STJ nega recurso do ex-presidente Lula, em 20 dias ele poderá ser preso


Quinta-feira, 8 de março de 2018 às 11h50


O ex-presidente espera a decisão de recurso dos “embargos de declaração” junto ao TRF4. Ele ainda tenta um habeas corpus no STF. Lula culpa seus adversários, dizendo que será um preso político, caso vá para a prisão.

“Se não provarem um real na minha conta, se não provarem um dólar na minha conta, se não provarem uma telha na minha conta que não seja minha, eu terei que ser considerado um preso político. E eles então terão que arcar com uma responsabilidade de ter a pessoa que foi o melhor presidente do Brasil, a pessoa que lidera todas as pesquisas de opinião pública – qualquer uma, seja feita por inimigo ou amigo –, ou seja, eles vão ter que arcar com o preço de decretar minha prisão”, disse.

 

O ex-presidente Lula, diz em vídeo divulgado no internet que inimigos "vão ter que arcar com o preço de decretar minha prisão". Imagem: Youtube / aloimage / reprodução

 

Apesar das bravatas, após o julgamento do recurso dos ”embargos de declaração” no TRF4, Lula poderá ser preso. Ele é acusado de aceitar propina sob a forma de uma reserva e reforma de apartamento triplex no Guarujá, através da OAS, que em troca teria recebido vantagens para fechar contratos com a Petrobras. O STF é a última fronteira de que dispõe o ex-presidente. Sua defesa pediu habeas corpus, mas o julgamento ainda deverá ser marcado pela ministra Cármen Lúcia. Até esta etapa, Lula também não poderá ser candidato nas eleições deste ano, já que não é mais ficha limpa.

Os embargos declaratórios poderão ser julgados no próximo dia 26, após o retorno do desembargador Victor Laus, que deve retomar os trabalhos à partir do dia 23.

Sinais: Depois de sugerir em entrevista no dia 5 de fevereiro que Doria não se candidate ao Governo do Estado de São Paulo, ele disse também que “a cidade precisa do seu Prefeito”. No dia 20, expõe no Plenário da Câmara, sua insatisfação com o Executivo, dizendo que sua relação “é de crédito, não de débito”. Foto: Divulgação / Youtube / aloimage: reprodução

Leia mais sobre
ALÔ BRASIL

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo
3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo
Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio
Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo
Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro
Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo
Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro
Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo
  • Pandemia não impede obras de infraestrutura no Brasil, vídeo

  • 3º Drive Thru Solidário acontece sábado (16) na Rua Emília Marengo

  • Governador João Doria confirma quarentena até 31 de maio

  • Pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre saída de Sérgio Moro de seu governo

  • Coletiva de imprensa convocada por Sérgio Moro

  • Conferência interministerial do governo Bolsonaro, assista ao vivo

  • Pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro

  • Atualizações interministeriais do Governo Federal contra a COVID-19, ao vivo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Share This