Fim da cracolândia e começo da Nova Luz
maio26

Fim da cracolândia e começo da Nova Luz

O Estadão foi contundente e feliz ao mostrar o que é normal em uma cidade como São Paulo ou qualquer outra. Uma das fotos da capa de hoje, mostra crianças brincando na Rua Helvetia, centro da cidade, onde antes havia o caos da cracolândia. As críticas precisam levar em conta o fato de que o lugar havia se tornado algo indescritível e uma atitude precisava ser tomada.

Leia mais
Prefeitura lança campanha de prevenção ao crack e divulga diretrizes do Redenção
jun27

Prefeitura lança campanha de prevenção ao crack e divulga diretrizes do Redenção

Após sofrer duras críticas por parte da sociedade por intervir com rigidez e acabar com a vergonha da cracolândia, o prefeito João Doria comanda de forma organizada e atual o combate ao uso do crack e outras drogas, um desastre na vida daqueles que caem nessa rede.

Leia mais
Abordagens a dependentes químicos na região da Luz quintuplicaram, diz Prefeitura
jun17

Abordagens a dependentes químicos na região da Luz quintuplicaram, diz Prefeitura

Apesar de a cracolândia ainda existir na consciência paulistana, o Prefeito está decidido no sentido de que essa é uma página virada. A história será lembrada, mas em conjunto com o Governo do Estado, o fim da cracolândia é uma realidade que já pode ser sentida, mas o vício e a exploração deste pelos traficantes ainda é uma batalha que será travada diariamente.

Leia mais
Jovens que lutam contra as drogas são homenageados na Câmara
set05

Jovens que lutam contra as drogas são homenageados na Câmara

Sexta-feira, 5 de setembro de 2014, às 17h18 Por Jeldean Silveira CMSP – Uma Sessão Solene homenageou ex-dependentes químicos e entidades que atuam na prevenção e tratamento contra as drogas na cidade de São Paulo. A solenidade lotou o Salão Nobre do Palácio Anchieta na noite desta quinta-feira (4). Segundo relatório mundial da UNODC (Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime), uma em cada 200 pessoas entre 5 e 64 anos é usuário problemático de drogas. Isso equivale a 27 milhões de pessoas, ou 0,6% da população mundial. Ex-usuário, Robson de Freitas foi um dos homenageados da noite. Ele chegou a perder uma perna ao levar um tiro, foi preso e deixou de usar drogas depois de participar do projeto Força Jovens, da Igreja Universal do Reino de Deus. “Tive a infelicidade de conhecer as drogas dentro de um banheiro de escola pública. Foram dez anos e usei dez tipos diferentes de drogas na minha vida. Perdi tudo, caráter, dignidade, família e hoje me encontro aqui com varias autoridades, sendo homenageado. Para mim é muito importante, me sinto feliz em estar aqui”, disse.       Hoje, Freitas é palestrante no combate contra a dependência química e defende a importância de acreditar na recuperação. “Se existe um laço mais importante na vida de um ser humano na recuperação de um dependente químico é a família. É o que estamos fazendo aqui hoje, família e união. Para quem é rico, para quem é pobre, para quem é negro ou branco, eu acredito na recuperação de qualquer pessoa”, afirmou. O Pastor Humberto Machado, ex-traficante e fundador do projeto Missão Cristolândia, também foi homenageado pelo trabalho da entidade de recuperação, mantida por fiéis da Igreja Batista. Em cinco anos, o projeto Cristolândia cresceu e hoje tem filiais em sete estados do Brasil. São 13 unidades só em São Paulo, com academias de balé e artes marciais frequentadas por mais de 2 mil pessoas. Machado dedicou a honraria a sua maior motivação. “A minha alegria é que o Senhor seja glorificado. Eu não tenho nenhum mérito, a homenagem não pode ser para mim, é para o dono da obra. Ele é o dono eu só sou um operário nessa grande alegria de Deus” disse. O vereador Jean Madeira (PRB), proponente da homenagem, acredita que ONGs que atuam no combate contra as drogas merecem mais espaço na discussão de políticas públicas de prevenção e tratamento. “Os nossos governantes precisam abrir espaço para conversas com instituições como a Cristolândia, por que contra fatos não há argumentos. É uma prova de resultados positivos. Muitos não acreditam, mas hoje podem ver o resultado de jovens que...

Leia mais