Unesp inaugura novo laboratório do Instituto de Pesquisa em Bioenergia


Sexta-feira, 3 de julho de 2015, às 06h11


Agência FAPESP – A Universidade Estadual Paulista (Unesp) inaugurou no dia 29 de junho o novo laboratório do Instituto de Pesquisa em Bioenergia (IPBEN), na Faculdade de Ciências e Letras de Assis.

O IPBEN desenvolve pesquisas nas mesmas áreas contempladas pelo programa BIOEN-FAPESP: Biomassa para Bioenergia; Produção de Bicombustíveis; Utilização de Bicombustível em Motores; Biorrefinaria, Alcoolquímica e Oleoquímica, e Sustentabilidade Socioeconômica e Ambiental.

 

IPBEN desenvolve pesquisa nas áreas de Biomassa para Bioenergia; Produção de Bicombustíveis; Utilização de Bicombustível em Motores; Biorrefinaria, Alcoolquímica e Oleoquímica, e Sustentabilidade Socioeconômica e Ambiental. Foto: Eduardo César/FAPESP

IPBEN desenvolve pesquisa nas áreas de Biomassa para Bioenergia; Produção de Bicombustíveis; Utilização de Bicombustível em Motores; Biorrefinaria, Alcoolquímica e Oleoquímica, e Sustentabilidade Socioeconômica e Ambiental. Foto: Eduardo César/FAPESP

 

O Instituto integra o Centro Paulista de Pesquisa em Bioenergia, idealizado em 2009 pela Diretoria Científica da FAPESP.

O governo do Estado de São Paulo financia a infraestrutura, as universidades investem na contratação de recursos humanos e a FAPESP apoia os projetos de pesquisa.

Cada universidade adotou um modelo diferente. A Unesp decidiu criar o IPBEN para que as pesquisas em bioenergia da instituição ganhassem em produtividade e qualidade, com investimentos de R$ 9,6 milhões do governo do Estado de São Paulo.

O IPBEN é formado por um Laboratório Central, instalado em Rio Claro, e outros sete laboratórios associados nas cidades de Jaboticabal, Guaratinguetá, Ilha Solteira, Botucatu, Assis, Araraquara e São José do Rio Preto.

Está prevista, ainda, a inauguração dos laboratórios associados em Araraquara, Botucatu, Ilha Solteira e São José do Rio Preto.

Espécie de salpa - um plâncton gelatinoso - descoberta durante a expedição Tara Oceans. Foto: Divulgação/Tara Oceans

Espécie de salpa - um plâncton gelatinoso - descoberta durante a expedição Tara Oceans. Foto: Divulgação/Tara Oceans

Leia mais sobre
PESQUISAS

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Presépio e a magia da natividade
Exoesqueleto robótico para reabilitação humana
Covid-19: filme de PVC para alimentos inativa o SARS-CoV-2
Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo
3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo
Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio
Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo
Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro
  • Presépio e a magia da natividade

  • Exoesqueleto robótico para reabilitação humana

  • Covid-19: filme de PVC para alimentos inativa o SARS-CoV-2

  • Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo

  • 3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo

  • Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio

  • Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo

  • Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro

Categorias

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Share This