“O Homem que Queria Ser Livro” no Biblioteca Viva
mar02

“O Homem que Queria Ser Livro” no Biblioteca Viva

Darson Ribeiro apresenta seu espetáculo solo no circuito Biblioteca Viva, da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, passando por Itaquera, Ermelino Matarazzo, Vila Prudente, Santana, Aricanduva, São Miguel Paulista, Pinheiros, Tatuapé, Perus e Vila Carrão.

Leia mais
“Palavra de Caipira” e “Entrelaçadas” são dois destaques da Biblioteca Hans em fevereiro
fev14

“Palavra de Caipira” e “Entrelaçadas” são dois destaques da Biblioteca Hans em fevereiro

Confira a programação da Biblioteca Hans e participe dos eventos abertos a todos.

Leia mais

“A Nova Roupa do Rei”: uma história de Hans Christian Andersen

Peça  também estreia neste sábado no Teatro Dr. Botica às 14h.

Leia mais
Butantan exibe peça sobre legado científico muçulmano
set25

Butantan exibe peça sobre legado científico muçulmano

Quinta-feira, 25 de setembro de 2014, às 20h32 Legado científico das civilizações muçulmanas é apresentado em peça no Butantan Agência FAPESP – As descobertas da chamada “Idade do Ouro” da civilização muçulmana – incluindo a álgebra, o astrolábio e as máquinas de contagem do tempo –são temas de um espetáculo teatral em cartaz no Instituto Butantan, em São Paulo. O teatro faz parte do programa “1001 Invenções”, lançado na terça-feira (23/09), que inclui vídeo e materiais educativos para contar a história de mais de mil anos da ciência e do legado científico das civilizações muçulmanas. O programa fica no Butantan até o dia 29 de setembro e é voltado a alunos do segundo ciclo do ensino fundamental e do ensino médio. Em 45 minutos, quatro atores interpretam cientistas do passado, abordando as descobertas científicas da história. As apresentações são feitas para alunos de escolas, com visitas previamente agendadas. No sábado (27/09), porém, haverá duas seções abertas ao público. O programa foi produzido pela organização educacional “1001 Inventions”, do Reino Unido, e contou com a parceria do Instituto Butantan, do Museu do Catar, do Ministério da Cultura do Catar e do governo do Estado de São Paulo. Ele integra as ações do Ano Cultural Brasil–Catar 2014. “O programa é muito importante para inspirar nossas crianças, porque ajuda a demonstrar que a ciência é global e que outras civilizações têm contribuído para o mundo em que nós vivemos desde sempre. Esta viagem ao passado pode nos ajudar a construir um futuro melhor”, disse Jorge Kalil, diretor do Instituto Butantan. Mais informações: “1001...

Leia mais
Musical Gonzaguinha, retorna a São Paulo
abr11
Leia mais