Qual o custo da Câmara dos Deputados e dos 513 parlamentares?


Quarta-feira | 17 de fevereiro, 2021 | 19h


REFORMAS PARA O BRASIL


Cercados por uma campanha promovida pelo ex-presidente Rodrigo Maia contra o Executivo, pelas questões que envolveram sua reeleição, além da pandemia de coronavírus, a Câmara dos Deputados parou em 2020 e não trabalhou nas questões importantes para o país.


Gerson Soares

Todavia, o custo para manter essa estrutura pública em funcionamento se manteve e dali não partiram os mesmos sacrifícios exigidos aos empregados na iniciativa privada, aos empresários e à população de maneira geral. Esses privilegiadíssimos brasileiros passaram incólumes à Covid-19 até agora. Enquanto parte dos parlamentares tenta apoiar medidas progressistas e liberais, outra camada bem maior adota posturas protetivas em benefício próprio e dos seus partidos, sempre visando as próximas eleições. Um círculo vicioso que precisa ser quebrado.

 

Ilustração é alusiva ao dinheiro gasto para sustentar o Estado brasileiro. Enquanto o salário mínimo no Brasil não passa de 11 notinhas de 100 reais (US$ 204), nos EUA ultrapassa os 1.250 dólares. A comparação é pertinente em vários aspectos demonstrados neste levantamento. Imagem: aloimage

 

E como gastam o dinheiro público? Quanto custam? Para calcular a média dos gastos com os deputados federais vamos tomar quatro nomes aleatoriamente. O salário de um deputado é de R$ 33.763,00 mil. O cálculo foi feito a partir desse valor bruto.

Para manter suas atividades parlamentares em 2020, o deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) gastou um total de R$ 2.030.062,74 milhões de reais. Baleia Rossi (MDB-SP) gastou R$ 1.972.891,39 milhão. Por sua vez, Alice Portugal (PCdoB-BA) apontou gastos totais de R$ 1.681.694,37 milhão. Cleber Verde (Republicanos-MA) gastou R$ 2.077.543,23 milhões.

O total dos gastos com os quatro deputados é de R$ 7.762.191,73 milhões que dá uma média de R$ 1.940.547,93 milhão. Se multiplicarmos esse valor pelo número de deputados federais chegamos a R$ 995.501.089,30 milhões, ou seja, 1 bilhão de reais.

No fechamento do ano 2020, as dotações orçamentárias da Câmara dos Deputados chegaram a R$ 6.163.128.269,00 bilhões e desse total foram gastos R$ 5.684.506.490,50 bilhões. Somente com a atividade legislativa o custo foi de R$ 3.750.272.053,62 bilhões de reais; com a administração geral, R$ 2.667.261.942,97 bilhões; e a atenção básica ficou em R$ 159.419.357,13 milhões; encargos especiais exigiram R$ 273.196.510,82 milhões, entre outras despesas.


Leia também

Qual o custo do Poder Judiciário?

Ilustração é alusiva ao dinheiro gasto para sustentar o Estado brasileiro. Enquanto o salário mínimo no Brasil não passa de 11 notinhas de 100 reais (US$ 204), nos EUA ultrapassa os 1.250 dólares. A comparação é pertinente em vários aspectos demonstrados neste levantamento. Imagem: aloimage

Leia mais sobre
CUSTO BRASIL

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Presépio e a magia da natividade
Exoesqueleto robótico para reabilitação humana
Covid-19: filme de PVC para alimentos inativa o SARS-CoV-2
Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo
3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo
Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio
Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo
Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro
  • Presépio e a magia da natividade

  • Exoesqueleto robótico para reabilitação humana

  • Covid-19: filme de PVC para alimentos inativa o SARS-CoV-2

  • Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo

  • 3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo

  • Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio

  • Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo

  • Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro

Categorias

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Share This