São Paulo passa para a fase amarela, mas empresas ainda terão de aguardar

Domingo | 28 de junho, 2020 | 13h10

 

CORONAVÍRUS – SP NA FASE AMARELA


O prolongamento da quarentena para reabertura das empresas causou protestos dos donos de restaurantes e bares – apesar da possibilidade de trabalharem em sistema delivery –, mas afeta também outras categorias importantes, como a dos salões de beleza e barbearias que estão fechados há mais de três meses.

Gerson Soares

O governador de São Paulo, João Doria, anunciou na última sexta-feira (26) o 6º período de quarentena no Estado “que começa no dia 29 de junho e vai até o dia 14 de julho”, completando 100 dias no próximo dia 1º.

O Plano São Paulo completará 30 dias na próxima terça-feira (30) e a cidade, que se encontrava na fase laranja desde o dia 19 de junho, entra na fase amarela. Todavia, o prefeito Bruno Covas atendeu a solicitação do governo para que adiasse a liberação de alguns setores à nova fase até a próxima sexta-feira (3).

 

Coletiva de imprensa para atualização das fases do Plano São Paulo, com o governador João Doria e o prefeito Bruno Covas. Foto: Governo do Estado de São Paulo

 

“O município vai acatar essa solicitação do Centro de Contingência. Vamos, durante a semana que entra, conversar e dialogar com os setores que agora podem voltar a funcionar na fase três, avançar e, se tudo der certo, assinar os protocolos, para que eles possam aguardar o resultado na sexta-feira da semana que vem. Se o resultado confirmar o município na fase amarela, eles poderão reabrir a partir 6 de julho”, explicou o prefeito.

Avanço confuso para os empresários paulistanos

Portanto, apesar de avançar para a próxima fase, as empresas do município de São Paulo deverão aguardar mais uma semana para entrar na fase amarela. Nessa nova fase, a flexibilização do Plano SP também prevê abertura limitada a 40% da capacidade de todos os setores previstos na laranja e seis horas de expediente.

O prefeito informou ainda que nesta segunda-feira (29) será fechado o hospital municipal de campanha do Pacaembu. Isso se deve à queda nas internações e à curva da doença no município.

Dados estatísticos do coronavírus em SP

De acordo com o governo, neste sábado (27), o Estado de São Paulo registrava 14.263 óbitos e 265.581 casos confirmados de COVID-19. Entre as pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus, 42.548 foram internadas, curadas e tiveram alta hospitalar.

Dos 645 municípios, houve pelo menos uma pessoa infectada em 617 cidades, sendo 359 com um ou mais óbitos. As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 67,4% na Grande São Paulo e 65,3% no estado. O número de pacientes internados é de 13.972, sendo 8.336 em enfermaria e 5.636 em unidades de terapia intensiva. Os dados correspondem à última avaliação feita às 10h30 da manhã do dia 27.


Com informações do Governo do Estado e da Prefeitura da Cidade de São Paulo.

Prefeito Bruno Covas durante a coletiva de imprensa sobre o coronavírus ao lado do Governador do Estado de São Paulo, João Doria e do Secretário de Saúde, José Henrique Germann. Foto: Governo do Estado de São Paulo

Leia mais sobre
ALÔ SÃO PAULO

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo
3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo
Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio
Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo
Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro
Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo
Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro
Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo
  • Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo

  • 3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo

  • Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio

  • Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo

  • Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro

  • Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo

  • Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro

  • Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo

Categorias

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Share This