Estresse pré-vestibular pode atrapalhar o desempenho na prova


Terça-feira, 24 de novembro de 2015, às 10h38


Veja como aliviar a ansiedade.

A fase das provas vestibulares começou, elevando consideravelmente o nível de estresse dos vestibulandos. A Fundação Universitária para o Vestibular (FUVEST), que em 2015 selecionará alunos para 9.568 vagas em cursos da USP e 120 na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, é a mais importante prova do país – este ano superou a marca de 142,6 mil inscritos.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

 

Escolher uma carreira, por si só, já eleva a ansiedade; nos momentos que antecedem o exame, esta sensação se intensifica. “Os candidatos carregam grande carga de cobrança e expectativa – é uma grande competição na qual eles precisam superar centenas de outros indivíduos que estão lá pelo mesmo motivo. Em um único dia, ele precisa canalizar todo o conhecimento adquirido ao longo de vários anos de estudo”, explica a dra. Jerusa Smid, membro do Departamento Científico de Neurologia Cognitiva da Academia Brasileira de Neurologia (ABN).

A especialista ressalta, ainda, que a cobrança excessiva dos pais, dos professores, dos colegas e de si próprio só aumenta o medo de falhar e decepcionar; deixando o estresse mais intenso e a noção de responsabilidade maior. “Alto nível de apreensão diminui a capacidade de prestar atenção; ou seja, apesar de estudar muito, o candidato não conseguirá responder às questões adequadamente”, explica Smid.

É possível, também, sentir os efeitos fisicamente, como ânsia de vômito; desmaios; palpitação; dores de cabeça e estomago; taquicardia; e insônia. “Este último deve ser analisado com especial atenção, considerando que a falta de sono, crônica ou na véspera da prova, pode piorar o desempenho do vestibulando”, explica.

Mantenha-se calmo

No momento da prova é fundamental respirar calmamente e focar toda sua atenção, não se dispersando em outros estímulos. O aluno também deve alimentar-se bem antes do teste e manter-se hidratado por todo o período. “Durante o vestibular, além de beber bastante água, é importante ingerir alimentos leves, que forneçam energia”, reforça a médica.

Ao longo dos estudos, uma dica da dra. Jerusa é não isolar-se do mundo, praticando atividade física e cultivando as relações sociais; o estudo deve ser intercalado com momentos de prazer. Atividade aeróbica ajuda a aliviar o estresse, descarregando adrenalina, que melhora o funcionamento do corpo. “No dia que antecede a prova, procure dormir cedo para descansar bem o corpo e a cabeça, além de não ingerir bebida alcoólica. Não adianta estudar neste dia, apenas relaxe”.

Se essa luta tem de ser enfrentada, o apoio é muito importante. Ilustração: aloart. Foto: Stock Photo

Câncer de mama: se essa luta tem de ser enfrentada, o apoio é muito importante. Ilustração: aloart. Foto: Stock Photo

Leia mais sobre
MEDICINA

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Alexandre Garcia: visão de mais de 50 anos de jornalismo
Plano Safra é lançado com R$ 225,59 bilhões para produtores
Presidente pede confiança para mudar o Brasil, vídeo
Presidente Bolsonaro concede entrevista à Jovem Pan: balanço dos 100 dias de governo
Itália em São Paulo
Paulo Guedes explica a reforma da Previdência, vídeo
Parceria entre Brasil e Inglaterra em alto mar
Ministro da Justiça e Segurança Pública apresenta projeto de Lei Anticrime
  • Alexandre Garcia: visão de mais de 50 anos de jornalismo

  • Plano Safra é lançado com R$ 225,59 bilhões para produtores

  • Presidente pede confiança para mudar o Brasil, vídeo

  • Presidente Bolsonaro concede entrevista à Jovem Pan: balanço dos 100 dias de governo

  • Itália em São Paulo

  • Paulo Guedes explica a reforma da Previdência, vídeo

  • Parceria entre Brasil e Inglaterra em alto mar

  • Ministro da Justiça e Segurança Pública apresenta projeto de Lei Anticrime

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*