empresa. “O que parece nas denúncias de hoje é que sim [ao ser questionado sobre se a corrupção era institucionalizada]. Porque segundo, não a oposição, segundo alguém que fazia parte desse esquema”, disse. “Aquilo que era chamado pelo governo de malfeito, de desvio de conduta, de caráter, do que quer que fosse, agora chega de forma institucional a um partido político”, acrescentou em entrevista coletiva, na sede de campanha do partido. Em depoimento à Justiça Federal, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, disse que empreiteiras repassavam 3% do valor de contratos superfaturados da empresa ao PP, PT e...

Leia mais
É a lama, é a lama, é a lama…
out10

É a lama, é a lama, é a lama…

Sexta-feira, 10 de outubro de 2014, às 19h15 – Atualizado às 19h43 Mais uma vez, o país dos boeings da Embraer e dos mosquitos da dengue, se vê petrificado, agora com as declarações de um ex-diretor da Petrobras. Público, gravado e na internet o depoimento à Justiça parece ter surtido algum efeito. Gerson Soares A comparação entre os boeings e o mosquito foi feita durante uma reportagem publicada pela revista Veja, há algum tempo, mas sempre nos lembramos disso quando as situações assumem diferenças tão gritantes quanto aquela. Qualquer brasileiro, que tenha o mínimo de envolvimento político, sabe que a Petrobrás é uma mãe, para cujos braços não faltam candidatos. Algumas das empresas citadas em depoimento pelo ex-diretor José Roberto Costa, na quarta-feira (8), amplamente divulgado, são conhecidas não só pela longevidade, mas pelo envolvimento com escândalos, maiores ou menores, em vários níveis governamentais há décadas. Resguardamo-nos, da citação desses nomes – apesar de nos áudios divulgados estarem bem claros – em favor da ética. Sobre os depoimentos apresentados, o que mais assusta são os detalhes, pois o fato de empresas ganharem concorrências, privilégios em troca de propinas e pagamentos a setores do governo e partidos, isso já é conhecido de longa data e motivo de tamanha mobilização da imprensa. Os meandros da iniquidade corruptiva na política são tão medonhos que décadas passam antes que venham totalmente à tona, como agora. Aécio Neves, concorrente ao Palácio do Planalto, diz ser esse fato uma instituição; Dilma disse que ela mesma demitiu José Roberto Costa. Mas condena a exposição dos depoimentos que tomam a dimensão de uma bomba atômica, bem nos dias que precedem o segundo turno da eleição que pode lhe dar um segundo mandato. Num dos países das chamadas repúblicas das bananas, nome que já não cabe ao Brasil em razão de sua evolução industrial – que apesar da insistência de corruptos e corruptores, se ergue a cada dia trabalha e produz honestamente –, mas com escândalos como este fica sem rivais na América Latina, em matéria de o quanto ainda pode ser corrupto. Dilma dizer que seu partido empreende uma luta sem trégua contra os corruptos, ora senhoras e senhores, isso é balela! Se a divulgação dos áudios é justa e se irá prejudicá-la, este peso não pode ser jogado totalmente contra a oposição. O Ministério Público está agindo de acordo com a lei, tão utilizada à exaustão pelos advogados dos envolvidos no Mensalão, a ponto de os réus terem privilégios e foros jamais imaginados por alguém que furta um pedaço de pão ou um pote de margarina (não custa nada lembrar) para matar a fome – que...

Leia mais
Zavascki nega acesso à delação de Paulo Roberto Costa
out10

Zavascki nega acesso à delação de Paulo Roberto Costa

Sexta-feira, 10 de outubro de 2014, às 19h15 CPI Mista da Petrobras terá de esperar, mas a bomba já foi acionada. Agência Senado – O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou à CPI Mista da Petrobras o acesso às declarações sigilosas do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa à Justiça prestadas em razão de delação premiada. O pedido havia sido feito e reiterado pelo presidente da CPI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB).     O argumento do senador era de que, com a homologação, no final da semana passada, do acordo de delação firmado pelo ex-funcionário da estatal, a comissão poderia ter acesso às informações, que estão protegidas por segredo de justiça. No despacho em que negou o pedido, o ministro afirma que os dados ainda estão protegidos pelo sigilo previsto na Lei 12.850/2013. De acordo com Zavascki, o acordo de colaboração premiada só deixa de ser sigiloso assim que recebida a denúncia, o que ainda não ocorreu. Em entrevista na quarta-feira (8), o relator da CPI, deputado Marco Maia (PT-RS), disse que, mesmo com uma possível negativa, a CPI continuaria trabalhando. Para ele, no entanto, a delação traria elementos novos que, ausentes, podem prejudicar a elaboração do relatório. – Nós não poderemos produzir um relatório se nós não tivermos acesso a essa delação premiada. Ele será falho, não vai ter todos os elementos do processo de investigação – avaliou. Preso na Operação Lava Jato, da Polícia Federal, o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa confessou envolvimento em negociatas na estatal. Para diminuir as penas e livrar seus familiares de processos, Paulo Roberto devolveu dinheiro e fez um acordo de delação premiada com a Justiça Federal, revelando nomes de políticos, diretores da Petrobras e executivos de empreiteiras envolvidos em esquemas de corrupção relacionados a inúmeros contratos da...

Leia mais
1932: Um relato inédito
out10
Leia mais
ONU divulga relatório sobre acidificação dos oceanos
out09
Leia mais
Tatuapé no Outubro Rosa 2014
out09

Tatuapé no Outubro Rosa 2014

Quinta-feira, 9 de outubro de 2014, às 12h03 – Atualizado às 13h12 Ponte do Tatuapé está iluminada com a cor rosa para lembrar a campanha contra o câncer de mama e colo do útero. Desde o dia 1º deste mês, o Outubro Rosa tem iluminado os prédios públicos mais famosos do país, além de monumentos e pontes. Vários países estão empenhados na campanha, que promove a conscientização de que a população feminina mundial deve se precaver contra males do câncer de mama e colo do útero.       Em 1998, a revista Alô Tatuapé entrevistou a doutora Albertina Duarte, então assessora da Organização Mundial da Saúde para colaborar na divulgação do assunto às mulheres do bairro. Uma das constatações mais preocupantes na época era o preconceito masculino quanto à coleta de material para o exame de papanicolau, para o qual a médica chamava a atenção do público masculino. “Se você quer que a sua mulher tenha saúde, deve deixar que ela faça os exames periódicos”, disse a especialista há 16 anos. Durante o Outubro Rosa 2014, o alotatuape se engaja diariamente na campanha, passando as cores do design do site para o pink durante todas as noites do mês de outubro. A ideia é acompanhar o movimento noturno das cidades espalhadas pelo Brasil e no mundo, em São Paulo e também no Tatuapé, com a iluminação da Ponte Padre Adelino. Essa ponte estaiada, em particular – sabiamente chamada pela prefeitura de Ponte Padre Adelino, apesar de o nome oficial ser outro –, marca a história jornalística do Alô Tatuapé e hoje pode ser iluminada para ajudar na campanha do Outubro Rosa.   Asssuntos relacionados Padre Adelino, 10 anos depois Outubro Rosa em Curitiba Tatuapé no Outubro Rosa 2014...

Leia mais
O rosa chega a São Paulo: Outubro Rosa 2014
out09
Leia mais
Astrobiologia: saiba mais sobre o assunto
out09

Astrobiologia: saiba mais sobre o assunto

    Quinta-feira, 9 de outubro de 2014, às 09h47   Astrobiologia é tema de workshop internacional no Brasil e também para a América Latina, integrando os grupos brasileiros e latino-americanos que trabalham nesse tipo de estudos que possui ampla diversidade de temas a serem explorados. O brasileiro Douglas Galante, do grupo focal sobre termodinâmica, desequilíbrio e evolução (TDE) do Nasa Astrobiology Institute, fala sobre o evento que reuniu 160 pesquisadores no Centro Nacional de Pesquisa em Campinas, São Paulo. Assista o vídeo com a entrevista e saiba mais sobre esse interessante tema da...

Leia mais
Doutorado sobre atmosfera da Grande São Paulo é premiado
out09
Leia mais
Instituto de Saúde abre concurso para pesquisador científico
out09

Instituto de Saúde abre concurso para pesquisador científico

Quinta-feira, 9 de outubro de 2014, às 10h37 Agência FAPESP – O Instituto de Saúde, órgão da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, abriu inscrições para um concurso público que busca preencher 13 vagas de pesquisador científico da instituição. O candidato deve ter curso superior completo nas áreas de Saúde, Educação, Comunicação, Economia, Estatística ou outras correlatas e experiência comprovada de, no mínimo, um ano em atividades de pesquisa no campo da saúde coletiva. Quatro das vagas são para o Núcleo de Serviços e Sistemas de Saúde do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento para o SUS-SP; três para o Núcleo de Análise e Projetos de Avaliação de Tecnologias de Saúde do Centro de Tecnologias de Saúde para o SUS-SP; duas para o Núcleo de Fomento e Gestão de Tecnologias de Saúde do Centro de Tecnologias de Saúde para o SUS-SP; duas para o Núcleo de Formação e Desenvolvimento Profissional; e duas para o Núcleo de Comunicação Técnico-Científica. O salário inicial é de R$ 4.173,85, para uma carga horária de 40 horas semanais. A taxa de inscrição para o concurso é de R$ 66,46. As inscrições vão até 21 de outubro. O edital e a ficha de inscrição estão disponíveis no site da Secretaria da...

Leia mais
PSB decide apoiar Aécio Neves no segundo turno
out08

PSB decide apoiar Aécio Neves no segundo turno

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 20h47 Mariana Jungmann – Repórter da Agência Brasil Edição: Aécio Amado A Executiva Nacional do PSB decidiu apoiar a candidatura de Aécio Neves (PSDB) para a Presidência da República, no segundo turno. Após cerca de três horas de reunião, os 22 membros da executiva votaram pelo apoio a Aécio, 7 pela neutralidade e apenas o senador João Capiberibe (AP) votou pelo apoio a Dilma.     Os que votaram pela neutralidade foram a senadora Lídice da Mata (BA), o senador Antônio Carlos Valadares (SE), Katia Born, o secretário de Juventude, Bruno da Mata, o presidente do partido Roberto Amaral, a deputada Luiza Erundina (SP) e o secretário da Área Sindical, Joílson Cardoso. Ao tomar conhecimento da decisão, Aécio Neves foi até a sede do PSB, em Brasília, e ouviu dos pessebistas que a aliança será condicionada a acordos programáticos no plano de governo. “Esta indicação de apoio fica condicionada a acordo a ser discutido e firmado sob bases programáticas, considerando a urgência de se criar o ambiente necessário a um novo ciclo de desenvolvimento”, disse o presidente nacional do PSB, Roberto Amaral, ao anunciar a decisão. O candidato estava acompanhado do senador eleito Tasso Jereissati (PSDB-CE), que chefiará a equipe responsável pela formulação do plano de governo. Aécioo ressaltou que a aliança com o PSB será mantida pelos próximos quatro anos, caso seja eleito. “Este apoio que aqui recebo da direção nacional do PSB, de governadores, de senadores e deputados, fortalece muito a minha candidatura que, a partir deste instante, deixa de ser uma candidatura do meu partido e de um grupo de aliados, e passa a ser a candidatura do amplo sentimento de mudança que hoje permeia a sociedade brasileira”, disse. Ele também mencionou o ex-presidente do PSB e ex-candidato do partido à Presidência da República Eduardo Campos, morto em um acidente aéreo em agosto deste ano. Aécio destacou a honra de levar adiante os ideais de Campos de fazer “uma nova política”. “Os seus sonhos, Eduardo, passam a ser os meus sonhos. Os seus compromissos, meus compromissos. a partir de agora caminharemos juntos”, disse em discurso. Amanhã (9) os demais partidos que se coligaram com o PSB no primeiro turno – PPS, PSL, PHS, PPL e PRP – se reunirão para decidir se também apoiarão o candidato do...

