Festa Junina no E.C. Sampaio Moreira
jun05

Festa Junina no E.C. Sampaio Moreira

No Arraial do Sampaio, a festa é promovida pela ONG AMAIS e acontece neste próximo final de semana, dais 9 e 10 de junho.

Leia mais
Amais e Sampaio Moreira revivem tradição das festas juninas do bairro pelo Bem
jun02

Amais e Sampaio Moreira revivem tradição das festas juninas do bairro pelo Bem

A ONG AMAIS já tem uma longa caminhada em prol da solidariedade e no cuidado com o outro há mais de 10 anos e seu slogan é “Fazer o Bem sem Ver a Quem”.

Leia mais
Carnaval beneficente e Grande Desfile de Fantasias no Sampaio Moreira
jan27

Carnaval beneficente e Grande Desfile de Fantasias no Sampaio Moreira

A tradição manda e o Sampaio Moreira terá sua programação carnavalesca, com benefícios para as instituições que receberão as doações arrecadadas.

Leia mais
E. C. Sampaio Moreira mantêm tradição e história vivas no bairro do Tatuapé
set07

E. C. Sampaio Moreira mantêm tradição e história vivas no bairro do Tatuapé

Clube que completa hoje 86 anos de fundação, comemorou com alegria mais um feliz aniversário.

Leia mais
Sampaio Moreira, clube do Tatuapé, faz 86 anos
set07

Sampaio Moreira, clube do Tatuapé, faz 86 anos

Neste momento acontece a Missa de Ação de Graças, que está sendo realizada no salão Nobre do clube.

Leia mais
Sampaio Moreira, clube do Tatuapé com 85 anos, inaugura sala de troféus
out11
Leia mais
Sampaio Moreira faz 85 anos
set08
Leia mais
Sampaio Moreira e a história do Tatuapé
set07

Sampaio Moreira e a história do Tatuapé

Domingo, 7 de setembro de 2014, às 18h44 O E. C. Sampaio Moreira completou 85 anos no dia 1º de setembro e a tradição do clube está ligada ao bairro do Tatuapé. É a maior agremiação em atividade e uma das traves do seu campo, perdido para a abertura da atual Radial Leste, ficava bem no meio da Rua Melo Freire. A outra extremidade chegava à Rua Platina. No local, hoje está a Estação Carrão do Metrô.     Leia a reportagem completa Sampaio Moreira faz 85...

Leia mais
Tatuapé: CEU Carrão mais um malfeito do PT
jun16

Tatuapé: CEU Carrão mais um malfeito do PT

As consequências geradas pela destruição do Centro Esportivo Brigadeiro Eduardo Gomes, mais conhecido como Sampaio Moreira, repercutem há mais de cinco anos.

Leia mais
Prevenção de doenças e qualidade de vida na menopausa é tema de palestra no HU
maio07

Prevenção de doenças e qualidade de vida na menopausa é tema de palestra no HU

Vantagens e riscos da menopausa e a qualidade de vida nessa fase. Esses são alguns dos enfoques das palestras gratuitas, no dia 27 de maio, das 10 às 12 horas, no auditório do Hospital Universitário da USP, organizada pelo Grupo de Climatério do HU. Mulheres com mais de 35 anos podem se inscrever para o evento pelo site do HU: www.hu.usp.br. Até novembro de 2014, o Grupo de Climatério do HU realizará outros sete eventos mensais. Para o médico assistente da Ginecologia do HU e coordenador do projeto, doutor Mauricio Mieli, o objetivo é fazer um trabalho preventivo para a população feminina que se encontra com mais de 35 anos e também alertar a equipe de saúde sobre a importância da prevenção de problemas que podem ocorrer nessa faixa etária, que abrange dos 35 aos 65 anos. No dia 27 de maio, o grupo trará esclarecimentos sobre os tipos de menopausa e orientações nutricionais, e pretende-se incentivar adaptações para se obter melhor qualidade de vida. A menopausa pode ser precoce, quando ocorre antes dos 40 anos de idade, e tardia, após os 55 anos. A doutora Ana Maria Sampaio Moreira Grell abordará sobre os diferentes tipos de menopausa, desde as fisiológicas, que ocorrem quando há esgotamento da população de folículos ovarianos, até as cirúrgicas, quando se retiram os ovários. Segundo o ginecologista Mieli, no evento serão dadas orientações visando à prevenção de sintomas desagradáveis que podem ocorrer nessa fase na vida da mulher. O médico ressalta ainda sobre a necessidade da introdução do cálcio, das vitaminas A, B e C, e a importância da vitamina D, e da ingestão suficiente de água, entre outros. A nutricionista Evelyn Kaoru Nakamoto Aguchiku abordará a qualidade de vida, ressaltando o papel da alimentação nessa fase da mulher. “A recém-nascida nasce com aproximadamente 700.000 folículos ovarianos. Com o passar do tempo, estes folículos são absorvidos pelo organismo e na menarca (primeira menstruação) a menina tem cerca de 400.000 folículos ovarianos, que são gastos até o período de transição menopausal. O esgotamento dos folículos ovarianos determina a chegada da menopausa. No Brasil, a chegada da menopausa ocorre ao redor de 52 anos. Segundo o doutor Mieli, a menopausa precoce pode ser determinada por fatores genéticos, tabagismo, cirurgias, como retirada de ovários, exposição a agentes agressores, como infecções virais, tratamentos para alguns tipos de câncer (quimioterapia, radioterapia), doenças autoimunes, defeitos na secreção dos hormônios produzidos pela hipófise, problemas de receptores ovarianos para os hormônios da hipófise e defeitos enzimáticos. A menopausa tardia tem como importante causa a obesidade. A menopausa precoce pode levar às alterações que seriam desencadeadas pela menopausa normal: fogachos, secura vaginal, aumento...

