Como se armar contra a Covid-19?


Quarta-feira | 25 de março, 2020 | 17h40


Será que estamos suficientemente preparados contra a infecção do coronavírus? Em tempos de pandemia deste vírus o estresse e o medo são nossos maiores inimigos, porque enfraquecem nossas defesas.

Por Valter Casarin

Então, vamos pensar mais sobre um plano de batalha contra esse mal. Um bom começo é escolher uma dieta equilibrada e um estilo de vida saudável e concentrar nos alimentos e nutrientes que fortalecem o sistema imunológico. Assim, estaremos melhor protegidos contra os vírus que cruzam nosso caminho.

 

Imagem: Clean png / Ramkdahal

 

Aqui estão alguns alimentos para aumentar sua imunidade. No entanto, observe que esses alimentos apenas permitem que o corpo esteja melhor armado contra o coronavírus.

• Alho: O alho é usado há séculos tanto como ingrediente alimentar quanto como medicamento. Também foi demonstrado que aumentando o consumo de alho estamos contribuindo para a redução dos sintomas relacionados à gripe, em particular. O alho contém compostos que ajudam o sistema imunológico a combater os germes. O alho deve ser esmagado, mastigado ou fatiado para produzir alicina. Acredita-se que esta substância dê ao alho suas propriedades imunizantes.

• Crucíferas: crucíferas como brócolis, couve de Bruxelas e couve-flor também são uma opção atraente. Eles são cheios de antioxidantes, especialmente as vitaminas C e B9, com efeitos positivos na imunidade.

• Chicória: trata se de um vegetal rico em antioxidantes, vitaminas, minerais e fibras, mas principalmente em inulina. A inulina é uma espécie de fibra pré-biótica cujo consumo regular promove o crescimento intestinal de bifidobactérias que protegem o organismo.

• Frutas cítricas: faça uma cura com laranjas e limões. A vitamina C possui propriedades antioxidantes e estimula a produção de uma molécula capaz de destruir microrganismos maléficos. Adote, de manhã, o suco de limão ou o suco de laranja no café da manhã. O kiwi também pode ser uma opção atraente, pois contém o dobro de vitamina C do que a laranja.

• Bananas: fornecem fibras pré-bióticas, benéficas para a microbiota intestinal. Além disso, é uma boa fonte de magnésio, manganês e vitamina B9.

• Mel: a inibina no mel é um tipo de antibiótico natural. O mel promove o crescimento de bons microrganismos no corpo.

• O feijão branco: é o vegetal seco mais concentrado em ferro. Também é rico em zinco, magnésio e proteínas. Pode até substituir a batata em sopas.

• Canela: A canela é um dos alimentos mais ricos em antioxidantes. Ele luta contra vírus e bactérias. E, portanto, constitui um bom remédio contra a gripe, dores de garganta e outras doenças de inverno.

• Cogumelos: De acordo com uma pesquisa da Universidade da Flórida no Journal of American College of Nutrition, o consumo diário de cogumelos shitake melhora a imunidade. O consumo diário de cogumelo shitake, portanto, melhora a imunidade e reduz a inflamação produzida pelo sistema imunológico. Outros estudos mostraram que seu consumo diário fortalece nosso sistema de defesa e reduz os fatores inflamatórios.

• Pimentas: numerosos estudos, realizados por equipes científicas de vários países, mostraram que o consumo de pimentas têm efeitos benéficos à saúde.

Em alguns pacientes, pode ser útil oferecer suplementos vitamínicos com função direta no sistema imunológico.

• A vitamina D regula o sistema imunológico, de modo que um nível baixo de vitamina D no sangue leva a um risco aumentado de infecção. O suplemento preventivo de vitamina D fortalece efetivamente a mucosa nasal, protegendo das infecções virais do trato respiratório. A exposição ao sol promove a produção de vitamina D.

• A vitamina C é necessária para a produção de glóbulos brancos, esses pequenos soldados responsáveis por atacar bactérias e vírus. Como não é sintetizado pelo organismo, deve ser fornecido com alimentos ou suplementos. Um bom nível de vitamina C, portanto, limita a duração e a gravidade das infecções virais ou bacterianas.