Leia mais
Haddad está mudando o estilo da cidade e o Tatuapé faz parte
out08

Haddad está mudando o estilo da cidade e o Tatuapé faz parte

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 15h43 – Atualizado às 18h56 Gerson Soares O jeitão da cidade aos poucos vai mudando e parece ser esse o objetivo do prefeito Fernando Haddad. A impressão que fica é a de que será possível enxergar, dentro de pouco tempo, o horizonte de uma nova mentalidade administrativa. É o que se espera.     Faixas vermelhas com sinalização abundante já fazem parte da cidade, são as ciclovias. No lugar o cinza, palhaços e cadeiras de praia, crianças brincando. Ao invés de caminhos desviados pelas drogas, jovens se empenham nos esportes na virada esportiva e a cultura retoma o seu devido lugar. Será que São Paulo pode ficar mais colorida, iluminada e alegre? Claro que sim. Na agenda desta quarta-feira (8) do prefeito da cidade estava o Centro Esportivo e Recreativo dos Trabalhadores, mais conhecido como Ceret, que apesar da troca de nomenclatura – atualmente denomina-se Parque Esportivo dos Trabalhadores (PET) – continua sendo o lugar onde milhares de pessoas se exercitam, correm ou apenas caminham pelas alamedas, há poucos meses duramente criticadas pela falta de investimentos da prefeitura.     Segundo Haddad, a prefeitura recebeu o parque precariamente por 20 anos e devido à legislação não podia investir. “Então o que eu fiz, fui até o governador e ele cedeu a administração do parque à prefeitura por 99 anos. Com esse entendimento nós começamos a planejar os investimentos. Agora, por 99 anos, o parque é da cidade e isso nos permite planejá-lo por décadas”, explicou o prefeito. Lembrando a nova iluminação recém-inaugurada, Haddad disse que o Ceret vai estar no mesmo nível dos outros parques municipais, uma reivindicação mais do que antiga dos frequentadores e moradores. “Isto aqui não ficar devendo nada para Ibirapuera, Parque do Carmo e tudo o que está sendo feito nos parques municipais vai ser feito no Ceret”, afirmou comparando.     Haddad foi acolhido carinhosamente pelas moradoras que o abraçaram e pousaram para fotos. Uma das anciãs da qual não foi possível saber o nome, disse que veio só para vê-lo. “Já que não teve exercício eu vim só para cumprimentá-lo”. Os selfies também não faltaram. Foi registrada a presença do superintendente da Associação Comercial do Tatuapé, José Sampaio Teixeira que cumprimentou Haddad, além de outros moradores conhecidos do bairro e amigos das caminhadas matinais que prestigiaram a presença de Haddad e seus secretários. “Os equipamentos da terceira idade, o Celso já se comprometeu a multiplicar e reparar, porquê? Eu vim a saber que aqui a frequência é tão grande que chega a fazer fila para usar os equipamentos”. O prefeito afirmou que a cidade está sendo pensada...

Leia mais
Haddad fala das ciclovias e estações de bikes no Tatuapé
out08

Haddad fala das ciclovias e estações de bikes no Tatuapé

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 14h56 – Atualizado às 18h39 A cidade está passando por mudanças promovidas pela Prefeitura. Mobilidade urbana ligada ao transporte público, iluminação, ocupação de ruas e praças com eventos, virada cultural e esportiva. Estes são alguns exemplos de ações interessantes e que merecem destaque positivo. Outra iniciativa em prol dos munícipes, mas que ainda tem opositores, até mesmo entre quem pratica exercícios regularmente são as ciclovias.     Em sua visita ao bairro, na manhã desta quarta-feira (8), o prefeito Fernando Haddad declarou que não há nada contra os carros, mas que é a favor de mudanças e demonstra entusiasmo quando fala da implantação das faixas exclusivas para bicicletas. Ao nos dirigirmos para o evento que ocorria na entrada do Parque Esportivo do Trabalhador (PET – muito mais lembrado pelo antigo nome Ceret), logo no início desta reportagem, encontramos Sueli que observadora não se conteve em dizer: “A ciclovia termina aqui. Quando vai ficar pronta?”, ao perceber que a lente de nossa câmera estava voltada para o final da faixa exclusiva das bikes, na esquina da Rua Nello Bini com a Rua Eleonora Cintra, em frente ao Ceret. Sueli disse mora no bairro desde que nasceu e contou sobre seu filho que precisa ir até a faculdade. “Existe uma faixa de ciclovia na Praça Ituzaingó, mas não tem continuidade. Precisaria descer pela Rua Coelho Lisboa, Rua Serra de Bragança”, exemplificou. Apesar da nova modalidade em transporte ser o assunto do momento, Sueli afirma que são necessárias outras linhas de ônibus para o centro. “Nós não temos como ir do Tatuapé para o Centro, só há uma linha de ônibus, que sai da Silvio Romero, e o Metrô. Meu filho estuda na Consolação e gostaria de usar a ciclovia como alternativa”. Sobre as ciclovias o Prefeito reafirmou nesta manhã no encontro com a imprensa e diversos usuários do parque que até o final de 2015 todas as estações e ciclovias estarão interligadas. “São 400 quilômetros. Essa distância dá para ir até o Rio de Janeiro”, exagerou ao perguntarmos sobre as estações que estão sendo instaladas no bairro. “Todas as estações serão interligadas”, disse ao questionarmos as obras nas ruas Emílio Mallet e Euclides Pacheco. Portanto, os adeptos ao uso da bicicleta como meio de transporte terão de aguardar mais um tempo. Mas, segundo nos informou Haddad, onde há estações também haverá ciclovias.   Assuntos relacionados Haddad fala das ciclovias e estações de bikes no Tatuapé Haddad está mudando o estilo da cidade e o Tatuapé faz parte Prefeitura entregará nova iluminação no...

Leia mais
TJ cassa liminar que permitia sacolas plásticas no comércio de SP
out08

TJ cassa liminar que permitia sacolas plásticas no comércio de SP

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 20h28 Da redação – CMSP O Tribunal de Justiça de São Paulo cassou a liminar que permitia aos estabelecimentos comerciais de São Paulo fornecerem sacolas plásticas a seus clientes. A proibição às “sacolinhas” havia sido instituída pela Lei Municipal 15.374, sancionada em maio de 2011, mas foi suspensa por uma liminar obtida em junho daquele ano pelo Sindiplast (Sindicato da Indústria Material Plástico do Estado São Paulo). A Câmara Municipal é uma das rés da ação, juntamente com a prefeitura. Na ação, o Sindiplast alega que o município não teria competência para legislar sobre o assunto, argumento rejeitado pelo Órgão Especial do colegiado estadual, composto por 25 magistrados. Ainda cabe recurso ao sindicato, que pode tentar interpor embargos de declaração no próprio TJ ou derrubar a decisão no STF (Supremo Tribunal Federal). A proposta, de autoria do vereador Claudinho de Souza (PSDB), originalmente vedava o uso de quaisquer embalagens plásticas para o acondicionamento de produtos comercializados em São Paulo. No entanto, o substitutivo aprovado em plenário restringiu a proibição às sacolas...

Leia mais
Pesquisadores do IEA avaliam emprego formal agropecuário em SP
out08

Pesquisadores do IEA avaliam emprego formal agropecuário em SP

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 16h30 – Atualizado às 19h48 IEA – O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) divulgou em agosto de 2014 o desempenho do emprego formal brasileiro de 2013. Os dados são provenientes da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), que organiza as declarações prestadas por todos os estabelecimentos com vínculos ativos e carteira assinada, informa o Instituto de Economia Agrícola (IEA/Apta) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. Em 2013, constatou-se que o Brasil teve um crescimento de 3,1% na geração de empregos em comparação ao ano anterior. Os setores de serviços e comércio foram os que tiveram maior crescimento, 3,8% e 3,1%, respectivamente, e juntos concentraram 72,7% do total de empregos com carteira assinada. Já a agropecuária teve o menor desempenho dentre todos os setores, com aumento de 0,9% no número de postos de trabalho formais. O Estado de São Paulo tem importância significativa na geração de empregos com carteira assinada, afirmam Carlos Eduardo Fredo e Alceu de Arruda Veiga Filho, pesquisadores do IEA e Thiago Lisboa, assistente agropecuário da Codeagro (Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios), autores do artigo. São Paulo representa 28,7% do total de empregos formais e registrou crescimento de 1,7%. A geração de empregos foi impulsionada principalmente pelo setor de serviços, que teve um aumento de 130.476 vagas formais (+1,8%), e pelo de comércio, com 58.812 (+2,2%). “O setor agropecuário paulista foi o único que apresentou retração na geração de empregos, com perda de 15.620 postos de trabalho (-4,5%). Registre-se que foi o segundo ano consecutivo de queda no emprego formal neste setor”, esclarecem os autores. Estudo do Instituto de Economia Agrícola, publicado em abril de 2014, avaliou o desempenho mensal, a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) para o ano de 2013. Por meio desta base, é possível avaliar o número de admissões e desligamentos mensais em todos os setores econômicos, ou seja, a flutuação do emprego formal. Nesse estudo, constatou-se a perda de postos de trabalhos formais no setor agropecuário para o ano de 2013, diminuindo em 15.200 empregos. Verificou-se, também, que a atividade econômica responsável para essa perda tinha sido o cultivo de laranja. O custo com mão de obra nas etapas de colheita e tratos culturais bem como a saída de muitos produtores do setor citrícola foram alguns fatores influentes na perda de emprego do setor...