Leia mais
Faixas exclusivas tem ganho médio de 45,7%
out10

Faixas exclusivas tem ganho médio de 45,7%

Velocidade média em faixas exclusivas tem ganho médio de 45,7% para o transporte coletivo A CET concluiu a medição em 77 trechos de faixas exclusivas. A velocidade média aumentou de 14,3 Km/h para 20,8 Km/h em dados coletados entre fevereiro e setembro A CET está formatando um estudo de velocidade média nas faixas exclusivas existentes na cidade. Em meados de setembro, foram compilados os primeiros dados gerais do relatório. Os números apresentam a performance em 77 trechos de faixas exclusivas inauguradas entre o dia 22 de fevereiro e 9 de setembro, num universo de 160 Km, aproximadamente. A amostragem revela um crescimento de 45,7% na velocidade média desempenhada pelos ônibus, com aumento de 14,3 Km /h para 20,8 Km/h. No cálculo geral dessa média, foram desconsiderados os trechos de vias segregadas inferiores a 300 metros. Em cada uma das faixas pesquisadas a medição foi feita uma semana antes da implantação da faixa exclusiva e ao longo da primeira semana de ativação do trecho. No arquivo anexo está a tabela com as medições realizadas. Um exemplo: a faixa exclusiva de ônibus da Avenida Dr. Arnaldo foi inaugurada no dia 10 de julho. Uma semana antes, a CET fez uma contagem da velocidade dos ônibus na faixa mais à direita da via nos picos manhã e tarde. A velocidade medida nos ônibus foi de 6 km/h, no trecho entre a Rua Cardoso de Almeida, e 180 metros após a Rua Teodoro Sampaio. Na semana seguinte, já com a faixa, a velocidade subiu para 14,5 km/h, um aumento de 143,7% Há locais que concentram os principais deslocamentos no sistema viário principal da cidade onde a velocidade dos ônibus não chegava a 15 Km/h. O melhor exemplo é a Avenida 23 de Maio / Av. Rubem Berta / Avenida Moreira de Guimarães, o trecho 2 de faixa exclusiva do Corredor Norte – Sul. Neste local, a velocidade, antes da implantação da faixa era de 13,7 Km/h. Na semana de inauguração da faixa, ou seja, a partir dia 5 de outubro, a velocidade alcançou 22,2 Km, um aumento de 61,9%. Outros dois exemplos satisfatórios são as Marginais. A velocidade dos ônibus na Marginal Tietê, em toda a extensão da faixa (12,6 Km), delimitada pelas Pontes Aricanduva e das Bandeiras, subiu de 20,4 Km/h para 24,7 Km/h, um aumento de 21,1%. Na Marginal Pinheiros, o ganho de velocidade foi de 26,6% se levarmos em consideração a medição nos três trechos implantados que somam 17,4 Km. A velocidade ao longo do eixo subiu de 23,2 Km/h para 29,4 Km/h. Vale ressaltar que esses números são preliminares, pois levam em consideração o desempenho alcançado apenas no início...

Leia mais