Eduardo Campos é homenageado em Pernambuco, hoje completaria 50 anos


Segunda-feira, 10 de agosto de 2015, às 21h14


O governador Paulo Câmara (PE) participou do ato suprapartidário, a esposa, os filhos e diversos políticos estiveram presentes à homenagem feita ao ex-governador Eduardo Campos, que hoje completaria 50 anos de vida.

“Eduardo e eu tivemos a nossa trajetória iluminada por duas árvores, e talvez de alguma forma também protegida pela sombra dessas mesmas árvores, muito frondosas: Miguel Arraes e Tancredo (Neves). Ao contrário do que se pudesse significar para alguns como alguma cobrança excessiva em relação aos nossos caminhos, e nós falávamos muito sobre isso, isso foi sempre inspiração, foi sempre energia”, destacou Aécio Neves.

 

Renata Campos e filhos recebendo o busto do ex-governador Eduardo Campos: durante a homenagem aos 50 anos de nascimento do ex-governador Eduardo Campos, seu filho caçula Miguel, toca a estátua do pai, entalhada em madeira. Foto: Wagner Ramos/ Sei

Renata Campos e filhos recebendo o busto do ex-governador Eduardo Campos: durante a homenagem aos 50 anos de nascimento do ex-governador Eduardo Campos, seu filho caçula Miguel, toca a estátua do pai, entalhada em madeira. Foto: Wagner Ramos/ Sei

 

Após a cerimônia, o presidente do PSDB, Aécio Neves e o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, disseram que não cabe à oposição buscar solução para a crise. “Faltaram mais uma vez humildade e sinceridade à Sra. Presidente para reconhecer que o vale tudo ao qual se referiu foi praticado, não pelas oposições, mas por ela própria e por seu governo para vencer as eleições”, declarou Aécio, candidato derrotado em 2014, referindo-se às críticas feitas pela presidente Dilma Roussef, em São Luiz-MA, que durante entrega de unidades do programa “Minha Casa, Minha Vida”, criticou o “vale-tudo” na política.

Durante a homenagem ao marido, Renata Campos disse que Eduardo “faria diferença na construção do novo Brasil que ele tanto sonhava por conta da sua capacidade de diálogo e capacidade de realizar”. Campos, morreu há uma ano, no dia 13 de agosto de 2014, em um acidente aéreo na cidade de Santos, São Paulo, em plena campanha para a presidência da República, quando o avião que o transportava caiu em meio às residências.

Ilustração: sobrefoto | aloart. Fotos: Wikipedia / Stock Photos

Ilustração: sobrefoto | aloart. Fotos: Wikipedia / Stock Photos

Leia mais sobre
ALÔ BRASIL

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo
3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo
Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio
Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo
Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro
Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo
Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro
Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo
  • Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo

  • 3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo

  • Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio

  • Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo

  • Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro

  • Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo

  • Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro

  • Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo

Categorias

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Share This