Leia mais
Modelo matemático para diluir agrotóxicos diminui risco de ambiental
out08

Modelo matemático para diluir agrotóxicos diminui risco de ambiental

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 10h – Atualizado às 19h36 Por Diego Freire Agência FAPESP – A mais recente edição da Spanish Journal of Agricultural Research, revista científica do Instituto Nacional de Investigación y Tecnologia Agraria y Alimentaria do Ministério de Economia e Competitividade espanhol, traz um modelo matemático capaz de estimar o volume de água cinza necessário para diluir misturas de agrotóxicos na água e minimizar os riscos ao ambiente aquático. A novidade foi desenvolvida por pesquisadores da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). O termo “água cinza” é usado para se referir à água residual de diferentes processos, desde a que foi utilizada no banho até a da produção industrial. Na agricultura, é um dos componentes da pegada hídrica, a soma de todo o consumo de água envolvido na produção, incluindo a verde, vinda da chuva e contida no solo, a azul (da irrigação) e a cinza, que assimila a carga de pesticidas e fertilizantes. O artigo A mathematical model to estimate the volume of grey water of pesticide mixtures, de Lourival Paraíba, Ricardo Pazianotto, Alfredo Luiz, Aline Maia e Claudio Jonsson, da Embrapa Meio Ambiente, em Jaguariúna (SP), apresenta cálculos com valores de concentrações letais de diversos agrotóxicos em organismos indicadores da qualidade hídrica, como algas, peixes e microcrustáceos, chegando aos volumes de água necessários para diluir a carga dos pesticidas e minimizar os riscos para a vida aquática e o homem. O desenvolvimento do modelo contou com apoio da FAPESP na pesquisa “Alterações Bioquímicas, Hematológicas e Acúmulo em Tilápia pela Exposição a Misturas de Herbicidas da Cultura Canavieira”, fornecendo subsídios teóricos para a estimativa da água cinza de herbicidas usados em cultivos de cana-de-açúcar para a produção de açúcar e álcool. Para os pesquisadores, a contaminação das fontes de água doce naturais está resultando em um passivo ambiental elevado que põe em perigo os ecossistemas terrestres. Além disso, o crescimento da produção agrícola por conta da expansão da produção global de recursos de energia biológica evidencia o risco de escassez de água. “Em qualquer sistema agrícola sustentável, para a manutenção da vida em todas as suas dimensões, é necessário manter a qualidade de água doce”, disse Paraíba. O modelo da Embrapa calcula os valores adequados para diluição de agrotóxicos sem prejuízo à água. Tradicionalmente, para fazer esses cálculos é necessário conhecer a carga de pesticidas usada no cultivo e os limites máximos de resíduos na água. Mas nos cultivos agrícolas brasileiros são utilizados vários pesticidas cujos limites permitidos em água não estão definidos. Além disso, o procedimento clássico não considera em seus cálculos o efeito dessa água residual em organismos aquáticos. O modelo...

Leia mais
Prefeitura entregará nova iluminação no Ceret
out08

Prefeitura entregará nova iluminação no Ceret

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 15h43 – Atualizado às 18h47 A coletiva de imprensa, com a participação de inúmeros usuários do parque já havia começado, quando uma senhora interrompeu o Prefeito: “Nós precisamos de mais equipamentos de ginástica”, causando ao mesmo tempo surpresa e risos. Não demorou muito e mais uma interrupção. “Eu estou aqui para falar por aqueles que não podem falar”, disse a mulher de cabelos grisalhos. “Mas aqui todo mundo pode falar”, brincou o prefeito. “É que eu quero falar pelos cachorrinhos…”.     Assim começou a manhã desta quarta-feira (8) do prefeito da cidade no Tatuapé, recebendo sugestões, sendo interrompido pelas senhores e senhores de cabelos brancos que lhe faziam pedidos, aos quais aderiu. “Bom, então nos vamos fazer uma comissão tripartite: eu quero WiFi livre para o parque, a senhora quer acesso aos cachorros e a senhora mais equipamentos de ginástica”, disse Haddad, pedindo providências ao seu secretariado, mas deixando claro que algumas precisavam seguir as normais existentes. Pouco antes o prefeito havia cobrado do secretário Simão Pedro, a instalação do WiFi livre no Ceret. “Não é possível que um parque como este não esteja na programação de WiFi da cidade”. De bom humor, disse que a internet é um vício e que então o internauta poderia ir ao parque e aproveitar para fazer exercícios, ver os amigos e sociabilizar saindo de casa.     O encontro com o Prefeito da cidade marcou a remodelação da iluminação do Ceret com lâmpadas de vapor de sódio (LPS) que faz parte do programa São Paulo Mais Iluminada. “Até o dia 30 de setembro nós trocamos 185 mil lâmpadas da iluminação pública da cidade de São Paulo. Agora o parque vai poder ficar aberto até mais tarde ou durante a noite porque vai receber mais de 600 lâmpadas novas em 300 pontos de iluminação, em substituição às cento e poucas lâmpadas que nós temos aqui hoje”, enfatizou o secretário de Serviços, Simão Pedro, durante sua fala. Pertencendo à Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão, o parque do Tatuapé – bairro que absurdamente não possui uma subprefeitura própria, estando subordinado também à Mooca – contou com a presença do subprefeito Quintino Simões Pinto. Entre os convidados estavam o vereador Paulo Frange (PTB-SP), o diretor da Ilume José Alberto Serra Almeida e o administrador do Ceret Mohamed Mourad e o engenheiro Marco Antonio Melro da Porte Construtora. “O Marco vai colocar, sem nenhuma contra-partida, todo o gradil de toda a Eleonora Cintra, vai dar mais ou menos um quilômetro de gradial para o parque ficar com cara de parque”, disse o secretário municipal de Esportes Celso Jatene, referindo-se ao empresário da construção,...

Leia mais
Obra inacabada na Emílio Mallet será estação de bikes
out08

Obra inacabada na Emílio Mallet será estação de bikes

Quarta-feira, 8 de outubro de 2014, às 15h29 – Atualizado às 18h32 Na última quinta-feira (2) resolvemos investigar do que se tratava a obra inacabada, deixada há mais de 15 dias (até aquela data) sem nenhuma sinalização e causando estranheza aos pedestres e motoristas que passavam pela esquina das ruas Francisco Marengo e Emílio Mallet e se deparavam com o fato. Em contato com a Subprefeitura Mooca, a assessoria de comunicação do órgão da Prefeitura, respondeu tratar-se da construção de uma estação de bicicletas – obra do Banco Itaú em parceria com a Secretaria Municipal de Transportes. Recomendando mais informações com a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), órgão responsável pelo projeto. Alertada pela reportagem, a Subprefeitura Mooca enviou notificação à empresa contratada para regularização da sinalização e melhoria do isolamento. Nesta manhã (8), estivemos novamente no local para ver como estava uma semana depois da matéria e já constatamos a mobilização para finalizar a estação.           Assuntos relacionados Haddad fala das ciclovias e estações de bikes no Tatuapé Privilégios e estação inacabada põe em dúvida ciclovias no bairro Obra inacabada causa transtornos em cruzamento do Tatuapé Obra inacabada na Emílio Mallet será estação de bikes...

Leia mais
Eclipse lunar
out07
Leia mais
Drones servem comida em Cingapura
out07

Drones servem comida em Cingapura

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 17h32 Cingapura – Drone carrega até 5 kg para entregar comida na mesa dos clientes provocando risos, mas há muita seriedade quando o assunto é tecnologia. Os drones, vistos mais como robôs de guerra, entram aos poucos no cotidiano das pessoas. Os visitantes de uma feira em Cingapura estão passando por essa divertida experiência e sendo servidos pelos robôs voadores. Na foto o Drone Infinium da empresa de mesmo nome, que divulga seu produto com o apelo de poder aumentar a produtividade nos restaurantes quando não é possível contratar pessoas suficientes ou escassez de mão de obra. A Infium ainda apresenta as seguintes vantagens sobre a utilização dos seus drones: • velocidade de entrega rápida; • economiza espaço (já que pode utilizar o espaço aéreo acima da altura humana); • adapta-se a disposição do restaurante; • fácil de instalar; • totalmente autônomo; • seguro, confiável e eficiente; • sensível a obstáculos; • não participa de greves de trabalhadores. Por último, a empresa ressalta: Nunca será necessário dar aumento de...

Leia mais
Ricardo Izar é reeleito com votação superior ao primeiro mandato
out07

Ricardo Izar é reeleito com votação superior ao primeiro mandato

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 16h54 Considerado um dos melhores do país, volta às atividades no Congresso e no Conselho de Ética. O deputado federal Ricardo Izar (PSD) foi reeleito com mais de 113,5 mil votos, um aumento de aproximadamente 30%, perante a primeira vez em que se candidatou em 2010. Filho de Ricardo Izar, conhecido cidadão tatuapeense que presidiu o Conselho de Ética durante o Mensalão, a maior crise política enfrentada pelo país e protagonizada por líderes e aliados do governo petista. A família Izar pode ser considerada uma das mais antigas do Tatuapé, sendo Chucri Curi, bisavô do atual presidente do Conselho de Ética, o primeiro cônsul Libanês do país. A sede consular ficava em sua própria residência, à Rua Felipe...

Leia mais
Plenário retoma votações com MP e projeto trancando a pauta
out07

Plenário retoma votações com MP e projeto trancando a pauta

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 14h52 Medida provisória que reestrutura as carreiras da Polícia Federal e proposta que muda a legislação sobre pesquisa científica são os únicos itens da pauta. Líderes se reúnem às 14h30 para definir votações da semana. Agência Câmara de Notícias Reportagem – Murilo Souza Edição – Marcos Rossi O Plenário da Câmara dos Deputados voltou a se reunir hoje, às 14 horas, para a primeira sessão deliberativa ordinária após o primeiro turno das eleições. Estão na pauta a Medida Provisória (MP) 650/14, que reestrutura as carreiras da Polícia Federal (PF); e o Projeto de Lei (PL) 7735/14, que altera a legislação sobre pesquisa científica e exploração do patrimônio genético de plantas e animais nativos. Tanto a MP quanto o PL trancam a pauta de votações. A sessão marcará a reinauguração do Plenário Ulysses Guimarães após as obras de acessibilidade concluídas no início deste mês. Não foi incluída na pauta a proposta que pretende anular a Política Nacional de Participação Social (PDC 1491/14). Ela causou impasse entre líderes partidários e inviabilizou as votações na semana de esforço concentrado da Câmara no início de setembro. Desde então, não houve mais sessões para votação no Plenário. Neste momento, os líderes partidários estão reunidos na presidência da Câmara para definir quais projetos poderão ser votados ao longo da semana. Polícia Federal No caso da MP 650/14, será analisado o texto original enviado pelo Executivo e aprovado pela comissão mista do Congresso que o analisou. Relator da medida, o senador José Pimentel (PT-CE) rejeitou as 42 emendas apresentadas ao colegiado. Segundo Pimentel, o objetivo é evitar que novas discussões impeçam a aprovação da MP, na Câmara e no Senado, até o dia 28 de outubro, data em que perde a validade. O relator não descarta, no entanto, acolher no Plenário algumas das emendas apresentadas, desde que haja consenso. A MP concede reajustes de 15,8% a agentes, escrivães e papiloscopistas da Polícia Federal. O texto também concede aumento aos peritos federais agrários, reajustando a tabela da gratificação de desempenho de atividade (Gdapa). Conforme o texto, os reajustes nas remunerações estão condicionados à dotação orçamentária, ou seja, à aprovação do projeto de créditos adicionais (PLN 5/14), que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) em vigor (Lei 12.919/13). Além de alterar as remunerações, a MP atualiza a legislação, passando a classificar os cargos de agente, escrivão e papiloscopista como categorias de nível superior. Na prática, os concursos públicos para as três carreiras já exigem nível superior desde 1996. Por fim, a MP elimina as idades mínima, de 21 anos, e máxima, de 30 (nível médio) e de 35 anos (superior),...