Além das contribuições de múltiplos nutrientes e micronutrientes que sustentam o sistema imunológico, uma dieta rica em lipídios é particularmente adaptada à prevenção de patologias virais. As lipoproteínas armazenam vírus, paralisam e eventualmente os destroem. Assim, pessoas com baixas concentrações de lipoproteínas são mais suscetíveis a doenças virais.

 

Imagem: Clean png / Wishan



Apesar desses alimentos serem benéficos para aumentar a imunidade, eles não constituem a garantia contra o coronavírus.

Pensando em complementar nossa resistência contra a Covid-19, algumas ações básicas de vida saudável podem ajudar bastante.

• Favorecer uma dieta equilibrada de proteínas, carboidratos, lipídios. Deve ser variado e adaptado às estações e estágios da vida de cada pessoa.

• Favorecer a ingestão de alimentos fibrosos: legumes, grãos semi-integrais ou integrais, vegetais ou frutas.

• Evite produtos industriais processados.

• Limite a ingestão de alimentos e bebidas açucarados.

• Beba bastante água e/ou chá de ervas (pelo menos 1,5 litros por dia).

• Mova-se pelo menos 30 minutos por dia - de preferência ao ar livre.*

• Observe certas medidas de higiene: lave as mãos regularmente, use lenços de papel e tussa ou espirre para dentro do cotovelo.

• Dê a si mesmo momentos de relaxamento suficientes e desfrute de atividades todos os dias que acalmam e contribuam para a sua felicidade.

Uma pessoa que mostra sinais de fraqueza imunológica, como resfriados repetidos ou que quer se defender melhor contra doenças comuns, deve, em primeiro lugar, observar seu estilo de vida. De fato, tabagismo, falta de sono ou atividade física, nível de estresse, qualidade das relações sociais e ambiente de vida (poluição ambiental) são elementos que enfraquecem nosso terreno e tornam nosso sistema imunológico menos eficiente.

O objetivo é melhorar seu sistema imunológico sem aumentar o risco de outras patologias, principalmente cardiovasculares. O importante é não ter deficiência de nutrientes essenciais para o nosso sistema imunológico.

Quando pensamos em produzir alimentos, é importante entender a função que os fertilizantes desempenham para a produção de frutas e verduras. O fertilizante é o caminho para devolver e disponibilizar os nutrientes essenciais carentes no solo, para que as plantas de frutas e verduras possam ter seu desenvolvimento pleno para uma produção farta e de qualidade, sempre respeitando o ambiente. A deficiência dos nutrientes nos solos prejudica o valor nutricional dos alimentos. Assim, a segurança para repor os nutrientes necessários de forma balanceada está na aplicação de fertilizantes.

Devemos ter a consciência sobre o mesmo nutriente que estiver carente no solo estará carente na mesa do consumidor. Um alimento rico nutricionalmente é reflexo de um solo fértil.

Com objetivo de melhorar a percepção da população em relação às funções e os benefícios dos fertilizantes, foi estabelecida no Brasil, em 2016, a iniciativa Nutrientes Para a Vida (NPV). A NPV possui visão, missão e valores análogos aos da coirmã americana, a Nutrients For Life. Sua principal missão é destacar e informar a respeito da relevância dos fertilizantes para o aumento da qualidade e segurança da produção alimentar, colaborando com melhores quantidades de nutrientes nos alimentos e, consequentemente, com uma melhor nutrição e saúde humana.

As informações divulgadas pela NPV são baseadas em dados científicos, tanto que a iniciativa tem a participação de renomados cientistas e pesquisadores de importantes centros de pesquisa brasileiro.

Valter Casarin, engenheiro agrônomo e coordenador científico da Nutrientes para a Vida - NPV


Nota da Redação:
*Neste momento da pandemia está em debate o isolamento social e quanto evitar sair de casa. Siga as atualizações das informações. Depois que essa onde passar esta dica continuará valendo.

Leia mais sobre
MEDICINA&SAÚDE

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo
3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo
Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio
Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo
Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro
Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo
Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro
Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo
  • Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo

  • 3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo

  • Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio

  • Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo

  • Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro

  • Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo

  • Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro

  • Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Share This