Expansão da Linha Verde do metrô será retomada entre Vila Prudente e Penha


Terça-feira | 11 de junho, 2019 | 21h17


Quando em estiver em pleno funcionamento, trecho de 8,3 km com projeto para oito estações deverá atender em torno de 377 mil passageiros.

A notícia foi divulgada no início deste mês (3/6) pela Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), após o anúncio feito pelo governador João Doria e o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, quanto à retomada das obras de expansão da Linha 2 - Verde do Metrô. A meta é iniciar as obras no primeiro trimestre de 2020, quando os projetos executivos estiverem aprovados.

 

Das 8 estações programadas para a expansão da Linha 2 - Verde, cinco delas beneficiarão as populações do Alto da Mooca e Água Rasa, Jardim Anália Franco, Vila Diva, Vila Formosa, Jardim Têxtil, Guilherme Giorgi, Vila Manchester e Carrão. Imagem: Divulgação / CMI

 

O Governo do Estado de São Paulo vai investir R$ 5,5 bilhões para a elaboração dos projetos executivos do trecho de 8,3 km e 8 estações, desapropriações e execução das obras civis do trecho Vila Prudente a Penha. Parte deste valor já foi utilizado na desapropriação de 96,5% dos 226 imóveis necessários para a obra. O Metrô ainda vai elaborar a licitação para a aquisição de 22 novos trens para a Linha 2 - Verde, sistemas de alimentação elétrica, sinalização e controle, telecomunicações, portas de plataforma e auxiliares.

As estações a serem construídas são: Orfanato, Água Rasa, Anália Franco, Vila Formosa, Guilherme Giorgi, Nova Manchester, Aricanduva e Penha. Com o novo trecho, será possível transportar diariamente mais 377 mil pessoas na Linha 2 – Verde, que terá conexão direta com as linhas 3-Vermelha, 11 - Coral (CPTM) e 15-Prata. Conforme divulgado pelo metrô, isso vai facilitar o deslocamento dos trabalhadores que saem da zona leste com destino às regiões da Paulista, sul e sudoeste da capital. Também é estimada a melhora na distribuição dos passageiros pela rede de transporte sobre trilhos, em especial nas linhas 3 - Vermelha e 1 - Azul.

“A expansão da Linha 2 é uma demanda importante dos moradores da zona leste e a retomada desse projeto é resultado de um esforço de gestão alinhado ao nosso compromisso para melhorar a cada dia a prestação de serviço aos passageiros”, disse Baldy.

Para a expansão da Linha 2, o Metrô dividiu os trabalhos em oito lotes e contratou a execução em 2014, por meio de licitação. Os contratos foram temporariamente suspensos, por causa das restrições orçamentárias e financeiras.

Quando concluída a extensão até Penha, a Linha 2 - Verde terá 23 km de extensão, com 22 estações desde a Vila Madalena. Passará a ser a linha de metrô mais extensa de São Paulo, conectando-se diretamente com as linhas 1 - Azul (Paraíso e Ana Rosa) 3-Vermelha (Penha), 4 - Amarela (Paulista), 5-Lilás (Chácara Klabin), 15-Prata (Vila Prudente) e 11 - Coral (Penha), transportando mais de 1,1 milhão de pessoas por dia.


As informações são do Metrô

Leia mais sobre
ALÔ SÃO PAULO

 

Leia as últimas publicações

Recent Videos

Bolsonaro lança partido Aliança pelo Brasil
Nota de repúdio da Associação Nacional dos Procuradores da República, vídeo
Pátria Amada Brasil: 300 dias de Governo
Alexandre Garcia: visão de mais de 50 anos de jornalismo
Plano Safra é lançado com R$ 225,59 bilhões para produtores
Presidente pede confiança para mudar o Brasil, vídeo
Presidente Bolsonaro concede entrevista à Jovem Pan: balanço dos 100 dias de governo
Itália em São Paulo
  • Bolsonaro lança partido Aliança pelo Brasil

  • Nota de repúdio da Associação Nacional dos Procuradores da República, vídeo

  • Pátria Amada Brasil: 300 dias de Governo

  • Alexandre Garcia: visão de mais de 50 anos de jornalismo

  • Plano Safra é lançado com R$ 225,59 bilhões para produtores

  • Presidente pede confiança para mudar o Brasil, vídeo

  • Presidente Bolsonaro concede entrevista à Jovem Pan: balanço dos 100 dias de governo

  • Itália em São Paulo

Categorias

alotatuape

Autor: alotatuape

Share This Post On

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*