Leia mais

Dança com a cia. Jant-bi – École des Sables

  Assista o vídeo e conheça a Jant-bi Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 13h10 Sesc Pinheiros Endereço: Rua Paes Leme, 195 Tel.: 11 3095.9400 Horário de funcionamento da Bilheteria: Terça a sexta das 10h às 21h. Sábados das 10h às 21h, domingos e feriados das 10h às 18h. Estacionamento com manobrista (vagas limitadas): Veículos, motos e bicicletas. Terça a sexta, das 7h às 22h; Sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h. Taxas (para veículos e motos): Para atividades no Teatro Paulo Autran, preço único: R$ 6,00.   Dança Cia. Jant-Bi Jigeen [Senegal] Afro-Dites / Kaddu Jigeen! é a primeira criação da companhia Jant-Bi Jigeen. A coreografia conta a história de nove jovens mulheres senegalesas de olhar afiado que falam e dançam suas vidas a partir de sua visão sobre a sociedade moderna do Senegal, abordando a alegria e o amor, a ironia e o senso de humor, por meio de um olhar cáustico sobre hábitos e costumes de seu país. O espetáculo foi criado na École des Sables, localizada na vila Toubab Dialaw (Senegal), um centro internacional dedicado à dança africana tradicional e contemporânea, sob direção artística de Germaine Acogny e Patrick Acgony. Duração: 70 minutos Local: Teatro Paulo Autran Não é permitida a entrada após o início do espetáculo Venda limitada a quatro ingressos por pessoa...

Leia mais
Instituto Italiano promove mesa redonda sobre 1ª Guerra Mundial
out07
Leia mais
HPV: tomar a segunda dose é essencial
out07

HPV: tomar a segunda dose é essencial

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 10h03 Ministério da Saúde reforça a importância da segunda dose da vacina contra HPV. Adolescentes imunizadas podem ser a primeira geração praticamente livre do risco de morrer do câncer do colo do útero. A vacina continua disponível nos postos de saúde de todo o país para a segunda dose, que já atingiu 900 mil meninas. Agência Saúde – No primeiro mês de vacinação contra o HPV (Papiloma Vírus Humano), 914 mil meninas já tomaram a segunda dose da vacina, o que garante a proteção contra o vírus até que recebam a dose de reforço, em cinco anos. O número representa 18,4% do público-alvo, formado por 4,9 milhões de meninas de 11 a 13 anos. A vacinação da segunda dose começou no dia 1º de setembro.     O ministro da Saúde, Arthur Chioro, reforça a importância da segunda dose para a proteção contra o HPV e, consequentemente, contra o câncer do colo do útero – terceiro tumor mais frequente na população feminina e terceira causa de morte de mulheres por câncer no Brasil. “A primeira dose sozinha não protege contra o vírus. Por isso, a segunda dose é essencial. Com isso, é fundamental que as famílias busquem saber se haverá vacinação nas escolas das adolescentes. Se não tiver, levem suas filhas a um posto de vacinação mais próximo de casa. A vacina é segura e é uma estratégia importante na prevenção do câncer do colo do útero. Ela só terá eficácia se as meninas tomarem todas as doses”, alerta o ministro. A vacina contra HPV faz parte do calendário nacional e está disponível nas mais de 36 mil salas de vacinação espalhadas pelo país. Cada adolescente deverá tomar três doses para completar a proteção: a segunda, seis meses depois da primeira e a terceira, de reforço, cinco anos após a primeira dose. Neste ano, são vacinadas as adolescentes do primeiro grupo, de 11 a 13 anos. Em 2015, a vacina passa a ser oferecida para as adolescentes de nove a 11 anos e, em 2016, as meninas de nove anos. Desde 10 de março, quando a imunização passou a ser ofertada gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SUS), 4,5 milhões de meninas receberam a primeira dose, o que representa 92,6% do público-alvo. O SUS oferece a vacina quadrivalente, que confere proteção contra quatro subtipos do vírus (6, 11, 16 e 18), com 98% de eficácia. Os subtipos 16 e 18 são responsáveis por cerca de 70% dos casos de câncer de colo do útero em todo mundo e os subtipos 6 e 11 por 90% das verrugas anogenitais. Segurança Atualmente, a vacina...

Leia mais
Pesquisadores europeus desenvolvem Nanotermômetro luminescente
out07

Pesquisadores europeus desenvolvem Nanotermômetro luminescente

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 08h39 Por Elton Alisson, de João Pessoa (PB) Agência FAPESP – Os termômetros convencionais utilizados hoje para medir a temperatura corpórea poderão ser substituídos, em breve, por dispositivos em escala nanométrica (da bilionésima parte do metro) capazes de medir as variações de temperatura em nível molecular. Um grupo de pesquisadores do Centro de Pesquisa em Cerâmicas e Materiais Compósitos (Ciceco) da Universidade de Aveiro, em Portugal, em colaboração com colegas do Instituto de Ciência de Materiais de Aragón da Universidad de Zaragoza, na Espanha, desenvolveu um protótipo de um nanotermômetro luminescente com possíveis aplicações biomédicas. Descrito em artigo publicado na revista Advanced Materials, o dispositivo foi apresentado no 13º Encontro da Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMat), realizado de 28 de setembro a 2 de outubro em João Pessoa, na Paraíba. “Já submetemos uma patente do dispositivo na Europa e nos Estados Unidos, e algumas empresas se interessaram pela ideia”, disse Luis António Dias Carlos, pesquisador do Ciceco e um dos autores do protótipo, à Agência FAPESP. De acordo com Dias Carlos, o dispositivo é baseado no conceito do uso de materiais luminescentes (emissores de luz) – como nanopartículas de íons lantanídeos trivalentes európio (Eu3+), térbio (Tb3+), itérbio (Yb3+) e érbio (Er3+) – para medir a temperatura. Ao serem excitados por radiação ultravioleta – com energia mais elevada –, os íons Eu3+ e Tb3+ emitem luz nas regiões espectrais do vermelho e do verde com intensidades que variam de acordo com a temperatura do material sobre o qual estão dispersos. Dessa forma, é possível medir a temperatura analisando as variações de intensidade da emissão de luz dos íons a distância, sem a necessidade de contato físico entre o termômetro e o material que se pretende analisar, uma vez que a luz se propaga no espaço. Como os íons lantanídeos podem ser dissolvidos ou dispersos em fluidos biológicos (como sangue, por exemplo), o nanotermômetro pode ser utilizado em meios líquidos, segundo o pesquisador português. Dias Carlos já realizou pesquisa na área em colaboração com colegas do Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Araraquara, com apoio da FAPESP. “O nanotermômetro luminescente permite medir a temperatura de uma forma não invasiva com alta resolução espacial”, avaliou o pesquisador. “Fomos um dos primeiros grupos de pesquisa no mundo a propor o conceito de nanotermometria baseado na emissão de luz de íons lantanídeos.” O protótipo do nanotermômetro luminescente desenvolvido pelos pesquisadores é uma placa em escala micrométrica composta por camadas sobrepostas de nanopartículas de íons Eu3+ e Tb3+ dispersas em filmes poliméricos, cobertas por uma camada de óxido de silício (SiO2) e...

Leia mais
Cientistas criam vetor viral para fortalecer imunidade contra o câncer
out07

Cientistas criam vetor viral para fortalecer imunidade contra o câncer

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 08h23 Por Karina Toledo, de Caxambu Agência FAPESP – Pesquisadores de Campinas trabalham no desenvolvimento de um vetor viral capaz de modificar o funcionamento de determinadas células de defesa e, dessa forma, estimular o sistema imunológico a combater o câncer com mais eficiência. A pesquisa está sendo realizada com apoio da FAPESP no Laboratório de Vetores Virais (LVV), instalado no Laboratório Nacional de Biociências do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (LNBio/CNPEM). Dados preliminares foram apresentados pelo coordenador do LVV, Marcio Chaim Bajgelman, durante a 29ª Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBE), realizada em agosto em Caxambu (MG). “Além da mutação genética que desencadeia o câncer, há uma série de outros eventos que ocorrem paralelamente no organismo e podem favorecer ou não a proliferação das células tumorais. Um desses eventos é a própria resposta imunológica do indivíduo, que nós estamos tentando modular”, disse Bajgelman à Agência FAPESP. De acordo com o pesquisador, dados da literatura científica indicam que portadores de câncer costumam apresentar concentrações elevadas de um tipo de linfócito conhecido como célula T reguladora (Treg), cujo papel é inibir a proliferação de outros linfócitos que poderiam atacar as células tumorais. Em uma situação fisiológica, as células Treg têm a importante missão de trazer equilíbrio ao sistema imune, para que tecidos do organismo não sejam atacados desnecessariamente. Mas, em portadores de câncer, explicou Bajgelman, elas podem ajudar a proteger o tumor. “As células tumorais produzem substâncias que atraem todos os tipos de células T. Quando as Treg migram para o sítio tumoral, elas interagem com as chamadas células T CD4 efetoras e as desarmam. Se conseguirmos inibir a atuação da Treg, ou talvez até convertê-las em TCD4 efetoras, poderíamos potencializar a imunidade antitumoral”, disse Bajgelman. O grande desafio dessa proposta terapêutica, segundo Bajgelman, é conseguir diferenciar uma Treg de uma célula TCD4 efetora, uma vez que morfologicamente os dois tipos de linfócitos são muito parecidos e possuem, inclusive, o mesmo marcador na superfície da membrana celular: o receptor CD25. “Existem estratégias de inibição de células Treg que usam anticorpos contra o receptor CD25. Mas essa abordagem inibe tanto as Treg quanto as TCD4 efetoras. Nesse caso, ficam ativos apenas os linfócitos TCD8, que também têm atividade antitumoral. Na literatura científica, há resultados controversos sobre a eficácia desse tipo de terapia. Nós estamos tentando inibir as células Treg de forma mais seletiva”, contou Bajgelman. A saída encontrada pelos pesquisadores foi escolher como alvo do vetor viral a proteína FOXP3, um fator de transcrição existente no núcleo das células Treg que é, justamente, o responsável pelo fenótipo imunossupressor....

