ONU mostra formas de gerar investimentos para ação climática nas cidades


Segunda-feira 7 de dezembro de 2015, às 16h45


Investimento em mobilização, baixa emissão de gás CO2 e infraestrutura resiliente é necessário principalmente nas áreas urbanas, responsáveis por 70% da liberação de gases de efeito estufa relacionada à energia, aponta relatório da ONU.

ONU Brasil | COP21

Relatório apresentado nesta sexta-feira (4) pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, e parceiros internacionais, oferece cinco recomendações sobre investimentos em mobilização, baixa emissão de gás carbônico e construção de infraestrutura resiliente. O estudo foi inaugurado em Paris, na França.

 

Vista área de São Paulo, uma das grandes megalópoles do mundo. Foto: Wikicommons/Ana Paula Hirama (CC)

Vista área de São Paulo, uma das grandes megalópoles do mundo. Foto: Wikicommons/Ana Paula Hirama (CC)

 

Publicado pela Aliança de Liderança em Financiamento Climático de Cidades, o documento analisa os obstáculos que muitas cidades enfrentam na obtenção de financiamento para a execução de projetos. Inclui, entre os pontos abordados, a incerteza sobre políticas regulatórias e fiscais, falta de conhecimento em desenvolvimento de projeto, falta de controle sobre planejamento de infraestrutura, alto custo de transação e falta de modelos de investimento testados na cidade a nível regional.

Entre as recomendações está a ideia de estimular governos nacionais a adotar políticas e incentivos para que as cidades invistam em baixa emissão de gases estufa e na construção de infraestrutura resiliente. O documento usa o exemplo do ICMS Ecológico no Brasil. O ICMS, conhecido como Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços,passou a arrecadar por meio dos Estados uma parcela para preservação ambiental.

Outras sugestões são aumentar as facilidades no investimento em projetos de ação climáticos considerados vantajosos e criar uma rede de laboratórios para inovar instrumentos financeiros e modelos de investimento.

Segundo o Banco Central, as áreas urbanas são responsáveis por mais de 70% das emissões de CO2 relacionadas à energia, e as cidades produzem de 37 a 49% das liberações de gases de efeito estufa do mundo. Ainda, estima-se que mais de 80% dos custos anuais globais em adaptação às mudanças climáticas sejam gerados pelas áreas urbanas.

Fotos: COP21. Ilustração: aloart

Fotos: COP21. Ilustração: aloart

Leia mais sobre
ONU | COP21

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Bolsonaro lança partido Aliança pelo Brasil
Nota de repúdio da Associação Nacional dos Procuradores da República, vídeo
Pátria Amada Brasil: 300 dias de Governo
Alexandre Garcia: visão de mais de 50 anos de jornalismo
Plano Safra é lançado com R$ 225,59 bilhões para produtores
Presidente pede confiança para mudar o Brasil, vídeo
Presidente Bolsonaro concede entrevista à Jovem Pan: balanço dos 100 dias de governo
Itália em São Paulo
  • Bolsonaro lança partido Aliança pelo Brasil

  • Nota de repúdio da Associação Nacional dos Procuradores da República, vídeo

  • Pátria Amada Brasil: 300 dias de Governo

  • Alexandre Garcia: visão de mais de 50 anos de jornalismo

  • Plano Safra é lançado com R$ 225,59 bilhões para produtores

  • Presidente pede confiança para mudar o Brasil, vídeo

  • Presidente Bolsonaro concede entrevista à Jovem Pan: balanço dos 100 dias de governo

  • Itália em São Paulo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*