Leia mais
Unifesp inaugura laboratórios multiusuários com microscopia pioneira
out07

Unifesp inaugura laboratórios multiusuários com microscopia pioneira

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 08h14 Por Diego Freire Agência FAPESP – O Instituto de Farmacologia e Biologia Molecular (Infar) da Escola Paulista de Medicina (EPM) da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) inaugurou, no dia 26 de setembro, 10 laboratórios multiusuários com equipamentos de ponta à disposição da comunidade acadêmica – entre eles, dois microscópios de alta resolução até então inéditos no Brasil. Os novos equipamentos foram adquiridos com apoio do Programa Equipamentos Multiusuários (EMU) da FAPESP. Os laboratórios têm agora microscópio confocal Leica TCS SP8 CARS – primeiro no hemisfério Sul – que, diferentemente dos microscópios tradicionais, faz imagens sem a necessidade de marcação de estruturas celulares ou teciduais com sondas fluorescentes, usadas para facilitar a visualização nos sistemas tradicionais. “O novo sistema faz imagens com base nas vibrações das próprias ligações químicas das moléculas. Dessa forma, a amostra ou estrutura é analisada diretamente, eliminando interferências das marcações ou dos reagentes”, explicou Marcelo Andrade de Lima, professor adjunto do Departamento de Bioquímica da Unifesp. Além disso, a técnica é minimamente invasiva e não destrutiva. O TCS SP8 CARS é utilizado por pesquisadores em experimentos com distribuição de lipídeos e colágeno em tumores e transporte de proteínas e carboidratos por vesículas celulares, entre outros. Outro equipamento é o microscópio Leica SR GSD 3D, primeiro do tipo instalado nas Américas. De acordo com Lima, a tecnologia ultrapassa os limites de resolução da microscopia óptica tradicional, de aproximadamente 200 nanômetros (nm) lateral e 500 nm axial. “Ele obtém imagens com até 20 nm de resolução lateral e 50 nm de resolução axial, possibilitando a determinação de ultraestruturas celulares ou teciduais”, disse. Pesquisadores já usam o microscópio em experimentos com organização do citoesqueleto de células endoteliais (que recobrem o interior dos vasos sanguíneos e formam parte da sua parede), determinação da ultraestrutura de complexos envolvidos na adesão celular – como na junção célula-célula e célula-matriz extracelular – e transporte vesicular de proteínas de vesículas ácidas e superfície celular. Os experimentos – que, por conta da tecnologia inovadora dos microscópios, permitem imagens de células e tecidos vivos – podem ajudar na descrição de doenças importantes e no teste de novos medicamentos para tratamento de câncer, diabetes, Parkinson e Alzheimer, entre outras doenças. “Trata-se de uma revolução na microscopia no Brasil, e a Unifesp, com o apoio da FAPESP, inaugura essa nova fase na área de imagens. Com os novos microscópios o pesquisador brasileiro que usar os laboratórios multiusuários ficará mais competitivo mundialmente”, disse Helena Nader, coordenadora do Infar. Para o diretor científico da FAPESP, Carlos Henrique de Brito Cruz, que participou da cerimônia de inauguração, a abertura dos laboratórios ocorre...

Leia mais
FAPESP publica casos de violação de boas práticas científicas
out07

FAPESP publica casos de violação de boas práticas científicas

Terça-feira, 7 de outubro de 2014, às 06h09 Agência FAPESP – A FAPESP inicia, a partir desta terça-feira (07/10), a divulgação dos sumários de casos de investigações que conduziu ou supervisionou e que resultaram na constatação da ocorrência de violação de boas práticas científicas A divulgação será feita no site de Boas Práticas Científicas, no portal da FAPESP, em www.fapesp.br/boaspraticas. Os casos permanecerão na página por um período de tempo limitado, a ser definido de acordo com a natureza e a gravidade da violação constatada, conforme as condições definidas pela Portaria PR 05/2013. Um dos princípios da política de preservação dos valores da integridade da pesquisa científica da FAPESP é que eles sejam objeto de autorregulação e autocontrole por parte da comunidade científica. Como parte da sistematização desse processo, a FAPESP publicou em 2011 seu Código de Boas Práticas Científicas (www.fapesp.br/boaspraticas/codigo2014.pdf). A FAPESP entende que a disseminação de uma cultura sólida de integridade no ambiente científico depende principalmente de ações educativas das instituições e organizações de pesquisa, com o propósito de capacitar os pesquisadores a identificar e respeitar os valores da integridade. Para a FAPESP, a preservação desses valores e da fidedignidade pública da ciência depende igualmente da percepção, por parte dos pesquisadores e da sociedade em geral, de que essas instituições e organizações são capazes de responder, pronta e rigorosamente, à prática constatada de violação de boas práticas científicas. O Código de Boas Práticas Científicas requer que toda alegação de violação de boas práticas científicas no curso de pesquisa apoiada pela FAPESP seja investigada, de maneira justa e rigorosa, ou por ela própria ou sob sua supervisão, pela instituição em que a pesquisa foi realizada. Em respeito ao princípio jurídico da presunção de inocência e à necessidade de preservar a reputação dos suspeitos de violação de boas práticas científicas, prevê-se que essa investigação se realize sigilosamente. No entanto, quando a investigação comprovar a ocorrência de violação de boas práticas científicas, a FAPESP deve tornar públicas as suas conclusões, tendo em vista os possíveis decorrentes prejuízos ao avanço da ciência e à sociedade em...

Leia mais
i-Road é apresentado no salão de Paris
out06

i-Road é apresentado no salão de Paris

Segunda-feira, 6 de outubro de 2014, às 19h18   França – Toyota, apresenta o i-Road no salão de Paris. Segundo o site da empresa, existem muitos projetos em relação ao futuro dos transportes públicos, sobre a criação das cidades inteligentes e outras inovações desenvolvidas, para tornar as cidades e os transportes urbanos mais agradáveis e fáceis de utilizar nos próximos anos. No entanto ainda são poucos os exemplos concretos entre nós. Neste mês, a área periférica da cidade de Grenoble nos Alpes franceses, será pioneira no transporte do futuro. A Toyota promete levar para lá 70 Toyota i-ROAD e COMS, veículos ultra compactos elétricos apoiados por 30 postos de carregamento, por um período de 3 anos, graças à parceria entre Grenoble e a sua área metropolitana, a Companhia de Energia Francesa (EDF), a Citélib uma operadora de postos de carregamento locais e os veículos japoneses da...

Leia mais
Brasil continua invicto no volei feminino
out06

Brasil continua invicto no volei feminino

Segunda-feira, 6 de outubro de 2014, às 19h18   Itália – Valendo o primeiro lugar do Grupo F, o confronto entre Brasil e Estados Unidos, seleções que já estavam classificadas para a fase final do Mundial, teve as reservas de ambas as equipes em quadra. E as brasileiras levaram a melhor: venceram por 3 a 0 (25/23, 25/22 e 25/21). Assim, o Brasil manteve a invencibilidade, derrubando os EUA, que estavam sem perder até então. Com essa vitória, o Brasil será cabeça de chave e não participará do sorteio da etapa de Milão, que será realizado nesta segunda-feira de manhã. Neste domingo, a Itália bateu a China por 3 a 1, conquistou o Grupo E e também será cabeça de chave. Com a derrota da China, o Brasil é o único invicto do Mundial. No sábado (4), as meninas do volei já haviam vencido a...

Leia mais
Praça Roosevelt é ocupada pelas crianças
out06

Praça Roosevelt é ocupada pelas crianças

Segunda-feira, 6 de outubro de 2014, às 18h53 Atrações infantis do Circuito Cultural reúnem 5.000 pessoas na Praça Roosevelt. Programação do Circuito Cultural de São Paulo conta com mais de 1.600 atividades distribuídas em 159 equipamentos da cidade até o fim do ano.       SECOM/PMSP – Mais de 5.000 crianças e pais ocuparam desde a manhã deste sábado (4) a Praça Roosevelt, no centro, para conferir as atrações e os shows que fazem parte do Circuito São Paulo de Cultura. Até o fim do ano serão 1.600 atividades voltadas para o público infantil, espalhadas por 159 equipamentos públicos da cidade para comemorar o Dia das Crianças, celebrado no próximo dia 12. Além de atividades lúdicas, pintura em rosto, artesanato com produtos recicláveis e até grafite, o evento que é uma ação da Secretaria Municipal de Cultura em parceria com o programa de proteção a primeira infância São Paulo Carinhosa, contou com grandes shows. As crianças foram encantadas com um teatro da Peppa Pig, animação que narra a história de uma porquinha cor-de-rosa e sua família, uma apresentação da banda Pato Fu e o Grupo Giramundo, além do espetáculo “Gigantes do ar”, da companhia Pia Fraus. “A iniciativa de ter uma programação com as crianças é muita boa, porque com o medo, levamos sempre eles para passear em shoppings ou lugares fechados. Aqui são atividades culturais, com espaço aberto para correr e brincar com segurança e isso aguça a criatividade das crianças”, afirmou a massoterapeuta, Cintia Amorim, 26 anos, que conferiu a programação com o sobrinho Vinícius de 4 anos e o filho Pedro de 3 anos. A primeira dama e coordenadora do programa São Paulo Carinhosa, Ana Estela Haddad, também aproveitou as atrações neste sábado (4). Além dos shows da Peppa Pig e da Companhia Pia Fraus, ela ainda assistiu a apresentação do grupo Conto em Letras. “O quanto antes você consegue ter contato com essas possibilidades culturais, inclusive as mais eruditas, maior a chance de você apreciar [cultura futuramente]. Além disso, são oportunidades de convivência, de socialização e de fortalecimento dos laços familiares”, disse Ana Estela Haddad durante o lançamento da programação no dia 1º. Acompanhada pelos filhos Letícia de 4 anos e Pedro de 3 anos, a professora Jéssica Chaves, 34 anos, saiu de Pirituba para curtir um momento de lazer com as crianças. Como costuma ir mais ao teatro com os filhos e eles já estão mais adaptados ao tipo de diversão, a gratuidade das atrações do Circuito Cultural chamam a atenção. “Costumo levá-los ao teatro com frequência, mas é pago. Até compro nos sites de promoção ou compras coletivas, mas é importante que...

Leia mais
Geraldo Alckmin é reeleito em SP
out06

Geraldo Alckmin é reeleito em SP

Segunda-feira, 6 de outubro de 2014, às 17h13 Alckmin, 61 anos, médico, é o político que detém o recorde absoluto como governador do maior estado brasileiro. Nenhum outro governou São Paulo durante tanto tempo. Com 57,31% dos votos válidos, Geraldo Alckmin (PSDB) está eleito no 1º turno para o governo do Estado de São Paulo, tendo como vice o ex-prefeito de São Vicente, Marcio França (PSB) que ontem em entrevista ao Band News, disse ter advertido Marina Silva, quanto à sua postura de não apoiar sua candidatura em São Paulo. “Eu falei com ela diversas vezes, mas ele quis fazer as coisas à sua maneira”, afirmou. São Paulo é maior colégio eleitoral do país com 31.979.717 votantes, conforme os dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), número que não pode ser desprezado, já que representa mais de 22% do eleitorado nacional. Natural de Pindamonhangaba, foi Prefeito da sua cidade e disputou a presidência da República na eleição de 2010. O atual governador detém o recorde de permanência no Palácio dos Bandeirantes. Vice-governador eleito, assumiu o governo interinamente durante o afastamento e após o falecimento do governador Mário Covas em 2001, permanecendo no cargo até 2003, quando foi eleito para o seu primeiro mandato até 2006. No ano de 2010, disputou as eleições e ganhou, assumindo novamente o cargo de 2011 a 2014. Reeleito agora até 2015, Geraldo Alckmin dificilmente perderá a hegemonia de ter permanecido por tanto tempo à frente da maior cidade do país. Somando-se o tempo total de todos os seus governos, somados ao novo mandato para o qual foi eleito, serão 14 anos de...

Leia mais
Mais de 27,6 milhões não votaram
out06

Mais de 27,6 milhões não votaram

Segunda-feira, 6 de outubro de 2014, às 16h40 Abstenção, brancos e nulos são 29% dos votos; eleitor tem descrença no candidato. Da Agência Brasil Edição: Lana Cristina e Fábio Massalli Com 99,99% das urnas apuradas, um percentual que representa 142.820.810 eleitores, as eleições de 2014 tiveram 90,36% de votos válidos. Os números foram computados até as 1h30 desta segunda-feira (6). Brancos e nulos somaram 9,64% dos votos totais, e os eleitores que não compareceram às urnas somaram 27.698.199, o que significa 19,39% do total. Os percentuais relativos aos votos que não entram nas contas dos votos válidos aumentaram nas três modalidades. No primeiro turno das eleições presidenciais de 2010, quando o país tinha 135 milhões de eleitores, 18,12% deles não votaram. Em 2002, a abstenção atingiu 17,74% e em 2006, 16,75%.       A percentagem de votos em branco, neste ano, também cresceu. Em 2010, eles foram 3,13% do total; em 2006, 2,73%; e em 2002, 3,03%. Neste ano, os votos em branco representam 3,84%. Já os votos nulos, que vinham caindo nas três eleições anteriores, tendo registrado 7,35% em 2002; 5,68% em 2006; e 5,51% em 2010, tiveram um ligeiro aumento neste ano, atingindo 5,8%. Com isso, abstenções, brancos e nulos somam 29%. Considerado o típico voto de protesto, o voto nulo tem o mesmo efeito do voto em branco por não entrar nas contas na hora de bater o martelo sobre quem está eleito. Embora não se possa dizer se esses percentuais crescentes revelam desinteresse por parte da população em relação à política, já que o voto é obrigatório, uma pesquisa do Instituto Data Popular, feita antes das eleições, mostrou que há um alto grau de desconfiança, por parte do eleitorado brasileiro, em relação à classe política. Foram entrevistadas 15.652 pessoas, em 159 municípios, e 73% delas disseram não confiar nos candidatos que postulam um cargo eletivo neste ano. Segundo o presidente do Instituto Data Popular, Renato Meirelles, registrou-se que o brasileiro não confia até mesmo nos candidatos que escolhe e os deputados estaduais lideram o ranking. “Se a gente olhar a escala, os candidatos em quem os eleitores menos confiam são os deputados estaduais 82%”, disse Meirelles. Em seguida, aparecem os candidatos a deputado federal, com 75% de desconfiança; os postulantes ao Senado, 65%; os que concorrem ao cargo de governador, com 40%; e os candidatos à Presidência da República, com 30% de desconfiança. Meirelles disse que os entrevistados foram convidados a responder se concordavam ou não com frases apresentadas pelos pesquisadores. Entre eles, 65% disseram, por exemplo, concordar com a seguinte frase: “Os políticos são todos iguais”. Segundo o presidente do Data Popular, parte...

Leia mais
PSDB e PT disputam mais uma vez a presidência
out06
Leia mais
Brasileiros elegem Dilma e Aécio para o 2º turno
out06

Brasileiros elegem Dilma e Aécio para o 2º turno

Segunda-feira, 6 de outubro de 2014, às 12h46 Urnas não refletiram a rápida ascensão de Marina Silva, após a morte de Eduardo Campos, colocando Aécio Neves novamente em segundo lugar. Gerson Soares Depois de uma das coberturas mais completas das eleições pela mídia, onde as informações e os debates foram amplamente divulgados em rede nacional das emissoras de TV aberta e a cabo, além das reprises e a disponibilidade na internet, a população brasileira elegeu Dilma Roussef (PT) e Aécio Neves (PSDB) para o segundo turno da eleição presidencial, deixando Marina Silva (PSB) em terceiro lugar e fora da disputa. Em seu pronunciamento, após a constatação da derrota, inegável diante dos recursos dos oponentes, Marina parecia mais sorridente do que nunca, talvez pelo alívio ou pelo sentido de dever cumprido, porém sem alcançar seu objetivo de impor a a retidão na política, direcionando recursos para as áreas onde a Nação carece de medidas urgentes. Parte de sua assessoria atribui a derrota ao horário na TV: Marina teve 1m54s contra 4m33s de Aécio e os 11m21s de Dilma. Aécio demonstrou nervosismo e um ar de surpresa em sua coletiva à imprensa, parte desta também surpreendida pelas primeiras parciais à partir da divulgação de boca de urna às 19h deste domingo (5). Logo em seguida, houve a confirmação pelo Tribunal Superior Eleitoral, após a apuração de quase 70% das urnas, de que o candidato do PSDB havia ultrapassado a candidata do PSB em mais de 30% da votação. Aécio prometeu diante das câmeras que o Brasil voltará a crescer e fez questão de frisar que o trabalho deve continuar para o segundo turno, pois ainda há metade do caminho a ser percorrido. “Agradecer nunca é demais”, dizia Dilma Roussef ontem, comemorando a vitória. Primeira colocada com 41,59% dos votos tentava diminuir o impacto da votação do segundo colocado que obteve 33,55% da votação, um número preocupante se as coligações políticas entre os opositores do petismo forem concretizadas em favor de Aécio. O Brasil demonstra mais uma vez a maturidade que adquire com o exercício do voto. Agora é esperar o dia 26, e até lá ouvir com igualdade de horários na televisão, as propostas de ambos os candidatos, que terá nas mãos a responsabilidade de por em prática as mudanças exigidas pela população e demonstradas neste...

Leia mais
Primeira parcial da votação para presidência da República
out05

Primeira parcial da votação para presidência da República

Domingo, 5 de outubro de 2014 às 19h   O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acaba de divulgar a primeira parcial da votação para a presidência da República. Veja como está a classificação dos três primeiros colocados. Resultado da boca de urna: Dilma Roussef – 44% Aécio Neves – 30% Marina Silva – 22% Com este resultado teremos Dilma e Aécio disputando o segundo das eleições 2014. Divulgação oficial do TSE divulgado às 19h22 com mais de 78,66% das urnas apuradas Dilma Roussef – 40, 30 Aécio Neves – 35,15 Marina Silva –...

Leia mais
Executivo e Legislativo sob o olhar dos brasileiros
out05

Executivo e Legislativo sob o olhar dos brasileiros

Domingo, 5 de outubro de 2014, às 12h46 Brasileiros vão às urnas eleger seus representantes no Executivo e Legislativo Iolando Lourenço – Repórter da Agência Brasil Edição: Graça Adjuto Eleitores de todo o país e residentes no exterior vão às urnas hoje (5) para votar nos candidatos de sua preferência a deputados estaduais, distritais, federais, senadores, governadores e presidente da República. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), estão aptos a votar 142.822.046 eleitores, sendo 52,13%, mulheres e 47,78%, homens, uma diferença de 4% a mais de mulheres. Esse eleitorado deverá comparecer a uma das 3.033 zonas eleitorais do o país e do exterior. Estarão disponíveis para serem usadas nesse pleito 534 mil urnas eletrônicas, entre as principais, as reservas e as receptoras de justificativa de falta de voto. Estão escalados para trabalhar 3.033 juízes eleitorais e cerca de 22 mil servidores da Justiça Eleitoral. Os eleitores residentes no exterior só poderão votar para presidente.       Vivem fora do Brasil e estão aptos a votar 354 mil eleitores. Eles moram em uma das 135 cidades espalhadas por 89 países. O maior eleitorado está nos Estados Unidos, com 112,2 mil pessoas, seguido do Japão, com 30,6 mil, de Portugal, com 30,4 mil, da Itália, com 20,9 mil, e Alemanha, com 17,5 mil. Mesmo estando aptos a votar, os brasileiros que vivem em países onde há menos de 30 eleitores não irão às urnas. Nas eleições de hoje, os brasileiros poderão votar nos cinco cargos em disputa: presidente da República, governador, senador, deputado federal, deputado estadual ou distrital. Serão eleitos neste domingo 27 senadores – um de cada estado e do Distrito Federal, 513 deputados federais, 1.035 estaduais e 24 distritais. Também serão eleitos os 27 governadores. Para alguns desses cargos, a decisão poderá sair hoje ou ficar para o segundo turno, no próximo dia 26, entre os dois mais votados. A Presidência da República está sendo disputada por 11 candidatos. Os 27 cargos de governador dos estados ou do DF estão sendo disputados por 176 candidatos. Cento e oitenta e cinco disputam as 27 vagas do Senado, 7.140 concorrem a uma das 513 vagas de deputado federal, 17.010 disputam uma das 1.035 vagas de deputado estadual e 1.028 concorrem a uma das 24 cadeiras de deputado distrital. A ordem de votação é deputado estadual ou distrital, deputado federal, senador, governador e presidente da República. A votação será das 8h às 17h, obedecendo o horário da localidade. O eleitor deverá comparecer à seção de votação com documento oficial com foto e com o título. A previsão do TSE é que, em média, o eleitor gaste 1 minuto e...

Leia mais
Pesquisas sobre performance atlética e contra obesidade
out05
Leia mais
Semana Municipal de CT&I tem início dia 13 em SP
out05

Semana Municipal de CT&I tem início dia 13 em SP

Domingo, 5 de outubro de 2014, às 11h28 Agência FAPESP – O Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia & Inovação (CMCT&I) promove, a partir do dia 13 de outubro, na capital paulista, a primeira Semana Municipal de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento. O evento ocorrerá em dois blocos. O primeiro, entre 13 e 17 de outubro, coincidirá com a 11ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. O segundo será realizado a partir de 27 de outubro nas unidades dos Centros Educacionais Unificados (CEUs), com o objetivo de aproximar estudantes do Ensino Fundamental e Médio do conhecimento científico.     O primeiro bloco contará com ato solene de abertura e mesas-redondas ao longo da semana. Na segunda-feira (13/10), Jorge Kalil, diretor do Instituto Butantan e professor titular da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), falará sobre o papel da Ciência e da Tecnologia no desenvolvimento social e econômico, às 14h, no salão nobre da Câmara Municipal de São Paulo. Outras mesas-redondas ocorrerão na sede da Prefeitura, no Centro Cultural São Paulo, na Universidade Presbiteriana Mackenzie e no Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo. Luciane Ortega, vice-coordenadora da Agência USP de Inovação; Eduardo Soares de Macedo, pesquisador do Centro de Tecnologias Ambientais do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT); e Yara Marangoni, professora do Instituto de Astronomia, Geofísica e Meteorologia da USP, estarão entre os participantes. Entre os temas a serem tratados estão Ciência e Tecnologia e a participação popular na gestão de riscos, desastres e a construção de cidades mais seguras e resilientes, meninas cientistas e inovação para os microempreededores individuais, médias e pequenas empresas e empreendimentos de economia solidária. Para o segundo bloco da semana, estão previstas palestras, demonstrações práticas e oficinas para alunos, professores, comunidades locais e o público em geral. Acesse o link para mais informações sobre a Semana Municipal e a...

Leia mais
Carros antigos: De Dion-Bouton 3.5-HP Vis-à-Vis
out05
Leia mais
Guaraná: saúde e vitalidade
out04
Leia mais
Centro de São Paulo está ficando mais bonito
out04
Leia mais
Ciclovias de SP ganham música do grupo Pequeno Cidadão
out03
Leia mais
Como escolher em quem votar?
out03
Leia mais
Saiba onde votar e sobre a apuração com aplicativo do TSE
out03
Leia mais
Geraldo Alckmin segue com larga vantagem em SP
out03

Geraldo Alckmin segue com larga vantagem em SP

Sexta-feira, 3 de outubro de 2014, às 12h44 Veja o que dizem as pesquisas divulgadas nesta terça-feira, dia 30 de setembro, quanto ao governo do Estado de São Paulo. Ibope – ​Na mais recente rodada de pesquisa realizada em São Paulo pelo IBOPE Inteligência a pedido da TV Globo, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) se mantém na liderança, apesar da queda de quatro pontos percentuais (p.p.), tendo agora 45% das intenções de voto.       Em outro patamar estão Skaf (PMDB), com 19% das menções (oscilação positiva de 2 p.p.), e Padilha (PT), mencionado por 11% dos entrevistados (crescimento de 3 p.p. em comparação com a rodada passada). Os demais candidatos (Laércio Benko, do PHS, Gilberto Natalini, do PV, Maringoni, do PSOL, Raimundo Sena, do PCO, Wagner Farias, do PCB e Walter Ciglioni, do PRTB) somados têm 1% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 13% e aqueles que não sabem ou não respondem são 10%. Intenção de voto para o Senado Na disputa para senador em São Paulo, José Serra (PSDB) permanece na liderança, com 35% das intenções de voto. O senador Eduardo Suplicy (PT) tem 26% das menções, enquanto o ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab (PSD) varia de 5% para 8% nesta medição. Brancos e nulos totalizam 12% e aqueles que não sabem ou não respondem são 14% (eram 17% na semana passada). Segundo turno O IBOPE Inteligência simulou um cenário de segundo turno entre Alckmin e Skaf: se o segundo turno fosse hoje, o candidato do PSDB venceria as eleições com 49% das intenções de voto (eram 54% na medição anterior), contra 28% do peemedebista (crescimento de 4 p.p. em comparação à semana passada). Intenções de voto em branco ou nulo totalizam 14% e os entrevistados que não sabem ou preferem não responder são...

Leia mais
A matemática das pesquisas para a presidência
out03
Leia mais
Saúde da mulher e critérios do SUS
out02
Leia mais
Outubro Rosa ilumina prédios públicos de Brasília
out02

Outubro Rosa ilumina prédios públicos de Brasília

Quinta-feira, 2 de outubro de 2014, às 05h41 A partir do dia 1º de outubro, até o último dia do mês, várias cidades do mundo vão ressaltar a cor rosa. Os principais monumentos é prédios conhecidos estão iluminados com a cor que representa a luta contra o câncer de mama. Em Brasília, uma cerimônia oficial marcou o início da campanha “Outubro Rosa”. Mariana Tokarnia – Repórter da Agência Brasil Edição: Aécio Amado “Ao ver a cidade iluminada de rosa, mesmo que a pessoa não saiba o que é, vai querer saber”, disse a ministra Eleonora Menicucci, da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República. “Por mais que tenhamos feito, ainda temos o que fazer, temos que tornar o atendimento e as ações do SUS [Sistema Único de Saúde] cada vez melhores e com mais qualidade”.     O câncer da mama é o que mais atinge mulheres em todo o mundo. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Brasil, em 2014, são esperados 57.120 casos novos de câncer de mama, com um risco estimado de 56,09 casos a cada 100 mil mulheres. Apesar de mais raro, o câncer de mama também acomete homens. Quando diagnosticado cedo, a chance de cura chega a 95%. “Tem que ter autocuidado, tem que conhecer a mama, conhecer o próprio corpo, ir uma vez por ano ao ginecologista, fazer também o exame clínico da mama, ter hábitos saudáveis. São atitudes que não evitam, mas diminuem as chances”, disse a presidenta da organização não governamental (ONG) Recomeçar, Joana Jeker. Leia a matéria Câncer de mama continua a ser o vilão da saúde feminina e veja as imagens de Joana e Lourdes na exposição Recomeço da ONG Recomeçar Joana foi diagnosticada com câncer de mama aos 30 anos, em 2007. Ela sentiu a presença do nódulo no banho, enquanto fazia o autoexame. “De repente você perde a sua mama, perde o seu cabelo, pode perder a sua vida. É tudo muito difícil para a mulher”, disse. “Mas a gente tem que ter a perspectiva que é uma fase, que vai passar. É sofredor, a mulher fica abalada, mas tem que ter fé, não pode desistir”, completou. No Outubro Rosa, a ONG lança a exposição Recomeço, de mulheres mastectomizadas. Nas fotos, elas aparecem sorrindo, com a mama reconstruída e com cabelo, mostrando que venceram a doença. A mostra é itinerante e deve passar por vários pontos turísticos da cidade e por hospitais. Cada uma das fotos é acompanhada por um depoimento pessoal sobre a luta contra a doença.       Lourdes Capitulino é uma das mulheres que participaram do ensaio. Ela foi...

Leia mais
Congresso é iluminado em rosa para campanha contra câncer de mama
out02

Congresso é iluminado em rosa para campanha contra câncer de mama

Quinta-feira, 2 de outubro de 2014, às 07h59 Mariana Jungmann – Repórter da Agência Brasil Edição: Nádia Franco Às 17h de ontem (1º) luzes cor de rosa foram acesas do Congresso Nacional, dando ao prédio o tom da campanha “Outubro Rosa”, que lembra a luta contra o câncer de mama. Uma cerimônia para as funcionárias da Câmara dos Deputados e do Senado marcou o início da campanha, que tem vários eventos previstos ao longo do mês.     As funcionárias foram lembradas por médicos da necessidade de fazer exames preventivos e observar qualquer alteração nos seios, que deve ser levada ao conhecimento de um ginecologista ou mastologista o quanto antes. O diagnóstico precoce é o principal fator de cura do câncer de mama. As mulheres, no entanto, tendem a evitar o assunto por medo dos efeitos de um possível tratamento ou de ficar mutiladas, o que acaba atrasando o diagnóstico e prejudicando o tratamento. O câncer de mama é o que mais acomete mulheres em todo o mundo. No ano passado, foram 52,6 mil casos no Brasil, segundo dados divulgados pelo governo federal. A projeção de risco gira em torno de 52 casos para cada grupo de 100 mil mulheres. A campanha “Outubro Rosa” é mundial e começou no Brasil em 2002, ocorrendo todos os anos sempre no mês de outubro. Em Brasília outros prédios da Esplanada dos Ministérios também estão iluminados de rosa para lembrar a luta contra o câncer de mama. Assuntos relacionados O rosa chega a São Paulo: Outubro Rosa 2014 Saúde da mulher e critérios do SUS Outubro Rosa ilumina prédios públicos de Brasília Campanha tem o objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher Congresso é iluminado em rosa para campanha contra câncer de mama Câncer de mama continua a ser o vilão da saúde feminina Tatuapé no Outubro Rosa 2014 Outubro Rosa em...

Leia mais
Campanha tem o objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher
out02

Campanha tem o objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher

Quinta-feira, 2 de outubro de 2014, às 08h20 Organizador do Outubro Rosa pede transparência no tratamento do câncer de mama. Mariana Tokarnia – Repórter da Agência Brasil Edição: Fábio Massalli O Grupo de Trabalho do Outubro Rosa, que organiza a campanha no Distrito Federal, recomenda a transparência entre médico e paciente no tratamento do câncer de mama. Em carta aberta, o grupo pede uma “comunicação clara e baseada em evidências científicas entre a usuária e os profissionais de saúde”.     A campanha, que começou ontem (1º) e segue até o fim do mês, tem como objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher e conscientizar a população sobre o câncer de mama. O grupo de trabalho é formado por órgãos do governo federal, do Congresso Nacional, do governo do DF, entidades internacionais e da sociedade civil. No tratamento do câncer, especialmente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o grupo recomenda que os profissionais de saúde abordem os riscos e benefícios “de quaisquer comportamentos, exames ou procedimentos, possibilitando, dessa forma, que a mulher possa emergir como parte atuante e decisiva em todo o processo de atenção integral à saúde”. A carta também destaca as obrigações do SUS. “Na unidade de saúde, a mulher será acompanhada por profissionais da equipe da [unidade do Programa] Saúde da Família que deverão orientá-la”. Entre os deveres da unidade estão a coleta do exame citopatológico, o papanicolau, com posterior encaminhamento para consultas especializadas ou outros exames necessários, e o exame de mamografia a cada dois anos para todas as mulheres de 50 a 69 anos e sempre que houver indicação clínica. Além disso, a orientação quanto a percepções da mulher sobre alterações em seu corpo e quanto a fatores de risco para o desenvolvimento de doenças, como o câncer de mama e de colo do útero, incluindo as formas de prevenção. O câncer da mama é o que mais acomete as mulheres em todo o mundo. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), no Brasil, em 2014, são esperados 57.120 casos novos de câncer de mama, com um risco estimado de 56,09 casos a cada 100 mil mulheres. Apesar de mais raros, o câncer de mama também acomete homens. Quando descoberto no início, a chance de cura chega a 95%. Assuntos relacionados O rosa chega a São Paulo: Outubro Rosa 2014 Saúde da mulher e critérios do SUS Outubro Rosa ilumina prédios públicos de Brasília Campanha tem o objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher Congresso é iluminado em rosa para campanha contra câncer de mama Câncer de mama continua a ser o vilão...

Leia mais
Nadia Campeão faz visita pelo CIS
out02
Leia mais
Outubro Rosa em Curitiba
out02

Outubro Rosa em Curitiba

Quinta-feira, 2 de outubro de 2014, às 18h07   A estufa do Jardim Botânico e o shopping Curitiba, no Paraná, foram iluminados de cor de rosa na noite desta quarta-feira (01), para marcar o início do Outubro Rosa, um mês de atividades dirigidas à prevenção do câncer de mama.           Saiba mais sobre a campanha O rosa chega a São Paulo: Outubro Rosa 2014 Saúde da mulher e critérios do SUS Outubro Rosa ilumina prédios públicos de Brasília Campanha tem o objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher Congresso é iluminado em rosa para campanha contra câncer de mama Câncer de mama continua a ser o vilão da saúde feminina Tatuapé no Outubro Rosa 2014 Outubro Rosa em Curitiba...

Leia mais
Obra inacabada causa transtornos em cruzamento do Tatuapé
out02

Obra inacabada causa transtornos em cruzamento do Tatuapé

Quinta-feira, 2 de outubro de 2014, às 16h02 Os cruzamentos do bairro estão cada vez piores com o aumento do número de veículos. Disso todo mundo sabe, mas o objetivo desta obra inacabada ninguém explica.     Há pelo menos duas semanas, os motoristas que cruzam a esquina das ruas Francisco Marengo e Emílio Mallet se deparam com uma obra sem identificação, placa ou motivo. O aumento de carros e coletivos que percorrem esse perigoso cruzamento é notório. A cada manhã o número de veículos aumenta e as filas para percorrer os poucos metros entre as esquinas também. Apesar disso, a obra que apareceu numa determinada manhã sem nenhuma identificação e assim permanece, atrapalha e causa estranheza. Quem teria feito os buracos e para quê? Independentemente dos motivos, o problema é que o cercado pode causar acidentes com ciclistas, pedestres e carros que passam pelo local.       Estamos em contato com a Subprefeitura Mooca para saber do que se trata.   Assuntos relacionados Haddad fala das ciclovias e estações de bikes no Tatuapé Privilégios e estação inacabada põe em dúvida ciclovias no bairro Obra inacabada causa transtornos em cruzamento do Tatuapé Obra inacabada na Emílio Mallet será estação de...

Leia mais
Câncer de mama continua a ser o vilão da saúde feminina
out02

Câncer de mama continua a ser o vilão da saúde feminina

Quinta-feira, 2 de outubro de 2014, às 09h01   Marli Moreira – Repórter da Agência Brasil Edição: Denise Griesinger Uma em cada três mulheres que fazem exames de rotina no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) é diagnosticada com câncer de mama. Segundo o Icesp, que é vinculado à Secretaria de Estado da Saúde e à Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), mais da metade (52%) dos pacientes atendidos na instituição são do sexo feminino e 28% desse universo apresentam neoplasia mamária.     A doença “continua sendo a principal vilã dentro e fora do instituto”, cita um comunicado do Icesp, levando mais de 1,2 mil pacientes a procurar o Grupo de Mastologia entre consultas médicas e cirurgias. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), esse mal é o que mais mata e representa 22% de novos casos a cada ano no mundo. No Brasil, em 2011, foram registradas 13.345 mortes, sendo 120 em homens e 13.225 em mulheres. Para este ano, estima-se o surgimento de 57.120 novos casos. Além do câncer de mama, o Icesp tem diagnosticado grande incidência de tumores também em órgãos digestivos – esôfago, estômago, fígado e o colorretal (cólon e reto), com taxa de 22% entre as mulheres. O câncer de colo retal está entre os cinco mais frequentes entre as mulheres.     O diretor-geral do Icesp, Paulo Hoff, alerta que “quando a prevenção primária não é possível, o diagnóstico precoce é fundamental na busca pela cura e por uma boa qualidade de vida”. Ele recomenda que a partir da primeira relação sexual, a mulher deve adotar o hábito de visitas anuais ao ginecologista, além de fazer os exames de prevenção. Por meio do rastreamento tradicional de câncer de colo de útero, exame conhecido como papanicolau, é possível detectar precocemente a neoplasia de colo de útero, bem como lesões que antecedem ao tumor, permitindo tratamento mais eficaz e medidas que evitem o desenvolvimento da doença. Já com a mamografia, é possível checar a presença de lesões mamárias. Este exame deve ser feito por mulheres acima dos 50 anos ou sempre que solicitado por um médico.     Assuntos relacionados O rosa chega a São Paulo: Outubro Rosa 2014 Saúde da mulher e critérios do SUS Outubro Rosa ilumina prédios públicos de Brasília Campanha tem o objetivo chamar a atenção para a saúde da mulher Congresso é iluminado em rosa para campanha contra câncer de mama Câncer de mama continua a ser o vilão da saúde feminina Tatuapé no Outubro Rosa 2014 Outubro Rosa em...

Leia mais
Pesquisas no Brasil
out01

Pesquisas no Brasil

Quarta-feira, 1 de outubro de 2014, às 18h26 Pesquisa brasileira em Ciência dos Materiais precisa aumentar impacto internacional Por Elton Alisson, de João Pessoa Agência FAPESP – A produção científica brasileira em Ciência dos Materiais e o número de artigos publicados por pesquisadores da área no país aumentaram vigorosamente na última década. O desafio, agora, é aumentar o impacto internacional das pesquisas realizadas na área por cientistas brasileiros com diversos tipos de material, incluindo os mais tradicionais – como a cerâmica e metais – e os mais avançados, como grafeno e outras nanoestruturas de carbono.     A avaliação foi feita por José Arana Varela, diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo (CTA) da FAPESP e professor titular do Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Araraquara, durante a palestra de abertura do 13º Encontro da Sociedade Brasileira de Pesquisa em Materiais (SBPMat), que ocorre até quinta-feira (02/10) em João Pessoa (PB). A palestra, no domingo (28/09), foi feita em memória de Joaquim da Costa Ribeiro (1906-1960), considerado um dos mais importantes físicos brasileiros e pioneiro em Ciência dos Materiais no país. Todos os anos, um pesquisador brasileiro de destaque indicado por um comitê da SBPMat ministra a palestra. “A quantidade de artigos publicados tanto por pesquisadores brasileiros como em colaboração com colegas do exterior em Ciência dos Materiais aumenta desde 2000. Agora, o desafio é elevar o impacto internacional das pesquisas realizadas no Brasil, em uma área em que o país não deve nada ao que é feito no exterior”, disse Varela à Agência FAPESP. Segundo Varela, a pesquisa em Ciência dos Materiais é recente no Brasil. A produção científica na área era irrisória no país até 1990, quando se publicavam menos de 200 artigos por ano em periódicos científicos indexados. A partir do ano 2000, o número de artigos publicados na área duplicou em relação a 1990. De 400 artigos em 2000, o número saltou para quase 1,2 mil em 2013. O número de artigos publicados por pesquisadores brasileiros em colaboração com colegas do exterior também aumentou no mesmo período, indo de menos de 200 em 2000 para quase 400 em 2013. O impacto, entretanto, caiu de 1,5 em 1989 (quando estava um pouco acima da média do índice de citação mundial, de 1) para um patamar entre 0,7 e 0,8 atualmente. “A internacionalização da ciência produzida nessa e em outras áreas no Brasil também é muito recente. À medida que aumentarem as colaborações e a exposição internacional do país nessa área, o fator de impacto das pesquisas tenderá a aumentar”, afirmou. Papel das sociedades De acordo com Varela, um dos fatores que contribuíram para o aumento...

Leia mais
Ambulatório de aconselhamento genômico
out01

Ambulatório de aconselhamento genômico

Quarta-feira, 1 de outubro de 2014, às 17h52 Instituto de pesquisa na Unicamp abre ambulatório de aconselhamento genômico Por Diego Freire Agência FAPESP – O Instituto de Pesquisa sobre Neurociências e Neurotecnologia (Brainn, na sigla em inglês), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) apoiados pela FAPESP, está oferecendo aconselhamento genômico a um grupo de pacientes da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O novo serviço inclui exames que permitem identificar predisposições genéticas a doenças e antecipar medidas de prevenção e tratamento. Por enquanto, o aconselhamento genômico é oferecido gratuitamente a 100 pacientes que participam de pesquisas da instituição, mas a ideia é abri-lo para a população. A identificação das possíveis doenças futuras ocorre por meio do sequenciamento do exoma, as sequências de DNA que direcionam a produção de proteínas essenciais ao funcionamento correto do organismo. Como grande parte das falhas que levam a doenças genéticas, hereditárias ou não, ocorre no exoma, seu sequenciamento permite analisar o DNA de um paciente para descobrir predisposições a doenças. Diferente dos testes genéticos, focados nas doenças relacionadas a mutação em um único gene, o aconselhamento genômico considera mutações em diferentes partes do genoma.     “Por meio desse sequenciamento podemos fazer não só o diagnóstico molecular das doenças monogênicas, mas também de doenças mais complexas, que são causadas por mutações em mais de um gene, o efeito poligênico”, explicou a coordenadora do serviço, a médica geneticista Iscia Lopes Cendes, professora do Departamento de Genética Médica da FCM. De acordo com Fernando Cendes, coordenador do Brainn, o sequenciamento e o rastreio de mutações genéticas podem levar a descobertas precoces de doenças neurológicas, como epilepsia, Parkinson e Alzheimer, um dos objetivos das pesquisas desenvolvidas no CEPID. Mas também é possível revelar a predisposição a diversos tipos de câncer e condições que implicam, por exemplo, em risco cardiovascular, como a arritmia, que pode causar morte súbita, e hipertermia maligna, a suscetibilidade à reação a anestésico e relaxante muscular. São os “achados incidentais”, que não foram o motivo principal da consulta do paciente. “Esses achados podem antecipar intervenções médicas”, disse Cendes. “Mesmo que o foco inicial do sequenciamento seja o entendimento de uma condição específica do paciente, como a epilepsia, o sequenciamento pode levar a informações de genes que indiquem predisposição a outras doenças – e aí está a importância do aconselhamento genômico.” Além das informações do sequenciamento, o paciente conta no ambulatório com suporte profissional para a avaliação das medidas possíveis de serem adotadas após os resultados. Antes do teste, o paciente recebe esclarecimentos que o auxiliam na decisão sobre receber também os resultados dos achados incidentais. “É...

Leia mais